O pomposo Bryan Cranston

Ficha Corrida

Nome completo: Bryan Lee Cranston

Idade: 54 anos

Signo: Peixes

Altura: 1,79m

Estado civil: Casado

Time do coração: Los Angeles Dodgers (beisebol)

Lugar predileto: Havaí

Seu episódio preferido de Malcolm in the Middle é… Rollerskates S01E13

Esta é a sua vida

Bryan Cranston nasceu em San Fernando, Califórnia, em 7 de março de 1956, filho de Peggy Sell e do ator Joe Cranston. Nascido em uma família do show business e sendo criado nas proximidades de Los Angeles, ele começou cedo na arte da atuação e, aos 8 anos, fazia sua estreia em um comercial da United Way.

Apesar disso, Cranston não estava certo de que queria seguir a carreira de ator. Seus interesses na época do colégio eram se tornar policial ou jogador de beisebol. Em entrevista, ele afirmou “Eu queria ser um jogador de beisebol profissional até que percebi que eu trouxe um novo significado a palavra ‘medíocre.’”

Assim, quando saiu da Canoga Park High School em 1974, ele seguiu para faculdade, onde se formou em Ciência Policial. Ainda indeciso sobre seu futuro, ele decidiu fazer uma viagem de dois anos pelo país com seu irmão Kyle e, enquanto estavam em Daytona Beach, na Flórida, eles acabaram se envolvendo com o teatro comunitário e começaram a explorar cada aspecto do palco. Logo, eles foram convidados para participar de uma companhia de teatro. “Em um certo momento, eu percebi que precisava seguir o que eu amava, não apenas o que eu fazia bem, então tornar-me um detetive estava fora e atuar estava dentro,” declarou Cranston.

Certo de que tinha encontrado sua verdadeira vocação, Bryan retornou a Los Angeles e, rapidamente, conquistou seu primeiro papel na TV: uma participação especial em Chips, em 1982. Logo em seguida, em 1983, ele já estava no piloto de Loving, da ABC, mas a série acabou não vingando.

Depois de dois anos sumidos da telinha, ele voltou em 1985, com participações em Cover Up e One Life to Live e não parou mais. Em 1986, ele foi o vilão da semana em um episódio de Águia de Fogo e foi assim que ele conheceu a atriz Robin Dearden, com quem se casou em 1989. O casal tem uma filha, Taylor, que nasceu em fevereiro de 1993. Esse é o segundo casamento de Cranston, que foi casado com Mickey Middleton, uma escritora, entre 1977 e 1982.

Em 1987, Cranston fez sua primeira participação na série Matlock (ele retornaria em 1991). O ano seguinte marcou sua estreia na tela grande com o filme The Big Turnaournd e também seu primeiro papel no elenco fixo de uma série, Raising Miranda. Pena que ela não passou de 9 episódios.

A mancha no currículo do cara fica por conta de sua participação em um episódio de Baywatch em 1989. Ou será que seu trabalho como dublador em dois episódios de Power Rangers seria mais embaraçoso? Bom, de qualquer maneira, até 1994, o cara continuou fazendo participações especiais aqui e ali, além de emprestar sua voz para diversos shows, incluindo animes japoneses como Armitage III.

Eu adoro interpretar idiotas pomposos. Acho que gostaria de ter na minha lápide ‘Ele foi o idiota pomposo definitivo’.

Outra curiosidade da vida do ator é que, muito antes de Malcoml in the Middle, ele já fazia rir com suas participações especiais em Seinfeld, que começaram em 1994. Para quem não conseguiu ligar “o ator a série”, ele fazia o dentista Tim Whatley, com quem Seinfeld tinha uma estranha relação, achando inclusive que o dentista e sua ajudante o molestavam enquanto ele estava anestesiado.

Além das ocasionais participações em Seinfeld, que foram até 1997, Cranston também teve um papel no filme de grande sucesso The Wonders — O Sonho Não Acabou, de Tom Hanks, em 1996, uma participação na série Sabrina, The Teenage Witch em 1997, outra em Arquivo X em 1998, além de ter participado de outro filme de Hanks, o premiado O Resgate do Soldado Ryan.

Em 1999, Cranston escreveu o drama romântico Last Chance, um presente de aniversário para sua esposa, no qual ele atuou e também dirigiu. O filme acabou recebendo muitos prêmios em diversos festivais. Esse ano também marcou o início de sua participação em The King of Queens. Seus créditos na direção também incluem vários episódios de Malcoml in the Middle e a season premiere da segunda temporada de Breaking Bad.

Logo após sua participação em King of Queens, Cranston foi escalado para viver Hal, o pai do personagem-título na comédia Malcoml in the Middle, que teve 7 temporadas na Fox. Pelo papel, o ator recebeu três indicações ao Emmy e uma ao Globo de Ouro. Ao término da série, Cranston juntou-se a Steve Carell (The Office) no filme Pequena Miss Sunshine de 2006 e fez duas participações em How I Met Your Mother em 2007.

Um ano depois, Cranston iniciava seu trabalho mais elogiado e premiado. Como um professor de química pacato, que ao ser diagnosticado com câncer, junta-se a um estudante para fazer metanfetamina no sucesso Breaking Bad, o ator ganhou, enfim, um veículo apropriado para mostrar todo seu talento dramático e já faturou 3 Emmys consecutivos, um para cada temporada da série.

E o ator deve tudo isso a… Arquivo X. É verdade! Como citado anteriormente, Cranston participou de um episódio da série — Driven — que foi escrito exatamente por Vince Gilligan, o criador de Breaking Bad. Assim, quando a ideia da série surgiu, Vince logo lembrou-se do trabalho de Cranston e não pensava em outro ator para o papel de Walter White. Isso é o que eu chamo de deixar uma boa primeira impressão!

Mesmo não se tornando um jogador de beisebol como um dia sonhou, o esporte não deixou de fazer parte de sua vida. Ele é um grande colecionador de itens ligados ao beisebol e é um ávido torcedor do Los Angeles Dodgers. A paixão é tanta que em seu discurso ao ganhar o terceiro Emmy, ele agradeceu a sua esposa e filha dizendo que ele as “amava mais do que ao beisebol”.

Piadas a parte, Cranston também tem uma grande preocupação social e, por isso, ele produziu um DVD educativo chamado KidSmartz, designado a educar as famílias em como evitar o rapto de crianças e os predadores da internet. A venda do DVD arrecada dinheiro para o Centro Nacional para Crianças Desaparecidas e Exploradas. Ele também já participou de uma campanha para angariar fundos para combater a AIDS na África, entre outras ações sociais.

E aproveitando o adiamento da quarta temporada de Breaking Bad, Cranston tem, nada menos do que, oito filmes para estrear nos próximos meses. Entre eles estão o drama de guerra imaginado por George Lucas, Red Tails, o thriller Contagion, com Matt Damon, Gwyneth Paltrow, Kate Winslet e Jude Law e a comédia A Birder’s Guide to Everything ao lado de Ben Kingsley. Desse jeito, não vai dar nem tempo de sentir saudades de seu magnífico trabalho.

Sobre o Autor

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

OUÇA O BOXCAST

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

VIDEOCAST

Drag Race! Confira a ordem de eliminação das queens da décima temporada.

O Mecanismo: Listamos que personagem representa uma personalidade na vida real na operação Lava Jato.

Precisamos falar sobre Credence, um dos personagens mais profundos que já foram criados por JK Rowling.