House of Cards 3×13 — Chapter 39 (Season Finale)

Estou te deixando, Francis.” — UNDERWOOD, Claire

Não houve trovoadas, não houve guerra. Mas, em uma única sentença, Claire conseguiu soltar uma bomba em cima de Frank. Um fim que destruiu tudo o que sabíamos sobre a série e deixa o futuro completamente negro para o casal Underwood.

O episódio retomou do ponto exato que parou antes e gastou um bom tempo em Claire, exatamente fazendo a mesma coisa de antes. Deixando a personagem perceber o quanto eles não são mais parceiros, não são mais cúmplices. E foi Tom quem demonstrou bastante disso pra ela, através do capítulo e na conversa que tiveram.

Uma coisa que muitas séries fazem ao longo do tempo é tornarem-se bastante introspectivas. A história se desenvolve de forma bem mais lenta e sem pressa de chegar a algum certo ponto específico e se volta completamente para dentro dos seus personagens. É uma excelente maneira de demonstrar quem são esses personagens que acompanhamos e onde eles podem chegar. Grandes séries que tanto comentamos utilizam deste artifício quando querem fazer uma grande mudança em seus personagens. Evoluí-los, podemos assim dizer.

HoC_3x13

House of Cards não foi muito diferente, se voltou para o mesmo artifício. E não dá pra negar, o fez muito bem. Existe um velho ditado, “se quer conhecer verdadeiramente uma pessoa, dê a ela poder”. E foi exatamente assim que conhecemos o verdadeiro Frank. Ele botou as asas de fora e se mostrou. Um rude tirano que acredita ter chegado ao ápice do poder, uma pessoa que acredita que todos lhe devem honra por apenas existir e o contrário é passível de punição.

E, claro, Claire não gostou nada do que ela viu por trás da máscara de Frank. Antes, ela tinha alguém que podia cometer crimes juntos. Claire tinha uma devoção especial pelo marido, afinal, a promessa era que estariam juntos nessa viagem toda. Que chegariam juntos no poder. Mas não foi isso que aconteceu. Ele não se dispôs a ajudar uma só vez, foi necessário ela pedir e forçar a mão dele para obter o que precisava.

Te fiz primeira dama, não é o bastante. Te fiz embaixadora da ONU, não é o bastante. Não é o bastante! Não é bastante!” — UNDERWOOD, Frank
Não. Você que não é o bastante.” — UNDERWOOD, Claire

Para Claire, no fim das contas, não importava tanto em que posição ela estaria. Ela abriu mão da embaixada da ONU sem tanta luta. Ela mudou a cor do cabelo sem nem pensar duas vezes. Para ela, o que mais importava era Frank. Ela se sacrificou diversas e incontáveis vezes por ele, mas foi algo muito unilateral. Frank sempre teve medo de não ser o bastante para ela, mas justo no momento em que ele se achava o todo poderoso é quando ele realmente não é o bastante para ela.

House of Cards fez essa parcela da temporada muito bem, com uma excelência invejável. Mas nem tudo foram rosas. Muito da série eram as intrigas e planos maliciosos, manipulação. Essa parcela da série praticamente foi embora. Sem mais prender a respiração enquanto alguma coisa do plano saía dos trilhos. Todos se chocam com a morte de Zoe, de Russo, da queda do presidente Walker. Com a exceção de um momento ou dois, a série praticamente não entregou esse tipo de coisa. E, ainda sim, sem tanto alarde. Talvez, somente o surto de Claire após o suicídio do ativista tenha se encaixado nestes moldes.

Para quem acha que a qualidade da série caiu muito por faltar esse tipo de coisa, bem, não tem muito o que fazer. E no ponto onde Frank e Claire estavam não havia muito o que fazer, afinal, o ponto principal da série era dar essa virada para dentro e destruir toda a estrutura que ela tinha.

No fim do dia, a qualidade da série não caiu. Ainda temos um primor absurdo em forma de dramaturgia aqui.

Infelizmente, é só isso para 2015. Nos vemos em 2016!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER