MDM 6×06 — For Immediate Release

– O destino não me escolheu. — Arnold

– Eu não acredito em destino. Você cria suas próprias oportunidades!” — Draper, Don

A proposta de Mad Men sempre foi “como você se vende?” ou variações desse tema. Nessas transações observadas dentro da SCDP e nas relações entre os personagens, Don se destaca como alguém que domina a barganha. Todos estão a mercê do seu carisma, do seu sex appel, da sua autoridade, do seu talento, do seu dinheiro, do seu ego inflado.

Mesmo seus aliados mais próximos são esmagados por suas escolhas, que não parece se importar muito com a opinião de seus iguais. Ele apenas segue o que lhe convém e aproveita todas as oportunidades (conforme explicou para Arnold no elevador).

A demissão da Jaguar, uma conta que custou muito a Joan, foi apenas um capricho para Don. O fato de que isso acabaria com os planos de tornar a SCDP uma empresa de capital aberto, enriquecendo bastante os sócios, é irrelevante para ele (que nem sabia dos planos, mas nem se importou muito com eles). Resolver unir a SCDP com a CGC foi uma estratégia traçada por Don sozinho, sem qualquer consulta a seu colegas. Todos andam a deriva, sofrendo as influências das ações do protagonista. Até então, ele tem essa moral por realmente conseguir sucesso. Apostar nele até agora tem sido bom para todos os envolvidos. A dúvida que pesa é: até quando?

MadMen6X06 Ted DonPeggy

Em um episódio sem grandes momentos dramáticos, de direção ou argumentos inspirados — como tivemos em enorme quantidade nessa temporada — o roteiro avançou a história em direção ao que já era esperado, tomando saídas pouco verossímeis, como a repentina amizade de Don e Ted, que não se suportavam e, no fim do episódio já estavam unindo as agências. Além disso: Abe e Peggy começam a ter uma relação alienada, Peggy e Ted se beijaram, Trudy tem cada vez mais motivos para ter nojo de Pete (que só se fode, coitado), tudo conforme o esperado.

Surpreendente foi a já citada junção das empresas SCDP com a CGC. Apesar de pouco explorada enquanto processo no seriado, abre o roteiro para plots extremamente interessantes e traz Peggy de volta ao convívio dos seus antigos colegas. Qual será a reação deles depois da atitude de Peggy com os Ketchups Heinz? Toda trairagem será perdoada? Deixem seus comentários!

Se vender, saber seu preço e aproveitar oportunidades são motivos que tornam Peggy e Don os ativos que movimentam os acontecimentos dessa série, mas as escolhas desses dois personagens trazem responsabilidades sobre ambos. Será que veremos, no decorrer do final dessa temporada, eles pagando pelos riscos que assumem? Porque os riscos, em Mad Men, nunca estiveram tão elevados!

Preview do próximo episódio abaixo:

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Por essa a Ru Paul não esperava. Analisamos os piores looks da Mamma Ru, como bons guest judges.

Visitamos a Casa Warner com o tema Friends e mostramos tudo nesse vídeo.

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER