Gotham 1×17 — Red Hood

Você é linda. Algo que pode usar a seu favor. Sua aparência pode ser uma arma. Tão poderosa quanto um canivete ou um revólver” — KEAN, Barbara.

Desde que passou a viver em sociedade, o ser humano acostumou-se a se valer de máscaras. De uma forma ou de outra, esconder-se atrás de uma máscara de personalidade tornou-se uma espécie de defesa. Construindo uma fantasia sobre o caráter dificultaria o acesso às regiões mais abissais da alma.

Em alguns casos, essa máscara ou fantasia deixa o campo figurativo e passa a ser literal. Meninos franzinos transformam-se em criaturas cruéis quando adotam um uniforme de policial, por exemplo. A autoridade por trás da roupa dá o aval para comportar-se de maneira superpoderosa.

As tramas de super-heróis valem-se dessa máxima para criar seu universo. Especialmente, as histórias envolvendo o Batman. No mundo do Homem-Morcego, heróis e vilões lançam mão do artifício de uma máscara para orquestrarem suas ações. O detalhe da vestimenta transmite uma sensação única de poder.

Basta vestir um capuz vermelho para que homens comuns tornem-se líderes de um bando criminoso, perpetrando o horror contra bancários na cidade de Gotham. O mais interessante aqui é que a população não os condena, especialmente porque, ao final do assalto, notas de dólares são lançadas aos ares. Daí o nome do episódio fazer uma alusão a Robin Hood, o lendário ladrão que tirava dos ricos para dar aos pobres.

Gotham 1x17

Gotham está longe de ser uma cidade oprimida pelo governo. A opressão ali é por parte da criminalidade que tomou conta e qualquer lampejo de esperança, nem que seja à custa de mortes, é bem vinda. Principalmente quando é oriunda dos bancos, essas instituições tão exploradores do sistema capitalista.

Será que aquele capuz vermelho realmente concede poder a quem os usa ou é como o menino com o uniforme do policial? O final do episódio brinca com isso e joga a resposta para o espectador. Caberá a ele decidir isso.

As máscaras podem surgir também através da maquiagem e de roupas atrativas. As mulheres sempre souberem usar muito bem esse artifício. A imagem da Mulher-Gato sedutora e fatal começa a ser formulada em Gotham. Apesar de rápida, a cena em que Barbara repara na beleza de Selina Kyle e a incentiva utilizar isso como uma arma é a chave para se compreender a personagem. Impressionante.

Fish Mooney provou mais uma vez que é durona e consegue forjar a situação a seu favor. Não usa máscaras explícitas, mas deixa evidente que é capaz de qualquer coisa para conseguir seu intento. Resta aguardar o momento em que ela aparecerá usando um tapa-olho, o mais próximo que chegará de esconder seu rosto.

Oswald tenta as duras penas tocar a boate e toda a sequência envolvendo a busca por bebidas parecia meio deslocada. O episódio passaria muito bem sem ela.

Alfred é outro personagem que acaba usando uma máscara figurativa. Sua postura séria e misteriosa esconde um passado de guerras e assassinatos. O surgimento de alguém de seu passado traz isso à tona. Pena que a maneira que isso se finaliza não é das mais nostálgicas. Naturalmente, o personagem sobreviverá, mas isso deixará feridas ainda mais profundas no jovem Bruce, como se as anteriores já não fossem suficientes. A batalha que se aproxima não será uma das mais fáceis.

Red Hood foi um episódio eficiente e não adianta reclamar das múltiplas tramas em tão curto espaço. Parece ser uma tendência da série, agora que se aproxima de sua reta final. São muitos personagens e todos sendo desenvolvidos simultaneamente. Prejudica um pouco, mas não compromete o resultado final.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER