As produções brasileiras mais originais

A coluna de hoje fala das produções mais originais da nossa televisão. Sim, nós também sabemos fazer tevê de qualidade. Muitas vezes mal compreendida pela crítica ou público, que está acostumado com modelos antigos e engessados, mas não importa, porque com muita perseverança e carinho nós chegaremos lá. O nosso querido Top 5 traz o que mais encantou os olhos, aqueceu o coração e nos fez suspirar com tamanha beleza.

Espero que curtam!

5º Som e Fúria

Produzido pela O2, em parceria com a Globo, e baseado na série canadense Slings & Arrows, Som e Fúria conta a história de uma companhia teatral em crise. O diretor morre e seu espírito começa a assombrar todos os atores. Te lembrou alguma coisa? Isso mesmo, a minissérie faz uma homenagem a Shakespeare e suas obras. Tudo natural e sem exagerar nas formas. O intuito é popularizar o autor e conta com os mais competentes atores encenando trechos da extensa obra. Som e Fúria põe uma pitadinha tupiniquim no aniversario de 450 anos do autor.

4º Afinal, o que querem as mulheres?

Uma série encantadora. Conta a história de André Newman, um estudante de psicologia que, para sua tese de doutorado, pesquisa qual seria a resposta para a única pergunta que Sigmund Freud falhou em responder. Sim, a mesma do título. Se engana quem acha ser uma tentativa vazia em descobrir o universo feminino. Muito pelo contrario, a série ajuda a desvendar o universo da psicanálise e atribuir um sentido aos devaneios do personagem. Afinal, o que querem as mulheres encanta nos figurinos, cenários e no visual. A sensação é a de estar dentro de um poema. Lindo!

3º Meu pedacinho de chão

A atual novela das seis da Rede Globo resolveu inovar e colocou no ar uma produção de estética ousada e diferente. Com cenário coloridíssimo e atuações que beiram a teatralidade, a novela ainda não decolou no gosto popular, mas fica a menção honrosa para a coragem de mudar um formato clássico e engessado do mundo novelístico. Vale a pena conferir a meticulosidade dos figurinos e as imagens desfocadas que dão um ar de desenho animado à trama.

2º Capitu

Capitu

Baseado no livro Dom Casmurro, de Machado de Assis, a minissérie celebra o centenário da morte do autor e faz uma homenagem lindíssima. A historia é fiel ao livro, mas contada de forma diferente. A estética, a fotografia, o cenário e os figurinos são um show a parte. A sensação é de entrar no livro e de passear pelas páginas, saboreando todas as emoções dos personagens. A cena riscada à giz é uma atração a parte. Imperdível.

1º Hoje é dia de Maria

Até hoje eu me lembro da sensação de ver essa minissérie. Eu não acreditava em tamanha beleza e originalidade. Hoje é Dia de Maria é de uma beleza poética maravilhosa, com pitadas de teatralidade e musicalidade. Leticia Sabatella e Rodrigo Santoro fizeram o casal mais fofo da tevê. A produção foi um marco para a televisão, elevando o nível de qualidade e apuro técnico de todas as emissoras. Um encanto!

E você? Já viu alguma dessas produções? O que achou?

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER