O poderoso Joe Morton

Joe Morton

Nome inteiro: Joseph Thomas Morton

Aniversário: 18 de outubro

Signo: Libra

Idade: 66 anos

Casado com: Nora Chavooshian (desde 1985)

Narrou: “The Lion King: Concert in the Wild”, durante evento no Animal Kingdom.

Altura: 1,75 m

Em duas semanas teremos a nossa eleição presidencial. E eu já não consigo assistir a nenhum debate ou propaganda política sem pensar em altas teorias da conspiração. Os culpados disso? House of Cards e Scandal. Fico imaginando a vida das “primeiras-damas”, as assessorias controladoras, os jornalistas sem noção do perigo, os podres que nunca saberemos, e é claro: B613. Será que temos uma versão brasileira disso? Será que temos um Jake Ballard andando por ai? (aí sim!) Ou melhor, será que temos um Command livre, leve e solto no mundo?

É, gente, fiquei neurótica. E pra usar esse problema ao meu favor, nada melhor do que escrever o Perfil dessa semana sobre o nosso pseudovilão, líder de uma das organizações mais secretas do mundo, papi da Livvie: Rowan-Eli Pope!

Quem tem medo dele depois dessa foto?

Depois de passar a maior parte de sua infância no Japão e na Europa, Joe Morton, junto com sua mãe e restante da família, mudou-se da Alemanha para Nova York após o falecimento de seu pai. Na infância, mudando toda hora, o menino não chegou a dar muita bola para a atuação, e foi somente no final do colegial que Joe resolveu investir na carreira artística: Inscreveu-se na Universidade Hofstra e no primeiro ano já estava fazendo aulas de teatro!

Infelizmente, alguns atores só trabalham com o que valoriza sua aparência ou combina com a seu perfil. Mas isso só te leva até certo ponto, é preciso ir além.”

Ainda na faculdade, fez seu primeiro trabalho profissional na peça A Month of Sundays, mas foi somente no ano seguinte, atuando no clássico Hair (1968), que Joe tornou-se bem conhecido nos círculos da Broadway. Foi um trabalho atrás do outro. Inclusive, o papel de Morton na versão musical de A Raisin in the Sun lhe rendeu uma indicação ao Tony — o maior premio do teatro americano!

Embora não tenha faturado o prêmio, o ator teve muita visibilidade e acabou sendo convidado para diversos trabalhos em programas populares de televisão, incluindo M * A * S * H e Missão Impossível. Ao final dos anos 70, Morton tinha aparecido em uma variedade de filmes igualmente aclamados, como The Man Outside (1973), Between the Lines (1977), e … And Justice for All (1979).

Depois de rechear o seu currículo com zigtrilhões de participações em produções, chegou a hora de Joe estrear seu próprio filme: em 1984, Morton interpretou “O irmão”, no filme de John Sayles, The Brother From Another Planet. Assumiu, deu conta dessa responsabilidade e menos de um ano depois, Morton já podia ser visto atuando ao lado de Lori Singer e Keith Carradine no drama romântico Trouble in Mind.

Exterminador do Futuro 2!

Joe tentou, buscou e aproveitou diversas oportunidades nos anos 80, mas foi somente em 1991 que veio a sua chance de ser mundialmente famoso. Morton foi escolhido para viver o pesquisador Miles Dyson em O Exterminador do Futuro 2! Sucesso absoluto de público, o filme colocou Joe definitivamente em Hollywood. No mesmo ano já fechou contrato para viver um frustrado vereador no longa Cidade da Esperança e um capitão da polícia no hit Velocidade Máxima!

A boa fase não se limitou ao começo da década não! Depois de um papel recorrente na produção da NBC, Homicide: Life on the Street, estrelou dois filmes altamente elogiados: The Walking Dead (1995), no qual interpretou um marinheiro profundamente religioso, e Estrela Solitária (1996), outro filme de John Sayles. Mostrando-se cada vez mais versátil, Morton entrou de cabeça no novo e ousado projeto da HBO, Miss Evers’ Boy, pelo qual ganhou três prêmios Emmy em 1997!

Podemos dizer que o início dos anos 2000 foi igualmente ocupado para Morton, que, além de participar de inúmeros documentários e filmes para a televisão, manteve dois papeis regulares em séries: como Leon Chiles em Law & Order, e como Dr. Steve Hamilton, em Smallville.

Scandal: Uma família muito unida, e também muito ouriçada...

Como se o moço já não tivesse a agenda lotada, Morton ainda atacou de narrador da PBS, no documentário The American Experience. Ou seja, além de um rosto conhecido, ele quis ter uma voz familiar também! O que mais ele quer, dominar o mundo? Claro que sim, B613.

Eu cheguei na indústria cinematográfica em um momento em que não existia muita opção de trabalho pra uma pessoa como eu.”

Brincadeiras à parte, e voltando para as séries, foram as suas recentes atuações em The Good Wife e Eureka que possibilitaram que Joe fosse escolhido para viver o pai da nossa queria Olivia Pope! O homem não parou em quatro décadas, fez milhões de trabalhos paralelos, atuou em dramas, romances, suspenses policias e ficções científicas. De Schwarzenegger a Keanu Reeves, Joe merece estar no comando da agência mais bad ass do mundo.

Lembrando que a quarta temporada de Scandal ta chegando! Sua estreia nos EUA está marcada para o dia 25 de setembro!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER