A rentabilidade da Viúva Negra

Considerações sobre filmes com heroínas, após declaração do CEO da Marvel.

viuvanegra01

Durante a semana passada veio a público um email vazado, ainda daquela época dos vazamentos da Sony, do CEO da Marvel, Ike Perlmutter que externou uma opinião mais polêmica do que mamilos. Segundo ele, os filmes de heroínas da Marvel não seriam rentáveis. Cita até alguns exemplos de epic fails. Sem dúvidas, muito polêmica a opinião.

Polêmica com certeza. 100% equivocada, isso não. Elektra foi um fracasso, não por acaso, afinal, foi completamente linkado com o fracassado Demolidor. Não podia dar certo, mesmo. Apesar da Jennifer Garner ❤. Ou seja, nesse ponto, Ike 1 x 0.

Mulher Gato, com todo respeito, é um dos piores filmes já feitos. O orçamento era bem polpudo, quase o triplo do orçamento de Lucy (2014), por exemplo. Sem contar que, de fato, a Mulher Gato é uma das personagens mais famosas da mitologia de Gotham, presente em diversos momentos do Batman. O filme era estrelado pela Halle Berry, que estava em alta na época. Assim, Ike 2 x 0.

Sobre a Supergirl, aqui é complicado. Isso foi em 1984, uma época bem diferente, bem anterior ao chamado “girl power”, no “inicio” da liberdade feminina. Era uma aposta alta. Dito isso, a trilogia do Superman de Christopher Reeve era um sucesso. O primeiro filme foi muito bem nas bilheterias e teve um orçamento que, para a época, era bem interessante. O segundo foi muito bem também, mas com bilheteria mais modesta. O terceiro foi fraco, com menor orçamento, público bem inferior…Mesmo assim apostaram na Supergirl que acabou dando prejuízo. Ike 3 x 0.

lucy

Por outro lado, há inúmeros exemplos de personagens femininas que deram lucro. O recente Lucy, com a própria deusa Scarlett Johanson, foi muitíssimo bem nas bilheterias. Mundo 1 x 3 Ike. A franquia de Tomb Raider, sucesso nos games, engrossa o coro por mulheres que sabem chutar bundas, assim como Salt, também com a Angelina protagonizando. Mundo 3 x 3.

Nem precisei apelar para Jogos Vorazes e Insurgente para empatar a disputa. Resident Evil foi outra franquia que conseguiu alcançar um sucesso. Alien é um cult e a verdadeira heróina em Exterminador do Futuro é a Sarah Connor. Sempre vão haver exemplos bons e ruins. O jogo já virou há muito tempo, até perdi as contas do placar.

A verdade é que o Ike Perlmutter agiu igualzinho ao Pelé. Lembram quando perguntavam pro Pelé se o Neymar devia ir para a Europa? Ele sempre respondia que não. A opinião do Rei do Futebol não tinha nenhum valor naquela situação, assim como a do dono da Marvel também não tem nessa, afinal, quem manda na Marvel Studios é o Kevin Feige.

Ao mesmo tempo, sobre a Viúva Negra, não deve haver um filme solo dela tão cedo. Não está no calendário e seria uma surpresa se a Marvel Studios mudasse o planejamento por pressão do público. A franquia feminina em que eles estão apostando é a Miss Marvel, que está prevista para 2018. Fora que a Scarlett Johansson tem um contrato de filme a filme, diferente de outros atores, que tem um número pré-definido de filmes. Nas últimas semanas ela declarou que andou renovando seu contrato e tem conversado com Feige sobre uma série de filmes…

Há de se considerar, também, o potencial de mercado com merchandising com o filme. Sabemos que os Vingadores possuem um alto potencial com o Thor, Homem de Ferro e Hulk, mas a Marvel falha demais em não testar o potencial da Viúva Negra. O lançamento de produtos da personagem seria uma prova incontestável do potencial dela.

Sobre o Autor

Avatar

Thiago de Carvalho Rêgo

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER