A carreira musical pós-reality show

É impossível negar que 2012 foi um ano de extrema importância para os reality shows musicais. A participação de uma das maiores artista pop do mundo, Britney Spears, intensificou não apenas a propaganda do The X Factor americano, como também contribuiu para a popularidade de seus concorrentes de forma eficaz e involuntária.

O maior beneficiado em tudo isso? Os candidatos. A maior exposição ao público, fruto da popularidade, aumenta consideravelmente as chances de emplacar na indústria da música. Uma prova disso? Diversos participantes das três maiores franquias (American Idol, The X Factor e The Voice) já são sucesso, mesmo que momentâneos, em terrenos americanos e em terras estrangeiras, como no nosso país.

Confira, logo abaixo, um gostinho do início de carreira de alguns candidatos marcantes do ano passado após suas saídas e/ou vitórias nos programas americanos.

SEBKYnx

O quinteto ficou em 3ª lugar no ranking final do The X Factor, mas assinou com a Syco, gravadora de Cowel, e é classificado como um grupo promissor para os próximos anos.

A história das meninas é parecida com o Emblem3. Suas músicas eram sucesso no iTunes após a exibição dos episódios do reality e geravam uma ótima repercussão na mídia social, como o Youtube e o Twitter.

Mas o sucesso da grupo foi continuado de forma diferente. Elas publicam constantemente covers na internet de diversas canções que são hit atualmente, um método que tem funcionado bastante para manter o nome rodando por aí enquanto o álbum não fica pronto. A mídia já as elogiou por isso e os números surpreendem; uma das canções cantadas pelas garotas, em parceria com o Boyce Avenue, foi Mirrors, do Justin Timberlake, que já marca mais de 8 milhões de visualizações no Youtube. Aliás, o grupo já possui fã clubes oficiais em quase todos os países do mundo e vem conquistando os fãs de música pop.

Recentemente, com a popularidade gigante que alcançaram lá fora, o primeiro single foi divulgado na internet e o álbum foi anunciado para o final do ano, já com turnê planejada por um dos responsáveis por revelar Beyoncé e a Destiny’s Child. A música não foi divulgada para compra oficialmente nos Estados Unidos, mas já garantiu lugar nas rádios e um espaço nos rankings de diversos países, além de ter agradado bastante a crítica.

A primeira criação original do grupo, Miss Movin’ On, pode ser conferida ao apertar play.

Comentários pessoais: A música tem mais auto-tune do que deveria. Todos sabemos o grande potencial vocal que elas têm, o que torna esse corretor de voz completamente desnecessário. Mas a música tem cara de hit de verão e acabou me agradando de forma positiva. Gosto mais do estilo delas em suas publicações na internet, como no cover de Mirrors, que mostra o quão grande é o poder de suas vozes, mas ao que tudo indica, elas têm futuro.

phillip-phillips-album

Phillip Phillips conquistou a audiência com seu estilo folk-rock, venceu a décima primeira edição do American Idol e mantém a carreira mais estável entre os citados neste texto.

Phillips não foi vítima de uma popularidade mediana após ganhar o programa; o jovem de 22 anos quebrou o recorde colossal de Kelly Clarkson do dia para a noite. Clarkson tinha liderança absoluta de singles vendidos por artistas revelados pelo programa até o lançamento de Home, single de Phillip. A música foi comprada por 4 milhões e meio de pessoas, enquanto o maior sucesso de Kelly, a canção Stronger, vendeu 4.300.000 em um período maior de tempo.

Mas ele não parou por aí. O álbum de estreia do cantor, The World From The Side Of The Moon, liderou as vendas no iTunes por alguns dias e oscilou entre o Top 5 da loja durante um bom tempo. O mesmo feito foi repetido na Billboard, onde o álbum estreou na quarta posição. Logo, a turnê de Phillip Phillips nos Estados Unidos foi um grande sucesso e consagrou-o como um dos melhores artistas do gênero pela crítica especializada.

Atualmente, Phillip está com todo seu tempo voltado para a escrita e produção de seu segundo projeto musical e é uma das atrações do Rock In Rio 2013, dividindo o dia com o fantástico John Mayer.

Ouça Home, seu maior sucesso, abaixo.

Comentários pessoais: Não acompanhei a décima primeira temporada do American Idol, mas após ter conferido o álbum de estreia de Phillips, arrependi-me profundamente. Ele é muito bom, e a prova disso é visível em Home, anexado acima, e toda a qualidade investida no seu trabalho de estreia. É um álbum para se conferir e um artista promissor no ramo.

242_10151962487001959_115322128_n

O trio Emblem3 se despediu do The X Factor nas semifinais, mas Simon Cowell investiu pesado na carreira dos garotos, que se torna cada vez maior.

A verdade é que o Emblem3 já nasceu como um sucesso nas audições do The X Factor. Seja pela beleza, presença de palco ou talento (o que eu duvido), o grupo reunia muitos olhares no Youtube com suas performances semanais e era um dos participantes que mais vendia no iTunes. Ou seja, a popularidade deles sempre foi grande, bastava ser continuada.

E foi. A boyband, que não curte ser taxada assim, deixou o programa já com um contrato assinado com a produtora de Simon Cowell e o espaço reservado para abertura da turnê de Selena Gomez, que já rodará todo os EUA a partir de agosto. O trio também já participou de uma turnê própria baseada em covers nos meses de março e abril e teve TODAS as apresentações esgotadas. Agora, o grupo volta em outra turnê no verão americano para divulgar o primeiro álbum (foto acima), que também já apresenta boa parte dos shows esgotados. E devido ao grande sucesso aqui, o grupo se apresentará no Z Festival em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Além disso, apesar da crítica ter dividido opiniões sobre o trabalho deles, o primeiro single, Chloe, caminha para 3 milhões de views no Youtube. Tal música também atingiu o primeiro lugar no iTunes Brasil e teve um desempenho satisfatório na Billboard e no iTunes americano em sua primeira semana.

Não deixe de conferir o primeiro sucesso do grupo, Chloe, logo a diante.

Comentários pessoais: Não vou negar que gostei. É divertida, chiclete e bem animadinha, porém é entendível porque a crítica não aprovou. É um grupo sobre o qual ouviremos falar bastante daqui pra frente, mas ao menos, é mais suportável do que One Direction. E tudo isso prova que Simon Cowell é fantástico, emplacando mais um grupo de sucesso no ramo.

tumblr_mohoxlQBAn1ssemi8o1_500

Cassadee Pope é avassaladora, quebradora de recordes e a mais nova queridinha do mundo country, como os números indicam.

Tate Stevens e os grupos formados pelo The X Factor podem ter se dado bem no iTunes, mas Pope foi além, agradou Blake Shelton e a emissora NBC com seus números, uma vez que o nome dela esteve na Billboard duas vezes durante o programa, algo que NUNCA aconteceu para simples participantes de reality shows. Com sua versão de Over You (152 mil cópias vendidas) e Stupid Boy (130 mil cópias vendidas), Cassadee atingiu o 3º e 4º lugar da lista americana, respectivamente. É ela a dona do título de cantora que mais vendeu durante o The Voice. Aliás, uma coletânea de todas as suas músicas cantadas no reality atingiu o primeiro lugar em uma lista da Billboard nomeada Heatseekers, que é voltada para artistas iniciantes.

Seu primeiro single, Wasting All These Tears, foi divulgado recentemente, mas já é um dos maiores sucessos do gênero nos Estados Unidos desse ano. Em cerca de 48 horas, as vendas totalizaram quase 80 mil cópias, e em cerca de 10 dias, mais de 150 mil. A música garantiu o primeiro lugar no iTunes para Cassadee durante alguns dias e ainda vem rendendo bastante na parada, oscilando entre o Top 100 da loja. Porém, o mais surpreendente foi seu resultado na Billboard, pois a canção alcançou o 10º lugar na estreia e atingiu a 7ª posição após sua performance no The Voice na parte do gênero country.

Na HOT 100, a lista que realmente importa, o single alcançou a 37ª colocação, o que foi um ótimo desempenho para uma iniciante. John Mayer, por exemplo, estreou Paper Doll (ótima canção) na 77ª posição com muitos anos de carreira. O mesmo ocorreu com o Paramore, que ao lançar Still Into You (outra ótima música), atingiu um ápice no 83º lugar… Em suma, Wasting All These Tears On You fez bonito. E muito bonito!

A crítica já aponta seu álbum (programado para o outono americano) como um dos mais esperados do ano e apostam na moça como o novo rosto jovem de sucesso na indústria musical. Além disso, Cassadee tem recebido grande apoio “marketeiro” da NBC e do reality que a revelou, cujos rotulam a cantora como a única candidata com grande potencial para tornar-se reconhecida em grandes proporções e a mais importante da história do programa.

Wasting All These Tears pode ser conferida a seguir.

Comentários pessoais: De todas anexadas neste texto, essa é a minha canção favorita. Apesar de termos comprado uma Cassadee mais pop/rock na temporada do The Voice, a cantora se mostra muito competente e cativante investindo em seu lado country. Apesar disso, não a achei confortável com o novo ritmo, e isso é nítido em sua apresentação no palco do The Voice.

tumblr_meb2ljncAk1r3ty02o1_500

E os lançamentos não param por aí. Jessica Sanchez, do American Idol, já tem um álbum nas lojas, mas não agradou a crítica e nem mesmo foi reconhecido pelas paradas americanas. O mesmo ocorreu com Tate Stevens, vencedor da última edição do The X Factor e Chris Mann, do The Voice. Ou seja, ambos floparam em todos os aspectos.

Ainda para esse ano, podemos aguardar o lançamento de Candice Glover, Carly Rose Sonenclar, Beatrice Miller, e possivelmente, CeCe Frey, na indústria musical. E para o ano que vem, Angie Miller já garantiu certeza de um álbum ao assinar com a Universal Music.

Parece que 2012 foi mesmo um grande ano para os participantes dos programas e, enquanto isso, só desejamos o melhor do sucesso para eles. E aí, quais foram os seus lançamentos favoritos e quais deles vocês acham que possuem chances no sonhado ramo da música? Não deixem de comentar!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER