GoT 2×08 — The Prince of Winterfell

“Eu vou te machucar por causa disso. O dia vai chegar quando você pensar que está a salvo e feliz, e sua alegria se tornará cinzas em sua boca. E você saberá que a dívida foi paga”. — Tyrion Lannister.

Ah, gente, os primeiros minutos desse episódio me fizeram pensar que todo mundo estava morto, já, e me senti muito frustrado por um tempo, mas o desenrolar me deu mais calma e mostrou que muitos planos estão em andamento no continente de Westeros e muito ainda está para acontecer antes do décimo e último episódio da temporada, que passará no dia 3 de junho.

Como disse, fiquei chocado em pensar que os companheiros de Jon foram mortos sem ao menos uma cena! Sobrou apenas o Meia Mão da patrulha. “Faça com que não tenha sido em vão”, Jon! E não entendi por que Sam e Edd estavam cavando na neve, mas mais uma vez esbarramos com os Primeiros Homens. Acho que a série está andando em alguma direção aqui, por isso a insistência no tema. Espero que valha a pena! E espero que as respostas surjam logo, quero entender essa jornada espiritual de Jon no meio dessa neve toda.

E quanto a Jaime? Eu já não esperava que ele voltasse essa semana, mas ele é um personagem tão interessante, que lá no fundo eu torcia por ele. Agora Catelyn continua destruindo tudo, não é? Os maiores problemas de Ned começaram quando ela prendeu Tyrion, e eu comecei achando que ela tinha matado o homem, mas ela está fazendo um jogo ainda mais complicado, enviando-o para King’s Landing. E olha que ela sabe que Stannis está indo para lá também.

Agora sou só eu ou todo mundo está achando que Stannis tem muito pouca atenção para quem está para tomar King’s Landing? Ele aparece mais nos comentários dos Lannisters, não é? Estou sentindo que algo vai dar errado aqui. Mas eu fico feliz que ele reconheça em Davos Seaworth uma pessoa leal e digna, só não acho que o Cavaleiro da Cebola vai chegar a ser Mão do Rei. Mesmo assim, torço por ele! Vai Davos!

Gostei da dinâmica (ou falta dela) entre os conhecimentos de Tyrion e Bronn. E é a mais pura verdade. Tyrion é um intelectual, inteligente, e busca suas respostas nos textos sobre cercos de cidades e castelos. Seu amigo é muito mais prático e sabe como as coisas funcionam na vida real. E só de ver Lorde Varys concordando com a brutalidade do assassinato dos ladrões já deu pra ver que a coisa está muito complicada em King’s Landing. Não há muito que dizer sobre Robb, apenas parabeniza-lo por prender sua mãe, que gosta de causar, e por finalmente agarrar aquela enfermeira gatinha. Mas isso mostra o quanto ele também é bom em causar problemas, não é? Liberou Theon para conquistar Winterfell, agora vai mandar um bastardo de um lorde qualquer tomar Winterfell (o que provavelmente também trará problemas) e agora está apaixonadinho por uma, apesar de noivo de outra. Esses Stark…!

E meus Deuses antigos e novos, que cena foi aquela entre Tyrion e Cersei! Há algum tempo já venho dizendo que Cersei já não serve para nada, mas é mentira: ela serve para me divertir. Quando ela disse que estava com a “puta” do irmão, eu já imaginava que Shae era mais esperta que isso, e soltei uma boa gargalhada quando vi que não era ela que tinha sido presa. Tyrion, sempre esperto, me agradou ainda mais e no fim, pude só sentir pena da risadinha da Rainha. Você é muito burra, Cersei. Tenho pena de você. Mas eu tenho pena de Tyrion também, porque eu também acho que antes disso tudo acabar, Shae ficará em perigo real.

Mas o papel de Tyrion não acaba aí, porque ele foi de longe o maior destaque do episódio. A conversa dele com Varys nas muralhas foi muito reveladora. Parece haver um respeito mútuo (apesar de nunca sabermos o que passa naa cabeça do eunuco), e nosso querido anão diz “um jogo de cada vez”, pois já sabe que Daenerys está do outro lado do oceano com três dragões. Agora achei muito divertido ele falando das gloriosas conquistas dos irmãos enquanto ele era o responsável pelo esgoto de Casterly Rock: “E toda a merda encontrou seu caminho para o mar”. Ele é genial.

Jorah continua aquele cara ideal. As cenas dele com Dany foram todas maravilhosas nessa temporada (e na temporada passada também). A preocupação dele com a Khaleesi é mais que comovente, é muito bonita. Mas parece que tudo o que vimos e veremos nessa temporada sobre esses dois é essa preparação, todas as pequenas cenas dos episódios foram criando essa nova Daenerys, Mãe de Dragões. Espero que o resultado seja bom.

Sobre Arya, devo concordar com Jaqen quando ele diz que “uma garota não tem honra”. Esperava mais dela. Eu sei que ela tem os planos na cabeça, mas Jaqen só fez ajuda-la desde que ela o salvou, não custava ela trata-lo bem. Agora que Tywin a deixou para atacar Robb, de repente não há tempo de ser honrada, não é? Não sei se Jaqen retornará em episódios futuros, já que Arya fugiu de Harrenhal, mas digo que eu gostaria de reve-lo.

Por fim, para não deixa-los de lado, Yara falou para Theon o que precisava ser falado. Theon não tem muitas chances de continuar no poder em Winterfell por muito tempo. Só não fiquei comovido com aquele papo de “quase te matei quando você era bebê, mas aí você sorriu pra mim”. E eu disse que Bran e Rickon estavam vivos =) Fico tão feliz! Eles são tão bonzinhos…! E o que será desses garotos agora? A temporada está acabando!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER