…o elenco de Chaves?

Por Rafael Revadam

Ao selecionar a próxima série que daria as caras por aqui, reparei que muitas da programação do SBT já aparecem como As Visões da Raven ou Um Maluco no Pedaço, mas a principal, aquela que a emissora escala sempre quando a audiência cai, ainda não.

Por esse motivo, a coluna de hoje será especial e mostrará uma das séries que está há mais tempo em exibição na televisão brasileira. Dispensando breves apresentações, é hora de sabermos Por Onde Anda… o elenco de Chaves.

Roberto Gomes Bolanõs foi o grande criador de Chaves (El Chavo del Ocho), além de ser o intérprete de seu protagonista homônimo. Após o final da série, em 1992, Bolaños fez poucos trabalhos na televisão, concluindo algumas esquetes como Chaparron Bonaparte e Los Chifladitos, esta última que fazia parte do programa Chespirito, finalizado em 1995. Ele também escreveu diversos livros, muitos voltados ao universo do Chaves como El Diario de El Chavo del Ocho (lançado aqui no Brasil como O Diário do Chaves) e Sin Querer Queriendo. Em 2004, Bolaños oficializou sua relação com Florinda Meza, intérprete da Dona Florinda, com quem viveu 27 anos antes do casamento. Dentre seus últimos trabalhos está o filme Once y Doce, de 2009, no qual além de ser seu criador, Bolaños também atua. Ele também é responsável pelos roteiros da versão animada de Chaves e lançou recentemente o canal oficial do Chaves no YouTube, em parceria com a emissora Televisa.

O intérprete do personagem Quico, Carlos Villagrán, deixou o elenco de Chaves em 1979, mas não largou o personagem. Ele participou de diversas séries como Quico e inclusive chamou Ramón Valdés, o intérprete do Seu Madruga, para integrar o elenco de alguns spin-offs. Dentre os principais, podemos destacar ¡Ah qué Kiko!, que chegou a ser exibida aqui no Brasil pela TV Bandeirantes como Kiko e sua turma, e Federrico. Villagrán teve que mudar a grafia do nome Quico (que passou a se chamar Kiko nas séries próprias), devido a direitos autorais do personagem original, reservados ao Roberto Bolanõs. Villagrán também chegou a abrir uma companhia circense e realizou espetáculos como seu personagem Quico. Em 2010, ele anunciou sua aposentadoria.

Após o final de Chaves, María Antonieta de las Nieves continuou a investir em sua personagem, a Chiquinha. Em 1994, estreou a série Aquí está la Chilindrina (Aqui está a Chiquinha), o que rendeu uma briga judicial com Roberto Bolanõs, que afirmava possuir os direitos autorais da personagem Chiquinha. Com o sucesso do seriado, ela gravou o filme La Chilindrina en Apuros no mesmo ano. Em 2002, aconteceu mais uma briga com Bolaños: o criador de Chaves esqueceu de renovar os direitos autorais da personagem, possibilitando que a intérprete da Chiquinha a registrasse em seu nome. Em 2005, os dois fizeram as pazes e Antonieta foi convidada pelo filho de Bolaños, Roberto Gómez Fernández — um dos diretores da Televisa, a participar da novela Sueños y Caramelos (exibida aqui no Brasil como Sonhos e Caramelos pela CNT). Dentre seus últimos trabalhos estão as novelas Dame Chocolate (2007) e Amar de Nuevo (2011). Antonieta veio ao Brasil em outubro do ano passado quando participou do Programa do Ratinho.

O intérprete do inesquecível Seu Madruga, Ramón Valdés, abandonou o elenco de Chaves em 1979, quando se juntou a Carlos Villagrán para interpretar o personagem Don Moncho no seriado Federrico. Em 1981, após diversos convites de Roberto Bolanõs, voltou a interpretar o famoso personagem (e outro tantos) no programa Chespirito (conhecido aqui no Brasil como Clube do Chaves). Após o término do programa, em 1995, Valdés voltaria a trabalhar com Carlos Villagrán no programa ¡Ah que Kiko!, mas abandonou a série na segunda temporada por problemas de saúde. Na década de 80, Valdés descobriu um tumor maligno em seu estômago e veio a falecer em 1988, aos 64 anos, vítima da doença.

Florinda Meza, intérprete de Dona Florinda, não realizou muitos trabalhos após o fim de Chaves, preferindo muitas vezes participar atrás das câmeras como produtora. Dentre suas produções, encontram-se as telenovelas La Dueña (1995) e Alguna Vez Tendremos Alas (1997). Após 27 anos juntos, Florinda juntou os trapos oficialmente com Roberto Bolanõs, em 2004. Segundo boatos, Florinda foi um dos motivos que fizeram Roberto Bolanõs e Carlos Villagrán brigarem durante anos, já que antes de se envolver com o interprete de Chaves, ela tinha um namoro com o intérprete do Quico. E teve boatos que ela estava na pior!

Com o fim de Chaves, Rubén Aguirre, o Professor Girafales, também optou por ficar atrás das câmeras produzindo o programa Aquí está la Chilindrina, estrelado pela María Antonieta de las Nieves como Chiquinha, em 1994. Ele também abriu um circo, El Circo del Professor Jirafales, onde se apresentava como o seu famoso personagem. Mas ele anda meio sumido da mídia, pois está com vergonha de mostrar ao público o seu corpinho fora do peso.

O intérprete dos personagens Senhor Barriga e Nhonho, Édgar Vivar, foi o que mais trabalhou após o final de Chaves. Participou de diversas novelas como Alguna Vez Tendremos Alas (1997) e Amarte Así (2005). Dentre seus últimos trabalhos se encontra a novela Para Volver a Amar, de 2010. Édgar também veio ao Brasil no ano passado quando foi entrevistado por Danilo Gentili para o programa Agora é Tarde.

Angelines Fernández, a intérprete de Dona Clotilde, ou melhor, A Bruxa do 71, infelizmente, não fez muitos trabalhos após o fim de Chaves. Ela participou do programa Chespirito e fez alguns filmes. Porém, fumante excessiva, Angelines foi vítima do cigarro e veio a falecer 1994, pouco tempo após o final do seriado. Existe uma história bem interessante: muitos alegam que Angelines realmente amava Ramón Valdés, intérprete do Seu Madruga. No enterro do seu possível amado, Angelines entrou em choque e ficou duas horas parada em frente ao seu caixão chorando e o chamando de mi rorro, apelido carinhoso que deu a ele.

Outros personagens também merecem seu destaque: Raúl Chato Padilla, intérprete do Jaiminho, o carteiro, que faleceu em 1994, vítima de diabetes, enquanto participava do programa Chespirito, e Horacio Gómez Bolaños, intérprete do personagem Godinez e irmão de Roberto Bolanõs, que fez alguns filmes após o final de Chaves e participou de Chespirito, mas também veio a falecer sofrendo um infarto em 1999.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER