Dexter 7×06 — Do The Wrong Thing

Eu realmente preciso matar alguém.” — Dexter

Com Isaak Sirko na cadeia, a atenção de Dexter voltou-se toda para, até então, a indecifrável Hannah Mackay. Ao mesmo tempo em que ele obtinha informações sobre o passado da bombshell, e a possibilidade de incluí-la no seu código, éramos levados à uma corrida de gato e rato, extremamente sensual e mórbida.

Encarando com perfeição uma Lucrécia Borgia, Hannah pode ser comparada à sua planta predileta, o acônito. Como o azul da mortífera planta que atrai a atenção de todos, a loira traz consigo todos os mistérios a serem decifrados. Mas uma vez envolvido, o efeito pode ser paralisante.

O episódio apresentou um ritmo mais lento em comparado aos antecessores. Mas que casou perfeitamente com a proposta. Desta forma os diálogos foram melhores aproveitados. Isso em relação Dexter/Hannah e Dexter/Debra. E a adrenalina foi crescendo proporcional à tensão criada.

Até nos últimos segundos de Do The Wrong Thing, não sabíamos ao certo as intenções de Dexter em relação a Hannah. Eliminá-la logo de cara parecia o caminho mais óbvio, se considerarmos dois pontos: a necessidade urgente de Dexter em matar alguém, e o fato da série estar numa onda de terminar suas histórias o quanto antes, vide o estagiário Louis.

Venceu o risco e o desejo. E ganhamos nós. E mais uma vez começa uma relação doentia, do jeito que Dexter gosta, ou da única forma que ela sabe levar. Mas sabemos que Hannah está longe de ser comparada a Rita, Lila ou Lumen. Até agora sabemos somente quem é Miss MacKay, mas ainda nos falta saber, o que de fato ela quer e deseja.

Lendo os comentários dos fãs mais ortodoxos da série, podemos esperar muito mais de Sal Price (Santiago Cabrera), o escritor criminal que está pesquisando a fundo a verdadeira vida de Hannal Mackay. Na cena em que Dexter invade o seu apartamento, e vasculha as pastas do escritor, há uma pasta especial intitulada, Bay Harbor Butcher. Com a aproximação de Price de Debra, e a obstinação de LaGuerta em decifrar esse mistério, continuo apostando que essa história será a grande responsável pelos episódios finais desta temporada.

Precisamos tecer algum comentário sobre a participação de Quinn neste episódio? Mais uma vez o detetive, em nome dos seus relacionamentos doentio com testemunhas, mete o pé pelas mãos. E com isso, no próximo episódio, já teremos Isaak Sirko livre pelas ruas de Miami. Desta forma, a série volta a dividir o foco entre o russo e Lucrécia Hannah.

Até semana que vem.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER