A vida de um boxeador em Lights Out

No maior estilo 7 séries que eram ótimas até estrearem (já leu?), o Box Fechado dessa semana traz mais uma série que estreou cheia de promessas, mas a audiência não teve nenhuma piedade. Com uma trama que lembra, de longe, Rocky Balboa, vamos lembrar um pouquinho de Lights Out?

Lights Out trazia como trama central a vida de um boxeador aposentado que, por conta das dificuldades que o destino lhe proporcionou, precisa voltar aos ringues. Rocky Balboa feelings né? Mas a proposta da série era melhor do que a do filme. O lutador em questão é Patrick Leary (Holt McCallany, Freedom e CSI: Miami), que no início da história se encontra aposentado há cinco anos devido a uma disfunção neurológica que provoca perdas de memória (melhor do que o destino de Menina de Ouro, pelo menos).

Por muito tempo, Patrick consegue sustentar sua família em New Jersey e viver bem apenas com a grana adquirida nas lutas durante anos. Graças a esse dinheiro, ele paga seu irmão, Johnny (Pablo Schreiber, Weeds e A Gifted Man), para ser seu agente, e seu pai, Pops, (Stacy Keach, Prison Break) se torna dono de uma academia de luta. O boxeador também sustenta suas três filhas e a esposa, Theresa (Catherine McCormack, Midnight Man), uma médica residente.

Porém, todo o conforto da família fica ameaçado quando Patrick descobre, por meio de seu irmão e agente, que o dinheiro acabou. O lutador então se vê em uma realidade completamente diferente e mergulhado em dívidas. A solução? Voltar a lutar profissionalmente. O drama do canal americano FX nos trazia, então, além do mundo do boxe, os conflitos familiares e o lado mais difícil da vida de um boxeador — e sua incrível superação diante dos problemas apresentados.

Com uma história muito abordada nos cinemas mas pouco presente na televisão, Lights Out foi bem recebida pela crítica nos Estados Unidos, mas durante a exibição dos 13 primeiros episódios encomendados em 2011, a audiência não foi tão boa assim. Talvez por se tratar de um universo basicamente masculino, a série não vingou e terminou cancelada pela FX, se tornando mais uma integrante do time das injustiçadas.

E quase que a série se tornou injustiçada antes mesmo da estreia. O primeiro piloto de Lights Out foi filmado em 2009, dois anos antes, mas não foi aprovado. Praticamente todo o elenco — com exceção do protagonista — foi trocado e foram feitas algumas modificações na história. Theresa, a esposa de Patrick, seria uma cirurgiã bem sucedida, mas para dar realidade à proposta da série, ela passou a ser médica residente. Não adiantou nada.

Veja a promo:

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER