Jack em quadrinhos

2010. Este foi o ano em que nos despedimos de Jack Bauer. O veterano, o maior agente antiterrorista da história do universo, já era um fugitivo, culpado por fazer o seu trabalho e tornar os EUA um lugar mais seguro para viver. Verdade, os métodos eram questionáveis, às vezes até condenáveis.

24hq01

Mas ameaças surgiam e ele era o único capaz de resolver. Mesmo sendo procurado, vinha o perdão e ele podia fazer o trabalho dele. Às vezes nem tinha perdão. Mas Jack é um altruísta. Um herói. Neste mesmo 2010, ficamos órfãos de mais heróis, além desses heróis da “vida real”, perdemos Heroes. Alguém apagou a luz e deixou a escuridão se aproximar.

O que isso tudo tem a ver com convergência, Thiago? Acho que já está bem claro, né? Em 2010 nós perdemos Heroes e Lost. Se ainda não sacaram, foi o ano em que duas das séries que mais souberam conversar com outras mídias e usar as tecnologias disponíveis se encerraram.

A FOX anunciou o retorno de Chloe e Jack, a NBC falou que vai ressuscitar Heroes e nós comemoramos. Já é esperado que a última faça investidas em campanhas transmídia. 24 Horas nem tanto, essa não era uma característica da série.

Porém, contudo, todavia, a IDW Publishing, empresa bacanuda que produz e distribui quadrinhos, anunciou que vai lançar HQs de 24 horas. Até seria só mais do mesmo. Só que, na verdade, a história dos quadrinhos mostrará os anos de foragido de Bauer, tudo o que ele passou depois que terminou a série e como ele se mete em nova encrenca, gerando a nova temporada.

Verdade que está na moda, todas as séries apostam nas HQs para ampliar o universo. Spartacus, Banshee, Buffy/Angel, Firefly e até CSI apostaram na fórmula. Destaque para Banshee, que recém terminou sua temporada, que vem apostando em diversas frentes, tendo websódios, quadrinhos, blogs, gifs e todo o material necessário para engajar os fãs. Ainda assim, é um agradinho para os fãs que não pode passar batido.

Ainda mais em tempos em que temos séries com origens nas HQs que não apostam na fórmula transmídia para se promover ainda mais. Não é mesmo Agents of S.H.I.E.L.D., Arrow, Flash e Gotham? O Agente Coulson foi criado para o cinema, agradou tanto que foi levado aos quadrinhos. Agora, as aventuras de sua “tropa” não são aprofundadas por lá. Por mais elogiáveis que estejam as produções (ou não), elas estão carentes demais. Voltadas para um público jovem e, porque não, nativo das HQs, é lamentável que apostem menos nessa mídia do que tantas outras que nem precisariam disso.

Sobre o Autor

Avatar

Thiago de Carvalho Rêgo

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER