Dexter 6×12 — This Is The Way The World Ends [Season Finale]

Dexter encerra sua irregular sexta temporada com um episódio satisfatório.

Entre altos e baixos, o season finale corria como de costume, com a busca de Dexter pelo grande vilão. Confesso que fiquei apreensivo e tenso quando Travis sequestrou Harrison, afinal os roteiristas tiveram a ousadia de matar Rita, por que não o pequeno infante?! Mas ainda bem que isso não se confirmou. Ver Travis na casa de Dexter também foi de gelar a espinha.

Não pude deixar de perceber uma inconsistência grave, porém: como Travis, o homem mais procurado de Miami, continua dirigindo seu próprio carro (Toyota Corolla prata) sem ser notado?! O resgate de Dexter foi mais digerível e plausível, afinal de contas, o protagonista não poderia simplesmente morrer ali ou ficar à deriva por muitos dias. Mas como ele simplesmente mata um homem na frente de tantas testemunhas?! Essa displicência será um sinal de que Dexter caminha para seu final e que será descoberto pelas autoridades ou apenas um relaxo e/ou descuido dos roteiristas?!

A relação entre pai e filho nesse episódio foi muito boa de se ver (cute, cute, cute!), embora eu tenha me assustado com o nível de humanidade que Dexter alcançou, ao perceber o quanto ele ama seu filho. Mas entendo que esse é o caminho natural para o desenvolvimento do complexo personagem.

Também gostei de ver diminuído nesse capítulo final o nível de bitchness de LaGuerta. A agora Chefe de Polícia de Miami soube ser delicada na hora certa para que Debra pudesse crescer, amadurecer e se firmar como tenente. Também apreciei a abordagem da analista ao sinalizar que ela poderia estar no controle de seus sentimentos, mas que não podia controlar os de Dexter, que acredito não corresponderá aos seus sentimentos. A audiência conservadora americana (e mundial) não reagiria bem a isso, e acredito que até eu mesmo estranharia. Mas acho importante que essa trama dos sentimentos conflituosos de Debra por Dex seja desenvolvida na sétima temporada.

Batista até que tentou nos livrar de Quinn (nice try!), mas infelizmente o babaca vai bancar o alcóolatra para o departamento para continuar nos atormentando. Parece que seu (possível) conhecimento sobre quem Dexter realmente é ficou esquecido no passado da quinta temporada.

O mérito dessa season finale, que seguia correta, OK, óbvia (nos padrões das anteriores) foi justamente não encerrar as histórias (e suas subtramas) por completo e começar o próximo ano do zero. Um gancho importantíssimo reside no personagem de Louis Greene. O que ele sabe sobre Dexter?! Quais os motivos de sua fixação/obsessão?! Será mais um irmão perdido?! Agora só nos resta aguardar 2012 para descobrirmos essa resposta.

Como eu disse antes, o episódio transcorria bem, sem surpresas, até que o grande cliffhanger começou a se desenhar e eu surpreso, extasiado, descrente começava a gritar: “Não, não é possível.” Mas era. Debra estava prestes a descobrir o maior segredo de seu irmão. Gostei da “audácia” dos roteiristas em finalmente concretizarem essa possibilidade, uma vez que isso quase ocorreu na season finale na quinta temporada. Ao mesmo tempo, sentia que já era hora de Debra descobrir quem Dexter realmente é.

Agora o que acontecerá? Debra aceitará Dexter, o compreenderá? Ou a princípio o rejeitará? São tantas perguntas, mas acredito que essa recente constatação de que está apaixonada por ele contribuirá para que ela mantenha o grande segredo do protagonista a salvo das autoridades de Miami.

Após uma temporada bastante irregular, This Is The Way The Wolrd Ends encerra o que seria a temporada mais fraca da série de maneira a nos dar esperança de que histórias melhores virão no sétimo ano. Dexter é impossível de se largar (I´m not a quitter!), permanece como uma das melhores da atualidade (em minha opinião) e terá que disputar o posto de top com o segundo ano de Game Of Thrones.

Até a próxima fall season, pessoal!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER