Luke Cage da Marvel 1×11 — Now You’re Mine

Now You’re Mine traz uma dinâmica bem elaborada, colocando os personagens principais em uma trama tensa prestes a explodir em direção ao gran finale.

Eu não sou herói.” CAGE, Luke

Você tem certeza? Pois parece para mim que você sempre foi!” KNIGHT, Misty

Apesar do enredo completamente insano, Willis de fato tem um plano para distribuição em massa de balas Judas para a polícia. No fim das contas ele não quer ser apenas um gangster, mas sua vingança cega contra Luke Cage atrapalha seus grandiosos planos.

A rixa entre irmãos não é nova no universo da Marvel, nos cinemas já tivemos Loki tentando a todo custo derrubar Thor, e até uma aliança entre eles. Tudo porque o irmão vilão tem muito mais carisma que herói então a Marvel preferiu prolongar a vida do personagem nas telonas, o que provavelmente não vai acontecer em Luke Cage, pois Diamondback é um daqueles vilões cem por cento terríveis que ninguém vai sentir falta depois que ele for derrotado.

Voltando a Now You’re Mine a trama “panela de pressão”, parece ser pura enrolação, mas se você olhar de perto vê que muitos problemas vão sendo resolvidos para a série chegar ao seu final com apenas as pontas certas soltas.

O desgaste da relação entre Shades e Diamondback é um desses problemas, como já falamos em críticas anteriores, Shades é um daqueles personagens que parece sobreviver a tudo, ele fica ao lado de seus aliados apenas enquanto lhe convém e não vai ser surpresa que mesmo depois de ter sido preso nesse episódio o personagem termine essa temporada bem e solto.

A relação entre Luke, Misty e Claire também é algo que vai se ajustando para o fim, nesse caso, a detetive finalmente entende o que está acontecendo e deixa de ser um pé no saco do herói.

Enquanto politicagem vai sendo feita, não é novidade que Mariah mais uma vez vai sair como a boazinha da situação. Mesmo com várias pessoas torcendo contra, inclusive o novo promotor que conhecemos em Demolidor resolveu dar as caras para ajudar na situação. Blake Tower que começou como um cretino assistente e só conseguiu o cargo quando Reyes morreu, é conhecido nas HQ’s por sempre se aliar aos heróis mais “pobres” da Marvel, por isso sua aparição na série não é uma surpresa tão grande.

E por falar na morte de Reyes, não é de hoje também que os vilões esquematizam planos para incriminar heróis. Na segunda temporada de Demolidor quando Reyes morre o Justiceiro é culpado quando na verdade estão tentando incriminá-lo.

Outro assunto que leva a resolução de alguns enredos para encerrar a história é que finalmente a consciência de Candece vai pesar pelo fato de Luke salva-la ao invés de fugir. Isso pode ajudar a limpar seu nome contra a acusação sobre o assassinato de Cottonmouth.

Ainda assim ,Now You’re Mine é mais um episódio com muitos discursos de grandes planos maléficos, sim, Diamondback constantemente age matando personagens sem piedade, mas seus discursos são extremamente longos e sua obsessão pela bíblia tornam o vilão tão desequilibrado que chega a ser cômico. Se ele ao menos tivesse o carisma do Kilgrave de Jessica Jones ou até mesmo do próprio Cottonmouth seria mais fácil dar credibilidade ao personagem.

Por fim, temos que dar crédito a Claire e Misty derrubando Shades no porão, pois as mulheres de Luke Cage não deixam barato. E você, o que achou desse episódio? Não esqueça de comentar e dar uma nota para Now You’re Mine em nosso placar. Até a próxima.

[taq_review]

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER