A vida da Rainha Mary Stuart em série: a novidade da CW

Reign The CW

Caminhado por águas nunca dante navegadas, na próxima fall season a emissora The CW — conhecida por desenvolver séries com temas juvenis, fantasia e heroicas — produzirá sua primeira série épica: Reign.

A série contará a história de Mary Stuart, famosa rainha da Escócia. Hoje conhecemos o país como pertencente ao Reino Unido e sob domínio da Rainha Elizabeth II. Mas no século XVI — período em que viveu Mary Stuart — a Escócia era um reino independente, mas que por diversas vezes entrou em conflito com a famosa rainha do mar, Inglaterra.

A premissa da atração da CW envolve a juventude da rainha, seu envolvimento com o Rei Francisco II da França e o jogo do poder que envolvia os correspondentes reinos. Contudo o contato com de Mary Stuart com o poder é muito anterior a isso.

Com seis dias de idade Mary Stuart já tinha direito legítimo ao trono, uma vez que seu pai Jaime V falecera. A posse do trono foi tomada por Jaime Hamilton, conde de Arran e representante da vertente religiosa protestante, que estreitou os laços do reino escocês com a vizinha Inglaterra. Hamilton chegou a prometer a mão de Mary Stuart ao filho de Henrique VIII — o famoso de The Tudors. No entanto, o parlamento, que ainda pertencia majoritariamente ao catolicismo, não apoiou a ideia, o que acarretou numa guerra entre os dois países.

No meio da disputa, e de diversas ameaças de sequestro pelos ingleses, Mary Stuart foi levada por sua mãe para a França com a promessa de casamento com o filho do Rei Henrique II, o então Delfim Francisco.

Maria I Stuart

Assim como mostrará na série, Mary Stuart viajara com quatro amigas Mary Fleming, Mary Beaton, Mary Livingstone e Mary Seton para se educada na corte de Catarina de Médici, uma das mais importantes monarcas do Renascimento. Enquanto isso, a Escócia era governada por regentes, dentre eles Maria de Guises.

Com 16 anos, a futura rainha da Escócia casou com Francisco I e uniu os dois reinos. Três anos depois da união, Francisco morre e Mary Stuart é obrigada a voltar para seu país e assim tomar posse do seu trono.

Mary Stuart também seria herdeira legitima do trono inglês, com a morte de Maria I, filha do casamento católico de Henrique VIII. Ao invés disso quem assume é a famosa Elizabeth I, irmã de Maria I porém do casamento protestante de Henrique e Ana Bolena.

Ao retornar para casa, Mary Stuart se depara com uma Escócia sob o regime do protestantismo, o que causará disputas internas com o líder da igreja Kirk, John Knox. As desavenças afastarão ainda mais puritanos e católicos. Estes últimos tiveram seus direitos a culto garantidos pela rainha, que fora educada na fé católica.

Casa-se com Henrique Stuart, o Lorde Danrley. Seu segundo casamento, tendo o casal lidar com disputas politicas e religiosas, e casos extraconjugais. Ao contrário da oponente, Elizabeth I da Inglaterra, Maria Stuart teve vários romances e três casamentos.

Os casamentos de Mary Stuart

Sua última união com o mercenário Conde de Bothwell lhe rendeu disputas com o irmão e primeiro-ministro escocês Jaime Stuart, o conde de Murray. Sendo Jaime vitorioso, Mary Stuart pede asilo à monarca inglesa, que a prendeu e a acusou de traição.

Apesar das manifestações de apoio dos governos francês e espanhol, Mary I da Escócia foi condenada a execução com apenas 25 anos. No dia de sua morte, a monarca se adorna com escapulários e rosários para demonstrar sua fé católica até no fim. No entanto, não lhe concedem o direito a um padre, e sim lhe enviam um pastor protestante.

A sua morte não representou o fim da dinastia, que ainda contou com Jaime VI como sucessor de Elizabeth I na Inglaterra. A dinastia dos Stuart só teria fim com a usurpação do trono por Oliver Cromwell, em 1640. Seus sucessores tentaram seguir a linha religiosa de Maria I,

aproximando o anglicanismo do catolicismo, e distanciando do calvinismo.

Túmulo de Maria I

A vida cheia de aventuras e tragédias de Mary Stuart inspirou várias obras artísticas e produções cinematográficas como Mary, Queen of Scots de 1971. Novidade na CW, Reign trará o auge da juventude de Mary Stuart, menina que sobreviveu às intempéries da vida precária da Idade Moderna e vibrava com altivez ter passado da primeira infância — período da vida de maior mortalidade na época. À Adelaide Kane foi concedida a missão de viver a rainha e conquistar os súditos da CW. Por isso, vida longa à Rainha!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER