Chicago Fire 1×10 — Merry Christmas, Etc.

Estamos aqui como amigos ou…” — Gabriela Dawson

Não podendo deixar de escapar a tradição, Chicago Fire apresenta o seu episódio especial de Natal. E pode-se dizer que foi um episódio que cumpriu bem as expectativas dentro do que a série se propõe a fazer. Um bom drama, com pontos altos e que joga a trama para frente.

Para começar, o drama familiar de Joe Cruz foi retomado. O líder da gangue cobrou a dívida de dez mil dólares para liberar o irmão do bombeiro. É sabido por todos que acompanham a série que Cruz não é um dos mais ricos. Aliás, nenhum dos bombeiros lai o são. Entretanto, os laços familiares, em determinados momentos, podem falar mais alto. Os roteiristas colocam em cena um colar de diamentes desaparecido no meio de um atendimento e induzem o espectador a acreditar que Cruz seria o responsável pelo furto. O que não podíamos esperar é que a solução encontrada por Cruz para salvar o irmão da gangue foi ainda mais interessante que roubar uma joia.

Como já salientado em outras críticas,Chicago Fire é, antes de tudo, um programa sobre relações familiares e como estas afetam a vida de seus envolvidos. Determinadas atitudes, por mais questionáveis e anti-éticas que sejam, são plenamente justificáveis quando colocado sobre o prisma da defesa da matilha. A renúncia do que é esperado por um profissional em nome dos laços sanguíneos é uma consequência natural da proteção. E, sobre esse aspecto, Cruz não deve ser julgado publicamente sobre seus atos. Aliás, ele não precisará de um tribunal externo para isso. Sua própria consciência já se encarregou disso.

O relacionamento fraternal de Severide e Leslie está em risco. A loira, depois de fornecer remédios para o roommate, foi obrigada a mentir para salvar a pele do amigo. O que mais incomoda em Severide é o descaso dele com a preocupação da paramédica. O personagem, agindo dessa maneira, só consegue derrubar os feitos admiráveis que vinha tendo desde a estreia. E nem mesmo o seu doce relacionamento com Renee consegue apagar a imagem de alguém que parece não se importar com as enrascadas que o outro se envolve para ajudá-lo. Um pouco de gratidão é sempre bom, Sr. Severide.

Gabriela continua em sua cruzada para conquistar Casey, aproveitando que este continua separado de Hallie. O convite para acompanhá-la em uma festa de Natal na casa do primo faz parte desse propósito. Porém, o Tenente ainda não está preparado para isso. E Gabriela percebeu da pior maneira. O jeito é lançar algumas redes na direção de Mills e Leslie parece aprovar o resultado.

O episódio lançou mais luz sobre a turbulenta vida familiar de Casey. A introdução de mais um personagem antipático na galeria de inimizades de Casey acalarou o debate. Ted Griffin, da Corregedoria, chamado para investigar o desaparecimento do colar de diamantes é um antigo desafeto do Tenente. No passado, envolveram-se em uma briga por causa de família. De cara, é o tipo de personagem feito para odiar.

O que há de tão grave na família de Casey que o fez brigar com a irmã Chris ao ficar ao lado da mãe? Por que ela perguntou se ele não sente falta do pai? E por quê a mãe dele está presa? Os indícios apontam para um possível assassinato em família. Resta saber como os roteiristas trabalharão isso.

Desnecessário mesmo foi o cliffhanger. A série não precisa desses artifícios para prender a atenção do espectador. Sabe-se que não ocorrerá nada de muito grave com as duas paramédicas. Então, qual a função de envolvê-las naquele acidente? Chicago Fire tem conseguido fisgar a audiência pelo que apresenta regularmente. Um final como aquele soa forçado. Uma pena.

A série não terá exibição na próxima semana e só retorna em janeiro. Até lá, fica apreensão para descobrir ainda mais sobre esse passado tão misterioso do tenente Casey.

Um Feliz Natal e até em 2013!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER