Chicago Fire 1×15 — Nazdarovya!

Então esta conversa se torna sobre favores”. — Voight.

Há alguns episódios que Chicago Fire tem sido uma série sobre os familiares dos bombeiros. Os casos que os homens do fogo da cidade de Chicago tornam-se apenas panos de fundos para se discutirem as relações que eles mantêm com suas famílias. Lembrando que família não envolve, necessariamente, laços sanguíneos.

O principal enfoque dado no episódio foi para Gabriela. E com razão, afinal, o irmão da paramédica foi baleado no final do episódio anterior e este começa justamente a partir desse ponto. Aliás, muito providencial uma ambulância passar no local justamente naquela hora! Que Gabriela é uma mulher de culhões, isso não é novidade. O problema é até onde essa coragem vai. A moça está mexendo com pessoas muito perigosas. Procurar Voight para ajudar o irmão é só um dos inúmeros problemas que ela possivelmente terá.

Recordem-se que Voight é o policial corrupto que infernizou a vida de Casey no começo da série e poderá voltar com tudo agora que se beneficiou ao ajudar Gabriela a encontrar os atiradores que balearam o irmão. Ao saber que a amiga procurou o seu algoz, o tenente não fica nada feliz, mas deixa-aela agir da forma como achar melhor. O problema é que esse melhor pode não ser, de fato, a melhor saída. Ainda que a moça consiga uma testemunha contra os inimigos do irmão, as consequências de seus atos serão sentidas futuramente. Elogios à ela por dizer que ninguém mexe com sua família. Ganhou pontos extras!

Chicago Fire 1x15

Casey está às voltas com a mãe e suas mentiras. Depois da briga que tiveram, ela tenta reconquistá-lo com um bom café da manhã, mas o tiro sai pela culatra. O moço tem uma atitude bastante correta ao dar um ultimato da mulher. É então que ela se vale de um recurso muito usado: o da culpa. Difícil acreditar nela ao dizer que matou o marido para impedi-lo de humilhar o filho. Há camadas mais profundas nesse caso e fazer Casey sentir-se culpado pela morte do pai é só uma evidência disso.

Eric e Severide se conciliaram e foi a o momento do ex-cunhado pedir ao bombeiro procurar a irmã e ex-noiva que também se chama Renée. Duas mulheres com o mesmo nome na vida de Severide. Porém, a diferença básica está no comportamento de ambas. Diferentemente da primeira, essa Renée tem personalidade controversa. Traiu o noivo faltando poucos dias da cerimônia e agora ganha a vida como “garçonete” em uma boate de strippers. Ela ter tomado tantos comprimidos só vai jogar lama no relacionamento de Eric e Severide. Além de trazer mais complicações para o bombeiro, agora que ele está tranquilo.

Leslie e Clarice apenas curtem o filhote enquanto pensam em uma estratégia para sobreviver aos ataques de Daniel. O moço quer a guarda total do filho, mas Clarice até concebe a ideia de guarda compartilhada. Um plot que, com certeza, vai render muito nessa reta final do seriado.

Finalmente, as coisas parecem dar certo para Hermann. Claro que o azarado precisou lutar muito pelos seus direitos. Enfrentar, sozinho, o grandalhão Arthur, o Sócio Silencioso, não foi uma boa ideia. Porém, acabou surtindo efeito. Resta saber até quando o valentão permanecerá afastado dos negócios de Hermann, ainda mais quando perceber que o lugar dará muitos lucros.

No mais, outro episódio padrão de Chicago Fire, morno e sem pegar fogo. Típico do que a série tem demonstrado. Agrada na medida certa, todavia não se torna inesquecível.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Personagem afeminado de Cavaleiros do Zodíaco será mulher em remake da Netflix.

Confira o que achamos da versão ilustrada de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban em português.

Wanessa tá de clipe novo. E o clipe define o que "é ruim mas é bom".

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!