GA 9×21 — Sleeping Monster

“O tempo que você passou se convencendo de que o monstro adormecido não era real, ele estava juntando forças.” — Bailey, Miranda.

Grey’s Anatomy retornou da pausa e não perdeu tempo. O episódio focado na Dra. Bailey amarrou o processo com eficiência, e preparou terreno para as outras histórias.

Prova disso é que o título do episódio foi a metáfora perfeita para o momento em que os personagens estão vivendo. Como Miranda falou na narração (amo quando os coadjuvantes narram, à propósito), o monstro adormecido não dorme para sempre, e quando ele acorda, você precisa lidar com isso. E o monstro adormecido não era apenas a infecção da Bailey. Quase todo mundo no GSM tem o próprio monstro para enfrentar.

É interessante que o processo da infecção tenha se resolvido rapidamente. É mais interessante ainda que a saída tenha sido culpar novamente a administração do hospital. Para o drama não se prolongar, os roteiristas escolheram responsabilizar um pequeno núcleo que não mais faz parte da série, logo não há motivo para criar um novo processo. Podemos considerar que o aspecto jurídico da trama termine por aqui, o que já resolve muita coisa.

Enquanto a infecção, pelo que li numa pesquisa rápida, a proliferação agressiva da bactéria só ocorre se o portador não tiver cuidado higiênico. É difícil saber como a série irá retratar o problema, mas espero que a Bailey não sofra muito com isso mais pra frente. O risco de perder a profissão já causa pânico suficiente para uma personagem como ela, e convenhamos, para a gente que assiste mais ainda.

GA 9x21

Fico muito feliz que Chandra Wilson enfim teve sua chance de mostrar a espetacular atriz que é, mesmo que seja agora, tão perto do final. Já faz alguns episódios que sua personagem vem mostrando sua velha personalidade e relevância, mas essa trama em particular é a chance que ela precisava para enterrar seus momentos constrangedores nessa temporada.

Outros monstros adormecidos prometem acordar nos próximos episódios. O de Karev, por exemplo, já está abrindo os olhos. Quanto tempo para que sua história com Jo se resolva? O relacionamento da moça com Myers está ficando cada vez mais sério.

Yang também tem um monstro dos grandes para enfrentar. Mesmo não achando que Cristina e Owen sejam o casal perfeito, a essa altura só espero que eles definam sua situação. Owen não vai mudar de ideia em relação a construir uma família, e agora mais do que nunca alguém precisa ceder. Será que Cristina finalmente vai decidir ser mãe? Não acredito que depois de todo envolvimento do Owen com o garoto que acabou de perder a mãe (e poderá perder o pai), Hunt aguente mais tempo. Ele vai cobrar uma decisão, e não vai demorar para isso acontecer.

É necessário destacar também a maturidade com que Meredith enfrentou o monstro de Bailey e sempre tem se mostrado disposta para os colegas. A personagem é uma das que mais demonstram desenvolvimento e coerência no contexto geral da série, e mesmo com sua seriedade tem protagonizado ótimos momentos cômicos.

Agora só restam três episódios para a temporada acabar. E eu não vejo a hora de ver como tudo irá se resolver.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER