A pioneira Plantão Médico

Sucesso na década de 90, série teve até Steven Spielberg como produtor

A mãe de todos os dramas médicos que aprendemos a amar está de volta. Depois de 6 anos fora do ar, E.R. — Plantão Médico volta às telinhas para que a gente possa matar as saudades da sala de emergência do County General Hospital. E o melhor: com jeitinho de novela!

No Brasil, a série já foi exibida na faixa nobre da Globo — após a novela, claro — no SBT e no canal Sony. Mas a partir de hoje (dia 6), o canal Warner exibirá de segunda a segunda, às 13h, os 331 episódios dessa série apaixonante, bem na hora do almoço. E olha só: pra deixar tudo com ainda mais jeitão de novela, o canal também reprisará o episódio do dia no horário nobre, às 20h50, de segunda a sexta. Legal, não é?

Julianna Margulies e George Clooney

Então segura o estetoscópio e prepara os exames porque o Box de Séries vai contar um pouquinho dessa trajetória de sucesso. Plantão Médico originalmente era pra ser um filme, dirigido por Steven Spielberg. Só que ao perguntar a Michael Crichton qual era o seu atual projeto, acabou descobrindo um roteiro espetacular sobre dinossauros e DNA e parou tudo para desenvolvê-lo. Projeto esse que mais tarde ficou conhecido com Jurassic Park.

Assim, Plantão Médico ficou engavetado por um tempinho até começar a ser pensado como uma série, e com a produção executiva e consultoria de Spielberg, especialmente na primeira temporada. Ele sempre esteve por lá dando palpites e conselhos. Foi dele, por exemplo, a ideia de tornar Julianna Margulies uma atriz regular na série. Foi também Spielberg quem solicitou a contratação do grande John Wells para ser produtor executivo da série.

O trio que tornou o sonho de Plantão Médico realidade.

O roteiro que ganhou vida no piloto da série saiu inteiramente da mente de Michael Crichton. Exceto por algumas coisinhas: A Dra. Susan Lewis era na verdade um homem, mas que acabou se tornando mulher por exigência dos produtores da NBC.

Outra exigência foi que o Dr. Peter Benton deveria ser negro, mesmo sem ser descrito dessa maneira no roteiro original. Nos comentários especiais do DVD da primeira temporada, Michael conta que o roteiro se manteve intacto desde a sua idealização, vinte anos antes da série estrear.

O primeiro episódio precisou ser cortado em 20 minutos para poder caber na exibição especial de 2 horas, no horário nobre da NBC. Logo ali, no começo, já se consagrou uma das aberturas mais icônicas da televisão, que foi exibida até a décima terceira temporada da série — e que causou revolta nos fãs ao ser retirada. Aqui no Brasil, os fãs curtiram a trilha sonora épica no encerramento da série.

A série era caríssima. Da primeira a terceira temporada, cada episódio custava 2 milhões de dólares. Já da sétima a nona temporada, cada episódio custava 8 milhões de dólares. O retorno, claro, era gigante: só para ter um comercial de 30 segundos no último episódio da série, um anunciante teria que desembolsar 425 mil dólares. Imagina quanto de grana a série não arrecadou nesses 15 anos de exibição?

O retorno também vinha em audiência. Apesar da disputa acirrada no horário nobre das quintas, inclusive competindo com o futebol americano em muitas ocasiões, Plantão Médico registrava médias exorbitantes para a época. A temporada mais assistida foi a terceira, exibida na fall season 1996–1997, com média de 31 milhões de telespectadores por episódio. Já a menos assistida foi a décima quarta, exibida entre 2007 e 2008, com média de 9 milhões de telespectadores.

tarantino er

Durante tanto tempo no ar, Plantão Médico teve inúmeras participações especiais, seja com diretores convidados (como Quentin Tarantino, que dirigiu o episódio “Motherhood”, da primeira temporada) ou com grandes atores e atrizes de Hollywood.

Aí vai uma lista com alguns, para te deixar com água na boca: Lucy Liu, Mariska Hargitay, Kirsten Dunst, Rebecca de Mornay, Dakota Fanning, Shia LaBeouf, Jared Paladecki, Angus T. Jones, Julie Delpy, Zac Efron, Keke Palmer, Cynthia Nixon, Steve Buscemi e Susan Sarandon. Ufa!

Sally Field como  Maggie Wyczenski, a mãe bipolar de Abby.

E ainda tem mais: as participações de Sally Field e de Ray Liotta renderam Emmys de Melhor Atriz e Melhor Ator Convidado(a) em Drama, por suas participações em 2001 e 2005. Além deles, outros artistas também conquistaram indicações como convidados, entre eles o Ewan McGregor, Alan Alda, Stanley Tucci, Don Cheadle e Forest Whitaker.

E por falar em premiações, só no Emmy foram 23 vitórias, de 124 indicações. Nem preciso dizer que foi a série dramática mais indicada na história, certo? E o sucesso de crítica não se restringiu a um só público: a série é a maior vencedora do prêmio de Melhor Série de Drama no People’s Choice Awards, acumulando 8 vitórias consecutivas, de 1995 a 2002.

O hospital que nós vemos no piloto é, na verdade, de verdade. O Hospital Comunitário de Linda Vista, na época inativo, serviu de cenário para o desabrochar da série até os estúdios da Warner Bros ficarem prontos em Los Angeles, para receber a galera do County General Hospital.

Apesar de gravada na Califórnia, muitas das cenas externas da série foram mesmo gravadas em Chicago, onde a história se passa. Muitos anos depois, Julianna Margulies voltou a Chicago, no condado de Cook, em Illinois, para protagonizar o sucesso The Good Wife.

E por falar no elenco da série, considerando que Plantão Médico foi o drama médico de maior duração do horário nobre da TV estadunidense (Grey’s Anatomy já tá encostando), a produção acabou se tornando uma espécie de Malhação reduzida, com muitas trocas de elenco. Mas o primeiro a gente nunca esquece, não é?

O elenco original de atores consistia em: Anthony Edwards (como o Dr. Mark Greene), George Clooney (como o Dr. Doug Ross), Sherry Stringfield (como a Dra. Susan Lewis), Noah Wyle (como o estudante de medicina John Carter) e Eriq La Salle (como o Dr. Peter Benton). Julianna Margulies fez uma participação especial no primeiro episódio como a Enfermeira Carol Hathaway e depois virou parte do elenco regular.

er

Na última temporada da série, John Wells e os outros produtores de ER conseguiram trazer todos os atores originais da série de volta e também diversos atores que fizeram história na série para fazerem participações especiais visando um encerramento digno. Outros antigos membros do elenco regular de outras temporadas também fizeram participações: Laura Innes (Kerry Weaver), Alex Kingston (Elizabeth Corday), Paul McCrane (Robert Romano), Maura Tierney (Abby Lockhart) e Shane West (Ray Barnett).

Um dos momentos mais marcantes da história de Plantão Médico (e da história da TV) foi quando a NBC apresentou um episódio ao vivo. “Ambush” em 1997, foi descrito como um documentário da PBS gravado dentro de um hospital e, de fato, foi um momento memorável, puramente um teatro gravado. Como se não bastasse, o episódio foi encenado novamente 3 horas mais tarde, para que a Costa Oeste pudesse ter a mesma experiência que a Costa Leste teve. Sensacional, não é? Imagina só quanto treino e ensaio…

Entre inúmeros romances e dramas familiares e de relacionamentos, Plantão Médico marcou época com a renovação do formato de drama médico, com um retrato mais realista, sem deixar o lado fantasioso e encantador da TV de lado. E agora você poderá acompanhar isso tudo pela primeira vez ou novamente, no canal a cabo Warner, mais de 20 anos depois do começo de tudo. Delícia, não é?

Então não se esqueça: todo dia, às 13h, e com reprise de segunda a sexta, às 20h50!

Curtiu a Você Precisa Assistir de hoje? Conta pra gente a sua experiência com a série aí nos comentários. Estamos tarados pra saber de tudo. Obrigado por ler e até a próxima!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER