A polêmica American Horror Story

Se você estava assistindo o Globo de Ouro no domingo passado e viu entre as concorrentes de melhor série dramática, uma tal de American Horror Story e ficou curioso, você veio ao lugar certo, porque essa semana a coluna vai explorar O Melhor e o Pior dessa série mais polêmica que mamilos.

Criada por Ryan Murphy (Glee), a série desenvolve sua primeira temporada ao redor da família Harmon. Na trama, o terapeuta Ben (Dylan McDermott) e sua esposa Vivien (Connie Britton), juntamente com sua filha adolescente Violet (Taissa Farmiga), mudam-se para uma antiga mansão em Los Angeles, tentando superar alguns problemas que estremeceram a relação do casal. O que eles não sabem é que estão se mudando para a temida Murder House, uma mansão com mais de 50 anos de mortes e assassinatos.

Vamos fazer um tour pela casa mal-assombrada mais querida da TV americana?

Formato Antologia

Séries não sabem envelhecer. Dexter, House, Chuck e muitas outras são exemplos de séries que perderam a oportunidade de serem finalizadas em seu auge, se alongaram por mais temporadas e despencaram de qualidade. American Horror Story promete trazer a TV um formato, não digo inovador, mas pouco visto. A cada temporada, ela terá um novo elenco e uma nova história e cada história terá um começo, um meio e um fim dentro de uma temporada. Além de não alongar as tramas e acabar como os exemplos acima, esse formato é muito atraente para atores e diretores de sucesso que não desejam ficar presos durante vários anos a uma série, mas adorariam fazer algo na TV. Há boatos de que alguns continuarão no elenco para a próxima temporada, mas caso isso aconteça, interpretarão outros personagens, pois a história da família Harmon já teve seu fim.

Elenco

Como disse anteriormente, esse formato antologia é muito atraente para os atores e diretores e um exemplo disso é o brilhante elenco da primeira temporada. Tivemos Connie Britton em uma interpretação ainda melhor que a de Friday Night Lights, em um papel que exigiu muito mais da atriz e Dylan McDermott ,que se encaixou muito bem com o papel. O elenco adolescente também não ficou atrás com destaque para a ótima atuação de Evan Peters (Tate). Outra grande participação, ainda que curta, foi de Jamie Brewer, que interpretou a fofa Adelaide, personagem favorito de muitos. Mas o grande nome mesmo deste elenco é a impecável Jessica Lange (Constance), que transformou seu personagem, teoricamente coadjuvante, no grande personagem da série, o que acabou lhe rendendo o Globo de Ouro.

Terror Cadê?

American Horror Story mandou bem no seu formato, mas no tema podia ter ido melhor. Quando surgiram os primeiros materiais promocionais, imaginei uma série de terror, daqueles que trancamos a porta e pulamos da cadeira a cada cena. Há muito tempo, não vemos uma série do tipo na TV, talvez seja medo da reprovação da audiência, mas como aconteceu no primeiro episodio, dá pra mesclar perfeitamente momentos de terror e de drama. Tirando a estreia, o “horror” prometido no título ficou só ali mesmo.

Irregular

Mesmo tendo se tornado um sucesso mundial e marcado um recorde de audiência na emissora em seu season finale, American Horror Story teve uma temporada bastante irregular, com alguns episódios memoráveis e outros desprezíveis, algo que nenhum fã de série suporta. Em uma semana, ela te empolga e mostra o seu melhor, e na seguinte, exibe um episódio sonolento e que te faz questionar toda a empolgação anterior. Isso é algo que Ryan Murphy e companhia tem que resolver para a segunda temporada.

Por hoje é só, pessoal. E vocês, o que acharam da primeira temporada de American Horror Story?

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER