Arrow 2×08 — The scientist

Ele mentiu sobre quem ele era”. QUEEN, Oliver
“E o que fazemos todos os dias?” SMOAK, Felicity

Nesse episódio Arrow fez um pequeno break, depois de sete episódios que nos deixaram sem fôlego.E isso não tem que ser necessariamente uma coisa ruim. É óbvio que o que realmente importa em toda essa história envolvendo o novo cara misterioso em Starling City só será resolvida no episódio que vai ao ar hoje à noite (por falar nesse episódio, a CW poderia ter feito uma divulgação maior e melhor, e ter evitado a confusão que fez as pessoas pensarem que o episódio da semana passa foi o midseason finale), porque nesse apresentou sobre o garoto Barry Allen, e não sobre o que ele pode representar.

Este deu as caras em Starling City e veio de uma forma um tanto confusa, um pouco do nada, e teve um grandecismo na tela sem uma explicação plausível. Essa de “Ah, ele é o Flash” não vai colar aqui. A narração ainda não sabe o que ele se tornará. E quanto àquela criatura que fez o ataque durante a primeira cena, aquele não seria o Flash? E se sim, por que Barry Allen estaria investigando-o? Como eu disse há pouco, a narração ainda não mostrou muito, e isso precisa ser explicado urgentemente.

É realmente difícil mesclar toda a situação do Barry, mais a revelação do episódio passado envolvendo Malcom Merlyn, e ainda dar continuidade aos planos de Sebastian Blood.

Você acha que pode me impedir? Nem o vigilante pôde me matar”. MERLYN, Malcom
“Ele, ele não pôde. Mas eu sei quem pode: Ra’s al Ghul”. QUEEN, Moira

Foi realmente interessante ver que Moira tem relação com Ra’s al Ghul e a Liga dos Assassinos e qu,e principalmente, Malcom Merlyn teme, e deve, aos caras. É fácil prever que o grande plot da segunda parte da temporada envolverá isso, e claro, algumas perguntas sobre o envolvimento de Sara Lance com Ra’s também. Mal posso esperar.

Arrow 2x08

Já nos flashs da Ilha, houve muita coisa dissecável ali. A ida ao submarino trouxe grandes problemas ao quarteto, e o que me levou a crer que Sara é quem, de alguma forma, entregou a localização do submarino a Ivo. Se não, como ele conseguiu encontrar tão facilmente? A princípio achei que o delator fosse Slade, por estar interessado em receber o Mirakuru e estar perto de alguns equipamentos eletrônicos, mas não daria tempo, já que ele só ficou sozinho por alguns minutos e Ivo e seus homens chegaram quase na mesma hora. O que me leva a crer que Sara é a traidora, pois deu a entender que ela queria que Slade recebesse o Mirakuru, e de preferência sem sedativo, já que não fez nenhum esforço para procurá-los, enquanto Shado fazia isso. Ou isso foi uma questão de direção, ou a atriz é realmente ruim. E o fato de ser ela a verificar a pulsação de Slade me faz acreditar mais ainda que ela é a traidora. Slade não pode estar morto.

E sobre o enredo de Roy nesse episódio, ele tem sido um bom parceiro, e com certeza será ele quem levará o Arqueiro ao grande arco envolvendo o Sebastian Blood. E a forma que Oliver encontrou de demonstrar alguma gratidão à dedicação do rapaz foi enfiando uma flecha na perna dele. Certamente os cinco anos em que Oliver esteve na ilha fizeram com que ele perdesse alguns valores. Inclusive o valor da dor física, e do dano psicológico acarretado por ela.

Voltando a Barry Allen, no início eu achei que o possível romance entre ele e Felicity fosse algo totalmente voltado aos dois, mas com a cena final, ficou evidente que o romance e Felicity são apenas uma forma de elo entre o Arqueiro Verde e Flash, no fim das contas. E essas questões precisam de respostas claras em Arrow. Em Arrow, e não em qualquer outro projeto que a CW fará.

Voltando um pouquinho, no início do episódio, simplesmente não teve motivos para Oliver, Diggle e Felicity estarem ali na investigação do ataque, e Lance é realmente um cego. Se ele somasse dois mais dois, só naquela sequência ali ele desconfiaria de que ou Oliver ou Diggle é o Arqueiro Verde. E por falar nele, a família Lance está em baixa na série. Laurel nem sequer apareceu.

No fim foi tudo muito corrido e um pouco sem coesão. O Arqueiro Verde leva uma surra do “soldado” de Sebastian Blood e aparece injetado por alguma substância que Felicity não conseguiu identificar. Tudo bem que foi no desespero, mas a decisão de recorrer a Barry Allen para salvar Oliver foi realmente sem fundamentos, já que ele não se mostrou ser um cientista à altura de salvar Oliver do desconhecido, e também de dar título ao episódio. Eu não canso de dizer: essas questões precisam de respostas urgentemente.

Por favor, salve meu amigo”. SMOAK, Felicity

Para finalizar, mais uma vez destaco a ótima direção de fotografia da série, que sempre separa muito bem cada núcleo e ambiente de uma forma ambígua, mas também análoga, e que sempre deixa claro que tudo ali faz parte de um mesmo show. E desta vez a trilha sonora foi realmente muito notável. Pequenas sequências sonoras eram emitidas quando a cena envolvia Barry Allen, e com certeza foi uma amostra grátis do que comporá a trilha da série do Flash que, desde já, tem grandes envolvimentos e cumplicidades com Arrow.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER