O legado da série Zorro

Atualmente o que mais vemos na TV americana são adaptações de heróis. Séries, spin-offs, minisséries… O gênero se multiplicou. Sucessos como Batman & Robin, Hulk, Lois & Clark, Smallville, entre outras, se deve a uma precursora no gênero, que fez muito sucesso ainda na época da TV preto e branco — Zorro, a série produzida pela Disney e exibida na ABC entre 1957 e 1959.

O personagem foi criado pelo escritor norte-americano Johnston McCulley, e é contextualizado em um período em que a Califórnia ainda era colonizada pela Espanha, em meados do século XIX. Zorro vem do espanhol que significa Raposa, e o herói acaba adotando o “Z” como seu símbolo, na defesa dos fracos e oprimidos.

Zorro

O herói, até a década de 50, já havia sido bem explorado nas telas do cinema, já tendo estrelado quatro filmes. No pensamento de que os lucros neste meio já haviam sido esgotados, McCulley acabou vendendo os direitos do personagem para um agente teatral chamado Mitchell Gertz, que levou um projeto para a Disney a fim de transformar o herói no protagonista de uma série de TV. O projeto não vingou logo de cara, e Walt Disney teve dificuldades de vender o programa. Visto isso, o projeto acabou sendo cancelado e o empresário/produtor acabou conseguindo vender a série Davy Crockett para o canal ABC. A série, que também abordava a temática de herói, acabou fazendo sucesso, e Disney precisando de dinheiro para investir na construção da Disneylândia, acabou retomando ao projeto do Zorro, sendo que, desta vez, consegue vender o personagem para a ABC, em 1956.

Começada a produção, os anúncios em torno do show só foi aumentando, e a expectativa cresceu. No dia 10 de outubro de 1957, a série estrearia na TV americana, e conquistaria um enorme sucesso. Até 1959, 82 episódios e 4 especiais haviam sido produzidos em duas temporadas. A audiência agradava o canal, e a história acabou se tornando popular entre as crianças.

Zorro 2

Guy Williams se eternizou no papel de Don Diego de La Vega/Zorro, assim como outros personagem se consagraram, como o ajudante Bernardo, o atrapalhado Sargento Garcia e o capitão Monastário. Os episódios, que tinham por volta de 20 minutos, eram em preto e branco e tinham histórias simples, mas que prendiam o espectador até o final. A produção da série era caprichada para a época, e inspirou diversas outras adaptações. A própria série de TV do Batman — personagem criado por Bob Kane que já havia alegado ser inspirado no Zorro -, tinha referências à clássica série da Disney.

Cenários, figurantes e muitos cavalos — esse era o segredo de manter toda semana o espectador grudado na telinha. Entretanto, dois anos depois, o canal e a Disney acabaram entrando em conflitos e empasses, que acabaram interferindo na produção da série, fazendo o seriado ser cancelado precocemente em 1959, tendo seu último episódio exibido no dia 02 de junho daquele ano. Williams continuou trabalhando como Zorro, fazendo aparições públicas, e eventos na Disney, a fim de manter a história do herói viva. Mas visto o grande sucesso, a série seria reprisada inúmeras vezes na TV americana.

Por aqui, Zorro chegaria no início da década de 1960 pela extinta TV Tupi, conquistando uma enorme audiência em suas exibições no sábado à noite. Entre a década de 1970 e 1980 a TVS (atual SBT) exibiu a série, que voltaria a ser sucesso no Brasil a partir de 1996, quando a Rede Record passou a exibir a série depois dela ter sido colorida digitalmente em 1992 pela Disney. Zorro voltaria a dar as caras em 2006, quando passou a fazer parte da grade da Rede TV! Atualmente, podemos matar as saudades da série no youtube — quase todos os episódios estão disponíveis online e dublados. Confira o primeiro episódio da série:

A série conseguiu ficar no imaginário de muitas crianças, e o mais curioso — de várias gerações. Há quase 60 anos a série conquista sempre novos fãs, que sempre elogiam as histórias e a atuação do eterno Zorro, Guy Williams. É sempre bom rever este clássico que tem o seu legado vivo até hoje, sem sombra de dúvidas. E você, curtia esta série? Qual outro clássico você via na sua infância?

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER