10 personagens que merecem um spin-off

Seja na televisão ou no cinema, franchises das atrações que fazem sucesso invadiram a nossa telinha (#SBTfeelings). The Carrie Diaries, um filme para a finada Veronica Mars, Once Upon a Time in Wonderland, Marvel’s Agents of S.H.I.E.L.D são, na verdade, derivações de outras atrações que já ganharam a atenção do público e conquistaram sua fan base.

São poucos os personagens merecedores de sobrevida, e mesmo esses, merecem um tratamento digno. Mas como saber quem realmente merece um spin-off? Por isso listamos alguns personagens que renderiam boas tramas. Confira:

Phoebe (Friends)

Por que merece um spin-off? Todo mundo conhece o passado dos outros integrantes de Friends. Ross e aquele bigodinho medonho, Monica gorda, Rachael antes da plástica do nariz… mas Phoebe só cita seu passado. O que ela fez na rua, como ela conseguiu sobreviver depois do suicídio da mãe e a prisão do padrasto… E apesar de parecer uma história de tristeza e solidão, Phoebe faria tudo ficar… meio louco. Ei, se resgataram Carrie Bradshaw para fazer uma merda prequel porque não pensar também na sensacional Regina Phalange?
Formato da série: Ah, gente! Precisa mesmo de explicação para a autora de Smelly Cat?! Um plot twist seria descobrirmos finalmente porque o gato era tão fedido!

Sid e Cassie (Skins)

Por que merece um spin-off? Cassie é a melhor personagem de todas as gerações do seriado. Não vamos discutir isso. Sério, nós não vamos entrar nesse tema. Aceita que dói menos. No final da segunda temporada ela simplesmente foge para Nova York! Cabô Cassie! E Sid vai atrás! E nunca mais soubemos nada sobre eles até o retorno da personagem mais louca e desligada na sétima temporada de Skins — Pure partes 1 e 2, como uma garçonete ainda desligada da realidade buscando um sentido para sua vida. Mas peraí, essa Cassie não soltou um “Wow, lovely” hora nenhuma! Queremos é saber o que aconteceu na América enquanto eles andavam para lá e para cá. Afinal, qual foi o final do casal mais inocente e verdadeiro da primeira geração de Skins?!
Formato da série: Veríamos como seria uma Skins USA com membros do cast original de Skins UK capitaneando a coisa. Como a MTV, quando fez aquela porcaria versão, não pensou nisso! Em vez de fazer um remake, continuar a série com Cassie e Sid seria sensacional!

Joey (Dawson’s Creek)

Por que merece um spin -off? Dawson é o maior bundão da história das séries. Além de não ter ficado com a garota por quem era apaixonado no final de sua própria série, que leva o seu nome, ele ainda apareceu na série menos que ela (que foi a única personagem a aparecer em todos os 128 episódios da trama). Joey era mais legal, mais inteligente e, sejamos honestos, Kate Holmes é mulher demais para um James Van Der Beek.
Formato da série: Teríamos bastante risinhos de canto de boca, olhadas para os lados e para o chão, boquinhas de lado, cabecinhas entortando e uma escala assombrosa, nunca vista antes em uma série adolescente, de verborragia. Aliás, a atuação de Kate Holmes para sua Joey já foi sacaneada até pelo próprio Dawson em seu tumblr (entre outras caras muito boas)

Victoria Grayson (Revenge)

Por que merece um spin-off? Ela é má e dissimulada. Sorri como quem dá um tiro em alguém. Fala atrocidades com cara de boazinha. Ela é a rainha dos Hamptons. Ela é Victoria Grayson e apesar de ser tão protagonista como Emily em Revenge, merece os holofotes só para ela.
Formato da série: Esqueçam Jack, vingança, mestres ninjas, sentimentos profundos e conflituosos e vamos ao que interessa: façam um spin-off com Victoria sendo má o tempo todo e falando coisas lindas, como quando Lydia, uma “amiga”, resolveu cruzar seu caminho :” Que toda a vez que eu te abrace, o calor que você sentirá virá do meu ódio queimando”. Vejam a cena no vídeo abaixo:

Karen Walker e Jack (Will and Grace)

Por que merece um spin-off? Ela é rica, bêbada, jamais saberemos sua idade, elitista, racista, casou por interesse, homofóbica, meio bissexual (?!?) e viciada por qualquer coisa que venha em pílulas. Ele é tão gay quanto alguém pode ser gay. E mais gay ainda! O nome do seriado original podia ser Will and Grace mas todos nós assistíamos para ver Jack e Karen.
Formato da série: Megan Mullally já teve um programa de entrevistas de curta duração logo após Will and Grace e ela era ótima. Mas ela não era Karen Walker. Além disso, um personagem merece seu próprio show se cita coisas como “Every night is a three-way with Stan: him, me and Johnny Walker Black. ”, “I’m bored. Let’s take a picture of us eating all this food and then show it to some homeless person”, “That’s like saying Pradas are just shoes or vodka is just a morning beverage” e “ Your boyfriend is a big flaming feather-wearing man-kissing disco-dancing Christina Aguilera-loving queer, Honey”. E se isso ainda não te convenceu, chore vendo Jack descobrindo quem realmente é Deus no vídeo abaixo:

Miranda Bailey (Grey’s Anatomy)

Porque merece um spin-off? No começo ela era a Nazi, o terror dos residentes. Extremamente competente, mas grossa como uma porta, tinha 5 regras e ninguém se atrevia a desobedecê-la. Durante todas essas temporadas, a Dra Bailey foi um ponto de segurança para os médicos de Grey’s Anatomy e se tornou uma pessoa mais doce e gentil. Não gostamos disso.
Formato da série: Shondazila criaria uma nova equipe de residentes para Bailey descascar e sacanear. Além disso, voltar às origens de sua atuação deixaria a fantástica Chandra Wilson no radar das premiações, como já foi tantas vezes. Mas o mais importante, um spin-off de da Dra. Bayle permitiria que cenas, como essas da primeira temporada, voltassem a acontecer (#GreysJáFoiMuitoBom):

Tyrion Lannister (Game Of Thrones)

Por que merece um spin-off? Se David Benioff e D. B. Weiss quiserem dar tempo para J. R. R. Martin terminar de escrever os livros 6 e 7 de Game Of Thrones antes que ele morra (o cara já tem 65 anos! E escreve muito devagar!), e não deixar a série chegar nos livros eles deveriam fazer: AS AVENTURAS DE TYRION!
Formato da série: Tyrion bebe, mexe com prostitutas, eventualmente se casa com uma delas, bebe mais um pouco, mais mulheres nuas pagando peitinho, faz comentários sarcásticos e desmaia alcoolizado num bordel. Nesse meio tempo ele bate mais algumas vezes na cara de Jofrey. Nada me dá mais satisfação do que Jofrey tomando tapas na cara. Eu assistiria a isso.

Troy e Abed (Community)

Por que merece um spin-off? O que acontece quando você junta um descendente de indianos obcecado por filmes e um atleta-nerd sem grandes motivações na vida além de mexer com ar-condicionados? Uma genialidade que sustenta a série Community até em suas temporadas mais fracas.
Formato da série: Um spin-off dos personagens seria um talk-show, entrevistando convidados (reais ou imaginários) ou apresentado as notícias do dia (reais ou imaginárias) com a única obrigação de ser roteirizada pelo Dan Harmon (já vimos o que o que acontece com os personagens quando Harmon não está envolvido no projeto, como nessa 4ª temporada.) As opções de coisas sensacionais que eles podem fazer é bem variada: eles dançam, fazem rap’s, e claro, apresentam o sensacional troy and abed in the morning. Honestamente, a sequência dos dois estudando antropologia com Betty White enquanto fazem um rap, sozinha, já vale trinta temporadas de qualquer show da CW (#CaçandoBriga)

Eric Northman, Pam e Jessica Hamby (True Blood)

Porque merece um spin-off? Eric, Pam e Jess são os personagens que ainda sustentam a história de True Blood. Eles são bonitos, são vampiros, têm um caráter duvidoso e gostam disso tudo. Sookie e companhia são legais e tal mas têm muito drama envolvido, muita choradeira. Fora que não teríamos a Tara e isso por si só já é um grande avanço. Sejamos honestos pessoal, Pam merecia ser o personagem principal de alguma coisa.
Formato da série: Não temos muita ideia de como funcionaria, mas só por termos a Pam já é garantia de sucesso.

The Mother (How I met your Father)

Por que merece um spin-off? Ela acabou de aparecer fisicamente mas ouvimos falar dela por quase uma década!
Formato da série: Esse será o melhor spin-off de todos! A mesmíssima história de Ted agora contada pela mãe! Os filhos de Ted e The Mother já perderam suas adolescências sentados no sofá ouvindo seu pai contando histórias aleatórias, hora de perder a vida adulta também com mamãe falando maluquices. A revolta deles foi mostrada na Comic-Con… priceless.

E na sua opinião? Tem algum personagem muito especial que mereceria um spin-off? O pessoal de Hollywood tá marcando bobeira? Quem mereceria uma série solo?

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER