MoS 2×01 — Parallax

Esse estudo é pior que a maldição da múmia.” — LANGHAM, Dr. Austin

Parallax, que marca o retorno de Masters of Sex, é um episódio denso, cheio de explicações mas com poucas conclusões. Traz boas elucidações dos questionamentos deixados no último episódio da primeira temporada, mas passa impressão de que respostas concretas só serão entregue no futuro.

O episódio começa com o esclarecimento da aclamada cena da chuva, até aqui bastante previsível, se não fosse o fato de termos o ponto de vista do acontecimento tanto de Dr. Masters quanto de Virginia em momentos diferentes no episódio. Bill mais parecia ter saído de uma comédia romântica, esperando que a donzela recusasse o pedido de casamento e vivesse momentos de loucura ao seu lado, tornando-se sua amante.

Gini, para minha surpresa, encarou a feroz transa com seu ex-chefe como parte do estudo. Dessa vez a aplicação dos dois ao trabalho me irritou bastante. Até quando vão negar que ambos nutrem algo um pelo outro? A última cena do episódio mais me pareceu fim de série de adolescente, onde os protagonistas nunca podem ficar juntos. Masters of Sex não precisa disso, tem enredo suficiente para não precisar forçar um clichê tão fora de moda.

Episode 201

Logo atrás do casal sensação vem Libby com sua eterna personalidade mãe e esposa fiel. A personagem perdeu toda sua credibilidade ao se acomodar com situação em que vive. Em uma série onde a maioria das mulheres são fortes e decisivas, Libby passa despercebida, servindo apenas de pano de fundo para as crises sem sentido do marido.

Falando nisso, notei uma certa insistência em transformar Dr. Masters em uma espécie de vilão incompreendido. Pelo meu pouco conhecimento da história verídica realmente ele era um ser de muito egoísmo, mas a série anda flutuando demais nisso. Uma hora ele é muito bonzinho, em outros momentos já tá super filho da puta, como por exemplo, na cena envolvendo Essie. É importante essa personalidade bipolar do personagem, mas Bill ainda é muito indefinido, o que pode prejudicar muito a trama no futuro ao depender de um protagonista tão vago.

As histórias paralelas também não foram muito bem delimitadas. Tivemos um médico tarado, Gini sem dinheiro, Jane querendo ir para Hollywood e o melhor de tudo, Ethan desaparecendo da história. Mas três tramas aparentam ter potencial. Primeiro aquele olho roxo da Dr. DePaul, também suspeito que seja algo envolvendo o câncer. Mas não estamos superestimando demais a personagem? Não será realmente possível que ela tenha um amante furioso? Vamos acompanhar.

Segundo, a volta de Betty DiMello. A prostituta que deu o pontapé inicial no estudo de Dr. Masters não consegue engravidar, mostrando que voltou para ficar na história. Eu espero algo de interessante daqui, uma vez que ela é uma personagem complexa e cheia de tramas requintadas. E em terceiro, mas não menos importante, a tentativa de suicídio de Barton Scully.

Logo no início do episódio já presenciamos a cena da sessão de eletrochoque, mas confesso que não achei tão chocante quanto a tentativa dele de fazer sexo com a esposa. Foi triste e nojoso. Porque me levou a pensar que a cura gay deveria ser trocado por uma simples atitude: cada um cuida da sua vida e pronto. Não íamos presenciar cenas onde homens e mulheres tentam ser o que não são. Porque o bonito do universo é essa particularidade que cada um carrega, sem olhar raça, crença e opção sexual.

Fiquei contente por ele não ter conseguido se matar. Sem dúvida é a melhor trama paralela da série e merece toda nossa atenção. Mesmo com tantos momentos ruins, não considero Parallax um episódio fraco, pelo contrário, Masters of Sex precisava de um retorno mais brando para estruturar de novo suas tramas para uma temporada que promete ser tão boa quanto a primeira.

PS: Você também se perguntou por onde anda o namorado do Barton??? Só tenho uma coisa a dizer: Ryan Murphy. Fica a dica.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER