Aprendiz 9×08 — Parque Universal

Uma hora é um mundo de tempo para criar uma coisa” — JUSTUS, Roberto

Uma prova diferente que buscava observar a flexibilidade de cada profissional em vez da competência acabou por reprovar os nove candidatos restantes. Foi uma prova mal executada pelos dois grupos, mas, de novo, nos pequenos detalhes, o Sinergia saiu na frente.

A primeira parte da prova foi um grande presente do programa aos participantes, fazendo-os andar por todo o parque da Universal Studios, conhecendo tudo. O quiz foi uma grande brincadeira de caça ao tesouro, testando o inglês dos candidatos. Estavam todos de mãos cheias para resolver o briefing.

A prova final chegou a ser apontada como uma cilada pelo Evandro, mas a verdade é que ela era relativamente simples, como ficou comprovado no final. Tratava-se de produzir, em uma hora, um anúncio para mídia impressa. Uma pecinha publicitária para revista. Em uma hora, de fato, é complicado criar um conceito, slogan, escolher e comprar foto em banco de imagens e produzir uma arte final. Mas nem era isso que estava sendo cobrado, um ”rafe” (rough) era o suficiente.

aprendiz

A execução do Sinergia acabou sendo melhor aproveitada, mesmo sem ter nem mesmo o esboço, pelo menos teve uma apresentação de slides apontando como foi a criação e um breve plano de mídia. Coisa que o Flecha não fez, chegando ao nível de censurar as próprias anotações com medo de mais uma bronca. O medo de errar do grupo faz com que eles não consigam mais desenvolver nada. Focaram em um slogan considerado inadequado pelo apresentador. Com razão.

Começa a chegar o momento de misturar de novo os grupos, porque nenhum deles consegue mais trabalhar em conjunto. Não tem mais de onde tirar qualidade para carregar o grupo e precisa de outros talentos que os carreguem para que possam crescer.

A reunião foi um massacre, que já começou com o Justus perguntando se alguém gostaria de desistir do programa, porque perderam sete em oito provas. Foi uma reunião onde somente a Maitê teve a palavra. Conseguiu isso, claro, no grito, sem deixar ninguém falar. Os apresentadores devem ter esquecido daquele acordo, em que poderiam demiti-la sem reunião caso ela tivesse mais um desempenho vergonhoso.

O escrutínio terminou ao mostrar que dois estagiários, sozinhos, criaram uma peça, no mesmo tempo, sem ter ido ao parque. “Garotos, estudantes de dezenove anos”, como fez questão de falar o apresentador, pisando nos participantes.

O momento final da reunião ficou marcado pela capacidade de criar de cada um, desde que fosse individualmente. Fica claro que o grupo incomoda, as derrotas em grupo pesam. Eles perdem tempo discutindo até que tenham aprovação geral para finalizar a prova e por isso não finalizam. O Guilherme vem, sempre, fazendo o papel do chato que se preocupa em como as coisas estão acontecendo, mas não mostra qualidade que o levam adiante.

A demitida Karine não mereceu a eliminação justamente por isso. No grupo Flecha ninguém vem mostrando qualidades, mas ela, pelo menos, não mostra defeitos, como os seus companheiros.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER