O paizão Peter Krause

Ficha Corrida

Nome completo: Peter William Krause

Idade: 45 anos

Signo: Leão

Altura: 1,85m

Estado civil: Solteiro

Curiosidade: Começou sua carreira atuando em comédias, mas ficou conhecido por interpretar papéis intensamente dramáticos, como o Nate de Six Feet Under

Esta é a sua vida

Peter Krause nasceu no dia 12 de agosto de 1965 em Alexandria, Minnesota, e cresceu em Minneapolis com seus dois irmãos e seus pais, ambos professores.

Na adolescência, Peter se dedicava a ginástica — cavalo com alças e argolas — e ao atletismo. Sua única incursão no teatro foi para ficar com uma bela garota. Peter não gostou muito do papel que conseguiu na peça, mas acabou levando a garota ao baile de formatura. Só depois que um acidente de salto com vara pôs fim a sua carreira de atleta, é que ele considerou voltar a atuação.

Mas não pense que Peter foi direto para os palcos, não. Depois de terminar o colegial, ele entrou na faculdade para estudar medicina. Pois é, ele fez um semestre e só então mudou seu curso para Literatura Inglesa. Enquanto estudava, Peter juntou-se a um show itinerante de marionetes, no qual atuava e escrevia roteiros.

Em 1992, participando de Beverly Hills: 90210

Formado e com a cabeça feita sobre o que queria fazer da vida, ele seguiu para Universidade de Nova Iorque, onde fez Mestrado em Belas Artes. Além de atuar em peças off-Broadway, ele fazia bicos para se manter na Big Apple, chegando a trabalhar como bartender com o hoje famoso Aaron Sorkin, o criador de The West Wing.

De lá, Peter foi para Los Angeles e logo começou a trabalhar em TV. Foi sua amiga dos tempos da NYU, a atriz Camryn Manheim (Ghost Whisperer) que o ajudou a conseguir seus primeiros papéis, na comédia Carol & Company (1990), na famosa sitcom Seinfeld e no drama teen Beverly Hills 90210, ambas em 1992.

Ele continuou fazendo participações especiais em diversas séries até que, em 1995, se tornou parte do elenco regular de Cybill, no papel de Kevin. No cinema, apesar de ter estreado cedo, em 1987, com o terror Blood Harvest, ele só fez um filme de destaque em 1998, com um pequeno papel em O Show de Truman, com Jim Carrey.

Neste mesmo ano, Peter teve sua primeira grande chance na série Sports Night, criada por seu amigo Aaron Sorkin. Nela, ele vivia Casey McCall, o co-âncora de um programa esportivo. Entretanto, apesar de aclamado pela crítica, o drama da ABC acabou sendo cancelado depois de duas temporadas devido sua baixa audiência.

Isso soa tão banal, mas nos relacionamentos, você tem que se comunicar.

Em 2000, Peter fez testes para estrelar outra série de sucesso, Six Feet Under da HBO. Mas não pense que ele foi atrás do papel de Nate. Na verdade, o ator queria mesmo era o de David, por ter ficado impressionado com sua mensagem de direitos humanos e políticos. Porém, a dificuldade em encontrar um ator que retratasse Nate com perfeição, acabou levando o criador da série Alan Ball a dar oferecer o papel a Peter, por conta de sua química com a atriz Rachel Griffiths (Brenda).

Pelo papel do filho pródigo que volta para casa para cuidar da funerária da família depois que o pai morre, ele conquistou não só fama, mas também três indicações ao Emmy e duas ao Globo de Ouro.

Em 2004, Peter fez sua estreia na Broadway, com o espetáculo After the Fall, de Arthur Miller. Um ano depois, com o fim de Six Feet Under, ele participou do filme Paranóia Americana (2006)e da minissérie do canal Sci-Fi, The Lost Room, ao lado de Julianna Margulies (The Good Wife). Pouco depois, Peter voltou ao horário nobre com a série da ABC, Dirty Sexy Money, que foi transmitida entre 2007 e 2009.

Com Lauren: irmãos na telinha, romance fora dela!

Atualmente, o ator atua na série Parenthood, na NBC, que começou sua segunda temporada no último dia 14. E a série, além de lhe dar a chance de encabeçar mais um grande e talentoso elenco, proporciou seu reencontro com Lauren Graham (Gilmore Girls). Anos atrás, os dois — que na telinha são irmãos — tiveram um encontro que acabou não rendendo nada. Agora, os dois aproveitaram a segunda chance e estão namorando.

Em inúmeras entrevistas no passado, Peter sempre deixou claro que não acredita em casamento, apesar de achar que a família seja a base de tudo. Talvez seja por isso que ele tenha optado por não casar com a atriz Christine Kerig, com quem ele teve um filho em 2001, chamado Roman. Sobre sua relação com o filho, ele comentou certa vez “Eu não bato nele. Não grito com ele. E se ele quer ir ao parque de pijamas, eu não ligo.”

Além de seu trabalho no drama familiar, em breve, Peter poderá ser visto nas telas do cinema com a fantasia Beastly, uma versão moderna de A Bela e a Fera, baseada no romance de Alex Flinn, que tem no elenco outro astro da TV, Neil Patrick Harris (How I Met Your Mother).

Sobre o Autor

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Personagem afeminado de Cavaleiros do Zodíaco será mulher em remake da Netflix.

Confira o que achamos da versão ilustrada de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban em português.

Wanessa tá de clipe novo. E o clipe define o que "é ruim mas é bom".

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!