Chicago Med 1×05 — Malignant

Malignant deixa o #CrossoverEvent #OneChicago ainda mais tenso e o público ansioso pela conclusão da história.

Veja bem, vou dizer isso apenas uma vez, porque ele é meu amigo também. Eu fiz o que era certo!” — RHODES, Connor

Se a primeira parte desse grande evento da NBC aqueceu os motores, fica difícil dizer o que aconteceu em Chicago Med. Malignant manteve perfeitamente o equilíbrio proposto desde o início do crossover e ainda trabalhou com maestria os conflitos que serão concluídos em Chicago PD.

Foi tudo lindo, e não poderíamos esperar menos que isso. A série seguiu o exemplo da irmã e trabalhou os pontos que ligavam os três shows sem perder sua essência ou fazer com que os personagens se concentrassem unicamente naquilo.

Os casos médicos apresentados eram por si muito intrigantes, e o drama que ronda o caso de Herrmann não sufocou o roteiro bem elaborado. Apesar de muito do que aconteceu em torno do bombeiro ter influenciado boa parte da história, o foco permaneceu entre os personagens do hospital.

Elenco que inclusive cresceu. Dois novos personagens foram introduzidos, e apesar de não sabermos se eles permanecerão na série, já amamos e odiamos. Amamos Joey, que está interessado em Sarah. Em uma crítica dissemos que ela era a versão amuada de Chili, mas aparentemente o jogo virou e a Dra. Resse tem se mostrado muito mais espirituosa que de costume.

Já de cara detestamos Noah Sexton, tanto por ter roubado o crédito de Sarah, quanto pelo fato de que ele roubou o futuro de April. A enfermeira, que é muito mais inteligente que o irmão, parece não concordar, mas nesse caso todos apoiamos a opinião de Severide.

A adição de Joey pode não ser fixa, o fato de o personagem fazer parte da equipe do laboratório do hospital, pode querer dizer que o moço só aparecerá esporadicamente. Já Noah tem chance de se tornar fixo, pois além de ser estudante de medicina, toda série médica precisa do cara mau caráter que se faz de bonzinho.

Voltando a falar de Severide, Malignant também foi um ótimo episódio para quem gosta de guerra de testosterona. O tenente gerou uma pequena bola de neve de atritos, que não causou muita destruição, afinal todos gostamos de uma briguinha para apimentar as coisas.

Primeiro ele confronta Rhodes, que confrontou erroneamente Zanetti, mas logo se deu conta de que precisava confrontar Halstead, que por sua vez confrontou o outro Halstead, que não deveria ter feito fofoca em primeiro lugar.

Essa reação em cadeia não rendeu grandes rancores, mas ainda mostra a prepotência de um dos nossos personagens principais. O que é realmente triste é que não conseguimos deixar de amá-lo. Se não for pedir demais, ele poderia não ser tão arrogante em alguns pontos, mesmo que respaldado pelo fato de estar tentando defender um amigo.

Entre trancos e barrancos, os casos das pacientes que sofreram overdose de quimioterapia sem ao menos terem câncer leva a história diretamente para sua conclusão. Os detetives da inteligência agora vão ter que descobrir, caçar e prender o responsável por esses diagnósticos errados.

Só falta você nos contar o que está achando de todos esses acontecimentos nos comentários e dar sua nota para o episódio em nosso placar. Veja também a promo da parte final desse lindo evento televisivo, que promete derrubar todos os forninhos e nos deixar no chão, não vai dar nem pra levantar e perguntar: Já acabou, Dick Wolf?

[taq_review]

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER