A experiência extraterrestre de Arquivo X

arquivox

Arquivo X arrebatou para si uma legião de fãs, conquistada pela sua mitologia própria. Basicamente, a série falava de experiências com contato extraterrestre. Em nove anos, Mulder e Scully lidaram com suas crenças e descrenças para desvendar alguns mistérios sobrenaturais.

De fato, existe um ramo da ciência que é especializado em estudar e esclarecer algumas problemáticas ainda obscuras para nós terráqueos. Quando se trata da vida fora do nosso planeta, a Exiobiologia (ou Astrobiologia) e a Ufologia são os campos científicos que se responsabilizam por procurar e desvendar vestígios da vida extraterrestre.

Ainda vista como um campo hipotético, ambos usam de sondas e vídeos para identificar evidências de que existe algo mais além da Terra. Um órgão governamental importante nesses estudos é a NASA, que desenvolveu o Projeto SETI (Search for Extraterrestrial Intelligence), que se baseia essencialmente na busca por comunicação com vida inteligente extraterrestre através de ondas eletromagnéticas. No entanto, há evidências de que o matemático alemão Carl Friedrich Gauss, lá no século XVIII, projetava o envio de sinais para a Lua, através do Teorema de Pitágoras.

Projetos como SETI também trabalham com relatos de abdução, uma vez que acredita-se que uma representativa parcela da sociedade acredita na existência de vida fora da Terra. No entanto, esses relatos são múltiplos e cada qual enraizado em bases religiosas e sociais diferentes. A partir dessas experiências, se desenvolveu uma tipologia para os extraterrestres.

X Files Aliens

Os pleidianos, por exemplo, é uma classificação dada por relatos de adeptos da Nova Era. Segundo eles, esse tipo de extraterrestres, que vivem no grupo de estrelas Plêiade, é uma espécie altamente evoluída e que quer ajudar os terráqueos a conquistar tal evolução.

Outro tipo bastante difundido é o reptiliano. Representam, segundo os relatos, a versão maquiavélica dos alienígenas, pois seu objetivo principal é dominar a espécie humana. Ganhou várias representações na TV e no cinema, como, por exemplo, a série O Elo Perdido (1974).

O mais conhecido, entretanto, são os de tipo Grey — e que são personagens recorrentes em Arquivo X. Basicamente, são homens de pequena estatura (cerca de 1,30m) e que têm a cor da pele cinza. A ufologia defende veementemente a existência dessa espécie, embora seja combatida pelos governos. A ciência, por sua vez, acusa os governos de acobertarem tal invasão. Os ufólogos se baseiam em casos de mutilação com cortes cirúrgicos exatos, uma vez que defendem que os greys se alimentam de plasma sanguíneo por digestão intracelular. Um nome expoente no estudo dos greys é o estudiosos americano Alex Collier. Segundo ele, os homenzinhos cinzas se alimentam da energia vital humana, não possuem sentimentos e querem escravizar a civilização humana para garantia de energia e trabalhos físicos.

Outra corrente dentro da Ufologia defende que a espécie é escrava de um Consortium maior, dominada por reptilianos. Ainda sob essa perspectiva, os greys originais são altos e brancos, sendo os de estatura pequena uma variação genética adaptados para fazerem serviços pesados, principalmente os relacionados com atmosferas de oxigênio.

Na América Latina, a espécie mais conhecida — e temida — é o Chupacabra. Alguns relatos no México, Porto Rico, Chile, Nicarágua e

Varginha

Brasil contam que animais rurais foram encontrados mortos com perfurações no tórax e no pescoço, com o sangue totalmente drenado. O nome foi dado após oito cabras serem encontradas em tal estado em Porto Rico, no ano de 1995.

No Brasil, o caso mais conhecido é o de Varginha, em Minas Gerais. Basicamente, foram aparições de OVNIs no espaço aéreo brasileiro, os quais foram notificados ao país pelo NORAD (Comando de Defesa Aeroespacial da América do Norte). Moradores da cidade contam terem vistos humanoides com aparência viscosa e cor marrom, que fizeram contato através de transmissão de pensamento. As forças policiais se encarregaram de investigar o fato e desmentiram os relatos, fazendo da história, lenda urbana.

Mesmo com toda incerteza acerca do que nos espera fora da Terra, Mulder e Scully, há vinte anos, fizeram o imaginário humano relativizar tudo em sua volta, e supor que, potencialmente, possa haver alguém além de nós. The X-Files não foi apenas um universo paralelo de toda crença ou estudo, foi a conjugação de tudo que não se vê, mas também não se é provado sua inexistência.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER