Downton Abbey 5×06 — Episode Six

– Lembre-se, a dura realidade é sempre melhor do que a falsa realidade.” Dr. Clarkson.

A qualidade dos episódios dessa atual temporada mantem uma constância incrível de se admirar, tão qual, esta difícil dar menos que três estrelas aos episódios. E este sexto episodio, mostrou-se um dos melhores da temporada até aqui. E eu explico.

Em 1923 o Putsch* de Munique entrou para a historia como o Putsch da Cervejaria, que foi a tentativa de um golpe ao governo da Baviera por Adolf Hitler e do Partido Nazista, que teve como ponto central os encontros dos membros do partido na cervejaria Burgebräukeller, uma das mais famosas cervejarias de Munique.

É com este pano histórico que finalmente descobrimos que Michael Gregson esta morto, uma vitima, do tumultuado golpe, que lavaria a morte de alguns nazistas e Hitler preso, fortalecendo suas ideias para partido, que culminaria em sua ascenção em 1933.

Downton Abbey 5x06

Assim Lady Edith, que parece destinada a não ter um final feliz, tem uma de suas problemáticas, — o sumiço de Michael — resolvida, levando-a a mais um dilema moral e social, afinal o que fazer com uma filha “bastarda” e “viúva” de um marido que nunca se casou? A resposta é simples e direta, fugir!

Devo destacar a linda cena, em ótimos quadros da direção de Philip John, quando Lady Edith resolve levar Marigold embora da família Drewe. Emma Lowndes, atriz que interpreta a Sra. Drewe esta visceral em sua atuação na tentativa, falha, de impedir que levem à pequena, não mais, órfã.

Devemos analisar que este ato em si só traz benefícios na evolução de caráter da personagem Edith, que sempre pareceu ser uma pessoa apática, omissa, escondida pelo brilho da ousadia de suas irmãs. Este ato de “rebeldia” e firmeza só fortalece seu crescimento dentro da série.

Outro também que nos surpreende neste episodio é Thomas, e não poderia deixar de elogiar a forma como Julian Fellowes conduziu o personagem até aqui, pois tudo indicava que o Sr. Barrow estava envolvido com o uso de morfina para aplacar sua dor, como até mencionei na ultima review, ledo engano!

Thomas não gosta de ser quem é, e no pensamento provinciano de 1920 a homossexualidade era considerada uma patologia psíquica, uma doença da mente, tanto que era conhecido pela alcunha de homossexualismo (o sufixo ISMO no final das palavras indica “doença”, algo que mudaria apenas em 1973 quando American Psychology Association declara que homossexualidade não é doença e deve ser aderido o sufixo DADE que remete a “modo de ser”). Logo, Thomas se vê como um homem doente.

Assim, em segredo, Thomas fazia o uso de vários medicamentos e de até eletrochoque para tentar reverter sua condição sexual, uma cura gay que não existe, e foi nos braços da Sra. Baxter que ele encontra alguma ajuda e empatia, para caminhar os passos de sua aceitação, mostrando uma nova perspectiva deste personagem e seu drama tão humano e tão atual.

Porém a muito mais neste episodio, muito mais coisas ditas nas entrelinhas que devemos leitor, ficar atentos e não podemos menosprezar estes detalhes.

Como Lady Mary, que agora parece decidida, e encontra na moda influenciada pelo feminismo e pelos cortes de cabelos alá Coco Channel, a forma para expressar toda sua independência aos homens e dizer ao mundo que ela esta muito bem sem eles.

Porém quem parece não estar nada bem é a Condessa Viúva, envolta com o sumiço da Princesa Russa e agora na rixa entre seus criados, a mesma percebe que ao ajudar Lady Isobel em sua vida amorosa, um sentimento de receio, talvez ciúmes, mas sem duvida a inevitável certeza da solidão a encontram. Reparem como Maggie Smith trabalha fabulosamente todos esses sentimentos ao reagir a noticia Isobel que se decidiu sobre as propostas de casamento de Lorde Merton.

E em igual medo da solidão, que nos acomete no fim da vida, é que Carson propõe a Sra. Hughes que os dois devam comprar juntos uma casa, o que coloca mais uma fagulha para tê-los como um casal no fim. E eu torço por isso.

Quanto a confissão de Bates a Ana de que ele não matou o Sr.Green, devo dizer que não me dei por satisfeito. A atuação de Brendan Coyle nós da margem para interpretamos que John poderia apenas estar blefando, já que o tal bilhete, que apareceu no episodio especial do ultimo Natal, sumiu.

Creio que ainda temos muitas águas a navegar neste caso, mas não podemos negar que o forte das relações humanas, marcar de Downton Abbey voltou neste episodio.

*Putsch é uma expressão em alemão para golpe.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER