Empire: a melhor estreia da Fox desde 2012

Alô amigos!

Começa a mid-season na TV americana, a temporada que traz as séries mais ousadas e mais interessantes, no meu humilde ponto de vista.

Assim, vamos ter uma temporada interessante, já que várias produções da fall season vão continuar de janeiro a março ainda e teremos as estreias de janeiro, que têm tudo para competir com as de outubro em nível igual.

Vamos lá?

1.sobe

A melhor estreia da Fox desde 2012: esta é Empire, que conta a história de uma família sobrevivendo ao império da música de gueto americana, tendo o hip hop como o grande protagonista da série. A série é estrelada por Terrence Howard (espetacular em Crash), e rendeu à Fox 3,8 de rating, deixando para trás American Idol e Modern Family. Nada mal.

A comédia musical do ABC Galvant estreou com a melhor demo do canal para domingo: 2 pontos. O canal precisa urgentemente de representatividade de peso aos domingos, já que Resurrection e Revenge não estão dando conta do recado.

E vem da Fox também uma boa surpresa de janeiro: a volta de Gotham, que venceu todos os concorrentes de segunda-feira com 2,5 de rating, deixando muita veterana para trás. A série ainda se destacou na social media, com 24 mil comentários no Twitter.

A estreia solo de Agent Carter na TV foi ofuscada pela tradição de NCIS, mas mesmo assim merece um espaço no nosso sobe por ter conquistado 6,91 milhões de espectadores e 1,9 na demo. Além disso, foram 104 mil tweets sobre a série nova, sendo que apenas 7% destes foram negativos. Vida longa na TV?

2.desce

A grande decepção da semana foi a volta de Glee. A série, que retornou apenas agora para finalizar uma história de altos e de uma queda vertiginosa, teve 2,35 milhões de espectadores com 0,7 de rating, os piores números da história das première da série. E nem vale dizer que ela foi para sexta, pois perdeu para Undercover Boss e Last Man Standing. Os gleeks seguraram a social media com 127 mil comentários, mas não sei se é o suficiente para fechar com dignidade a trajetória da série.

Mas o troféu de pior público da história da série ainda estava guardado para Revenge e sua confusa história de vingança/descoberta/revelações de Amanda e David Clark, levando Queen V. para um limbo, onde ela não merece estar. A série teve 3,97 milhões de espectadores e 0,9 de rating. Assim, não há Syndication que segure esta trama. Nem os 3 mil comentários na social TV, que, aliás, foram os mais desinteressantes da semana.

E a confusão de enredo continua em Pretty Little Liars, a série que se afunda cada vez mais nos seus mistérios sem fim. Para esta semana, foram 2,01 milhões de espectadores, um dos piores públicos da série. Mas o que chama a atenção mesmo é o baixo (eu explico) número de comentários na social TV: 380 mil citações. Números extremamente baixos para a série, uma vez que o ABC Family já conseguiu 1,9 milhão de comentários com menos ações de mídia. Preocupante.

That’s all folks!! Espero que vocês continuem comentando, compartilhando e divulgando a nossa coluna. Usem o espaço aí embaixo como vocês preferirem: critiquem, falem mal (com classe, ok?) e o usem para discutirmos a audiência de nossas séries favoritas. Até a próxima semana.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER