Cinco games que deveriam virar séries

Os games estão evoluindo para narrativas cada vez mais completas. Escolhemos cinco games que deveriam virar séries pois extrapolam até a tela do cinema.

O mundo das séries já está acostumado com livros, HQs e filmes sendo adaptados para televisão. Mas existe um mercado que ainda não foi explorado, o de adaptação de games.

O cinema já faz isso há um bom tempo, e nem sempre o resultado é muito bom. As adaptações de Uwe Boll que o digam. Quem sabe como série elas não funcionariam melhor?

Pensando nisso o Top 5 dessa semana lista cinco games que poderiam ser adaptados para uma série de tv. Confira a nossa seleção.

5 — Mass Effect

Mass Effect conta a história da exploração humana do universo — e os avanços tecnológicos que isso trouxe para nossa espécie. Como protagonista comandante, Shepard é um militar humano que após encontrar um artefato alienígena, descobre uma raça sintética conhecida como Reapers. E adivinhe! Eles querem destruir toda a vida orgânica do universo.

A série envolve politica, ação e muito drama. A história lembra um pouco Battlestar Galactica e seria um prato cheio para os fãs de ficção cientifica. O Syfy seria o melhor canal para apostar nesta série. O orçamento poderia ser um problema, devido aos efeitos especiais. Mas se fosse bem executado, poderíamos ignorar esse detalhe.

A série ainda tem espaço para diversos spin off focando na tripulação da nave de Shepard.

4 — Red Dead Redemption

Red Dead Redemption é um western de raiz no maior estilo dos filmes protagonizados por Clint Eastwood. A história se passa no inicio da segunda década do século XX, durante o declínio do velho-oeste americano com elementos de vingança e muitos conflitos.

John Marston é o protagonista da história, em ex-criminoso que tem sua esposa e filho sequestrados pelo governo. Ele é forçado a caçar seus antigos companheiros de crime para poder libertar sua família.

Apesar da história ser simples e ter um clima novelesco, faria sucesso hoje em dia. Com o destaque que as histórias nessa linha têm tido ultimamente, poderia funcionar muito bem. Sua casa ideal seria a ABC. Devido ao grande numero de mortes, a showrunner perfeita seria Shonda Rhimes.

3 — L.A. Noire

L.A. Noire se passa em Los Angeles nos anos 40, e conta a história de um policial que precisa desvendar uma série de casos complexos. Eles vão de assassinatos brutais até incêndios criminosos. Tudo isso com a imprensa interferindo, colegas corruptos e pessoas do alto escalão, que não querem os casos solucionados.

Seria um ótimo procedural com uma história principal de fundo. Um CSI dos anos quarenta, que poderia nos mostrar as soluções práticas adotadas, sem o advento da tecnologia para resolver os casos.

Se bem trabalhado poderia render muitas temporadas. Não existe outro local para essa série além da CBS, com sua extensa experiência com procedural policial.

2 — The Last of Us

The Last of Us se passa 20 anos após o fim da humanidade como conhecemos. Um fungo afetou grande parte da população mundial, transformando os infectados em monstros. O game nos mostra como os sobreviventes lidam com essa nova situação de vida.

Temos como os protagonistas Joel e Ellie, que cruzam os Estados Unidos em busca de uma possível cura para a pandemia que quase destruiu a humanidade. Durante essa jornada eles encontram com diversos tipos de pessoas e provam que o pior problema não é a epidemia em si, mas sim as pessoas que sobreviveram.

Te lembrou alguma série? The Last of Us seria um forte concorrente de The Walking Dead, apesar de terem histórias semelhantes, o desenrolar é bem diferente.

O canal ideal para essa série seria a HBO devido ao seu alto custo de produção e o conteúdo violento da história. O formato de duas temporadas com 13 episódios seria o ideal para contar essa história. E deveria ter Ellen Page no papel de Ellie, já que a personagen é inspirada na atriz.

1 — Heavy Rain

Heavy Rain conta a história do Origami Killer, um assassino que sequestra meninos durante longos períodos de chuva.

O seu design (referencia a Hannibal?) é assassinar as crianças por afogamento durante a tal temporada de chuvas. Seus corpos são desovados com um origami de algum animal em suas mãos. E uma orquídea no peito.

Imagine o quão certo poderia dar se essa história fosse contata por Bryan Fuller, num formato de minissérie de 13 episódios, em uma emissora on demand, como o Netflix ? Seria um ótimo thriller psicológico.

Tem algum sugestão? sentiu falta de algum game? deixe nos comentários.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER