10 séries com viagens no tempo

Doctor Who

A ficção científica que está a mais tempo no ar só poderia abrir este texto. Adorada por fãs que extrapolam o território da ilha da Grã Bretanha, ondo foi criada, a série conduz com maestreia histórias não apenas de viagem no tempo, mas no universo.

Um dos motivos é a adorada TARDIS, este meio de transporte maravilhoso que todos gostaríamos de ter em casa. Está no ar pela BBC desde 1963, tendo trocado seus Doutores desde então, sem nunca perder o ritmo da aventura.

Do Over

O tempo passa, emissoras mudam de nome, mas não é nem preciso viajar no tempo para perceber que a tática continua. A finada WB tinha mania de colocar no ar as mais bizarras séries de TV, para ver o que acabaria colando. Do Over foi uma das que não vingou.

Estrelada por Penn Badgley, de Gossip Girl, a série mostrava algo que muitos já imaginamos um dia: Joel Larsen tem sua consciência enviada de volta a sua juventude, quanto tinha 14 anos. Com experiência acumulada, ele tentaria fazer sua vida ter rumos diferentes. Até que a série foi cancelada. Remake no CW já!!!

Day Break

A variante mais popular da viagem no tempo é o loop. Ele consiste na repetição de um momento, fazendo o personagem passar por tudo aquilo de novo. O exemplo mais famoso disso na TV foi esta série, que só durou uma temporada na FOX.

Todo dia o detetive Brett Hopper acordava às 6:17 sendo acusado de um assassinato. Ele passava o dia colhendo provas para mostrar que era inocente, até que ia dormir e tudo começava outra vez. O programa tinha um roteiro super inteligente e promissor, mas ficou pelos 13 episódios…

Time Cop

Esta série da ABC era baseada em um filme de Jean-Claude Van Damme, que acabou se tornando um verdadeiro fiasco. Foi criada em 1997, estrelada por Ted King no papel do oficial Jack Logan, que foi enviado de volta ao passado, direto de 2004. Agora seu destino é enfrentar a criminalidade dos anos 90.

O roteiro era bobo, os efeitos eram ridículos e acabou tendo apenas nove episódios. E ainda está sendo planejado um reboot do filme original para o cinema. Nem precisa de uma máquina do tempo para visitar o futuro e saber que isso vai flopar nas telonas.

Life On Mars

Sucesso na Inglaterra, não tardou para ganhar sua versão americana. Mas vamos nos focar na original, pois o remake não deu muito certo.

Life On mars não se preocupou muito em explicar as nuances da viagem no tempo, deixando isso como elemento misterioso que aguçava a curiosidade do telespectador. Esta série da BBC mostrava um policial de Manchester acordando em 1973, logo após sofrer um acidente de carro. O mais estranho é que o mundo o recebe como se ele fizesse parte daquela época!

Heroes

Não que viagem no tempo tenha sido o enredo principal da série, aliás, foi ele quem ajudou a atrapalhar a trama. Mas este elemento fazia parte de seu universo e um de seus personagens mais adorados estava totalmente relacionado a ele.

A segunda temporada do seriado acabou dando bastante destaque a Hiro e seus amigos samurais, nos tempos do Japão feudal. E nada poderia ter sido tão ruim quanto aquilo. Mesmo com outros fatores curiosos a serem explorados, como um futuro sombrio e dominado por entidades misteriosas, os roteiristas decidiram perder tempo com Hiro. tsc tsc

Misfits

Ao que parece os ingleses adoram explorar esse recurso de narrativa. A viagem no tempo também fez parte de Misfits, mas diferente de Heroes, aqui a coisa foi bem feita.

Apesar de suas limitações de controle, Curtis podia fazer verdadeiros estragos e acertos com sua habilidade especial. Mas ela só funcionava quando ela se sentia arrependido ou culpado por alguma coisa. Era uma chance de voltar atrás e acertar tudo.

Alcatraz

Nos dias de hoje, descobrimos que a prisão de Alcatraz não era exatamente o que imaginávamos. Há anos, em uma noite fora do comum, seus prisioneiros foram levados de forma misteriosa e tudo foi mantido no mais absoluto sigilo.

Até que eles passam a retornar, com missões criminosas que apenas uma detetive experiente como Rebecca Madsen poderia conter. O pior, a história da heroína está totalmente relacionada a um dos misteriosos prisioneiros.

Paradox

Se já não bastasse os bons exemplos de séries inglesas acima, que tratam do tema, temos mais esta. Paradox é uma ficção de 2009 que mesclava elementos ficcionais ao de um drama policial. A Detetive Rebecca Flint trabalhava com um cientista na prevenção de desastres que estavam para acontecer.

O elemento viagem no tempo vinha através de mensagens recebidas pelo computador, direto do futuro! Quem as enviava??? Continua o mistério, afinal a série só teve uma temporada e isso não foi respondido.

Terra Nova

Este flop da Fox todo mundo conhece! No futuro, o planeta Terra passa por um esgotamento de recursos e parte da população é enviada aos tempos da pré-história para recomeçar a saga humana.

O problema é que o acampamento passa por dificuldades que vão desde terroristas ecológicos, até a contenção de perigos não previstos, como os hábitos dos antigos moradores da Terra — no caso, os dinossauros.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER