A sem noção Wilfred

Dorgas? Larguei. Agora o cachorro da minha vizinha é meu terapeuta. Tá achando que eu fiquei doido? Então você não deve conhecer Wilfred, a nova comédia do canal FX.

A história é bem simples: Ryan (Elijah Wood) é um cara introvertido que encontra dificuldades tanto na sua vida pessoal como na financeira até que conhece Wilfred (Jason Gann), o cachorro de sua vizinha Jenna (Fiona Gubelmann). A maluquice? Enquanto o mundo vê Wilfred como um cachorro, Ryan o vê como um homem vestido em uma roupa de cachorro.

Baseada na série australiana homônima, Wilfred chegou esse ano a TV americana e, em sua primeira temporada, causou reações bem divergentes: alguns amaram e outros odiaram. E para botar mais lenha nessa fogueira, a coluna de hoje mostra o Melhor e o Pior dela.

Sem noção

Talvez esse seja um ponto negativo para muitos, mas este é o grande diferencial da série. O enredo já é algo bem bizarro por si só — o cachorro da vizinha como um cara vestido de cachorro — mas as situações em que Wilfred e Ryan são colocados são mais bizarras ainda e é aí que está o grande ponto cômico da série. Aquelas ações clichês de cães como beber água da privada, tentar cruzar com um ursinho de pelúcia e coisas do tipo, se tornam hilárias quando substituímos o cão por um homem fantasiado de cão. Vale destacar o excelente trabalho que Jason Gann vem fazendo. A atuação do ator, que fazia o mesmo papel na versão original, torna essas cenas ainda mais engraçadas. Se você entrar nessa viagem e acreditar no que a série passa, garanto que vai se divertir com essa dupla inusitada.

O Final da Temporada

Se os roteiristas se perderam no meio da temporada, nos últimos episódios, eles recompensaram quem aguentou até ali e apresentaram episódios de qualidade impressionante. Mesmo que a comédia seja o grande objetivo da série, há também um mistério sobre o porquê de apenas Ryan ver Wilfred como um homem e isso só aumentou na season finale, deixando um dos melhores ganchos do ano para a próxima temporada. Mas não foi só isso que tornou os últimos episódios tão bons, o roteiro estava afiadíssimo com referências a filmes e séries, além das já comuns “situações Wilfred”.

O Meio da Temporada

Como falamos no item acima, o Piloto e os episódios finais foram muito bons, mas por volta do sexto, a situação era bem diferente. Episódios arrastados e um roteiro muito fraco, possivelmente pela repetição das mesmas piadas, tornaram a série em um sofrimento semanal de 20 minutos. Foi nesse momento que muitos abandonaram a história, afinal a série não mostrava a que veio, deixando a impressão que a qualidade apresentada no piloto tinha se perdido e, por mais que tentassem, os roteiristas nunca mais a encontrariam.

Elijah Wood

Infelizmente, o eterno Frodo não está em sua melhor forma em Wilfred e acaba se tornando coadjuvante. Obviamente, sua pouca experiência atuando em comédias pode ter afetado seu desempenho e, com o tempo, ele pegue o jeito, mas ainda sim, sua performance nessa primeira temporada ficou bem abaixo do esperado para um ator do seu nível. O pior de tudo é que essa sua falta de timing fica ainda mais acentutada por estar contracenando com o ótimo Jason Gann, que acaba sempre dominando a cena.

Por hoje é só, Wilfred está de férias e volta em junho do ano que vem, o que dá tempo de sobra para você assistir os 13 episódios existentes de uma das comédias mais sem noção da TV. Um ótimo final de semana e até a próxima!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER