Chicago Fire 1×05 — Hanging On

As ameaças não funcionam, Voight! Não sou um cara assustado implorando para olhar para o outro lado” — Matthew Casey

Chicago Fire começou como um drama morno e que, provavelmente, não duraria muito tempo. Contudo, a mão de Dick Wolf mostrou que o showrunner tem fôlego para criar e emplacar programas realmente bons, fugindo da linha procedural que tanto marcou seu trabalho na TV americana. Em seu quinto episódio, a série chegou redondinha, trilhando um caminho seguro e correto entre as estreias da fall season.

Matthew Casey não está para brincadeira e deixou isso muito claro logo nos primeiros minutos do episódio Hanging On. Teve culhões suficiente para invadir o Departamento de Polícia de Chicago e peitar o corrupto detetive Voight. E ainda mandou seu recado.

Desde que se recusou a mudar o relatório para inocentar o filho de Voight, Casey tem enfrentado sérios problemas. Primeiro um aviso direto do policial. Depois os pneus furados tanto de seu carro como o de sua noiva. Agora, ele é agredido na rua por desconhecidos. Mas como demonstrou ser um bom líder em sua trajetória até aqui, seria natural contar com o apoio de sua matilha. Fica a expectativa para o momento em que ele dará a volta por cima e colocar Voight em seu devido lugar. E ainda ganhou um aliado importantíssimo: Wallace Boden.

Aliás, Boden é outro personagem extremamente plural em Chicago Fire. Há tantas camadas em sua construção que a cada cena o espectador descobre novos fatos. Ele tem contatos com o submundo e vai ajudar Casey nessa cruzada contra a corrupção. Sem dúvida, dois grandes líderes para os bombeiros de Chicago.

Gabriela Dawson também está passando por um verdadeiro inferno astral em sua profissão. Não importa o quanto a paramédica atue de maneira a colocar o paciente em primeiro lugar; sempre dá errado e ela precisa responder por seus atos. Ms ela é uma mulher guerreira (que chute foi aquele, meu Deus?) e, pela construção do roteiro, tudo leva a crer que terá o apoio incondicional de Peter Mills (sempre ele… suspiros poéticos). Os dois têm tudo para dar certo e já está na hora de ela superar que Casey está cada vez mais próximo da noiva, Hallie.

O drama de Kelly Severide e seu braço permanece. Como o bombeiro se recusa a fazer uma cirurgia, é compreensível a insistência dos roteiristas em atenuar ainda mais seu sofrimento. Dava pra sofrer com ele enquanto segurava uma vítima com o braço machucado. Já que Leslie não consegue mais os medicamentos que ele precisa, o bombeiro precisa conseguir isso em outros lugares, nem que seja necessário usar o sexo para isso (se bem que ir para a cama com a representante farmacêutica Anna não foi nenhum sacrifício). Com tal proceder, Severide mostra que tipo de pessoa é: os fins acabam por justificar os meios.

Ottis continua sendo o alívio cômico do seriado. Sua imitação de advogado para solucionar o problema de Hermman, que se envolveu em um esquema de pirâmide e estava perdendo muito dinheiro, foi impagável. Que continue assim para quebrar o clima pesado do dramalhão.

A salivação do episódio ficou por conta de Jesse Spencer aparecer sem camisa durante um atendimento. Tudo bem que ele havia acabado de levar uma surra e estar com hematomas em toda parte, mas que corpo, hein?!? O espectador espera mais por ocasiões como essa!

Chicago Fire agrada a cada episódio e sua trama progride de maneira muito bem amarrada. Tudo está devidamente entrosado e isso é extremamente gratificante.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER