A poesia de Tiago Iorc em Troco Likes!

Com um álbum inteiramente autoral, o cantor e compositor (e poeta) Tiago Iorc impressiona com Troco Likes.

Tiago Iorc sempre esteve presente no cenário musical brasileiro, mesmo que um pouco camuflado em meio as várias trilhas sonoras de novelas que já emplacou.

Felizmente, 11 faixas totalmente autorais e em português (com exceção da faixa bônus) estão à disposição para quem quiser conhecer mais desse brilhante cantor e compositor. Falando assim até parece exagero, mas não. O atual momento da música brasileira estava pedindo um cantor com tamanha identidade que é Tiago Iorc.

De modo geral, Troco Likes critica, inspira, apaixona e hipnotiza seus ouvintes. É pura poesia.

Alexandria, Bossa e Sol Que Me Faltava vêm como críticas, feitas de maneira tão delicada e confortável, porém direta. Questionam o individualismo, a vaidade, o egoísmo e até a artificialidade do Instagram. Quer ver só? Leia alguns trechos das músicas citadas:

Alexandria — “Gente demais, com tempo demais, falando demais, alto demais. Vamos lá atrás de um pouco de paz.”

Bossa — “Atenção! As pessoas não precisam ser iguais às outras. Aceite ou não, mas você é única no mundo assim. Uns são mais coordenados, determinados, obcecados. E outros atrás vão levando a vida… E quem ousa dizer que é pior?”

Sol Que Me Faltava — “Onde foi, onde foi a última vez que você se deixou livre, sem se retocar? Sem se Instagramear?”

E pode-se dizer que foi bastante difícil destacar somente esses trechos. As letras estão FOD**!

Mas calma! O romantismo tão conhecido de Iorc permanece e renasce ainda melhor nas faixas restantes. Uma das mais conhecidas, o single Amei Te Ver, ganhou até clipe com a Bruna Marquezine. Caso ainda não tenha visto, poderá conferi-lo logo abaixo, é lindo demais!

Mil Razões, Eu Errei, De Todas As Coisas ❤ ❤ (um bolero delicioso), Coisa Linda, Cataflor e Liberdade Ou Solidão são só elogios também. Além do que expressam pelas palavras, cantando a solidão, a paixão e o puro e simples amor, são belíssimas no âmbito instrumental, assim como nos arranjos e ritmos embalados quase sempre pelo violão.

O álbum é tão perfeito, que nem precisaria de faixa bônus. Talvez pelo fato de sempre ouvir Tiago Iorc cantando em inglês nas novelas da Globo, não empolguei muito com Till I’m Old and Gray, mas ela vem para comprovar o talento incontestável de Tiago Iorc, cantando tanto em inglês, como em português.

Se você ainda não ouviu o álbum Troco Likes, corre ouvir! Foi uma positiva surpresa para a música brasileira em 2015!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER