Os bordões da TV brasileira

Ô psit, a coluna Frases entrou na brincadeira e destaca os bordões que já surgiram na TV brasileira e que, instantaneamente, viraram mania nacional.

Não dá para medir se essa ou aquela frase irá fazer sucesso, mas depois que está na boca do povo, não tem como fugir, uma hora ou outra, está lá você soltando um “não é brinquedo, não”. Só para lembrar, a autora Glória Perez é uma das recordistas em emplacar bordões em suas novelas.

Aqui, você vai ver frases famosas de novelas, humorísticos e seriados, então “Deixando de lado os entretantos e indo direto para os finalmentes”, vamos a eles:

“Cada mergulho é um flash “- Odete, O Clone (2001)

“Sou chique, benhê “– Márcia, Chocolate com Pimenta (2003)

“Tô certo ou tô errado?” — Sinhozinho Malta, Roque Santeiro (1985)

“Nos trinques” — Timóteo, Tieta (1989)

“Oxente, my god” — Altiva, A Indomada (1997)

“Na chon” — Dona Armênia, Rainha da Sucata (1990)

“Mistéééério” — Dona Milu, Tieta (1989)

“Tem que ter catiguria” — Bebel, Paraíso Tropical (2007)

“Ishalá, quero muito ouro” — Radijah — O Clone (2001)

“Stop, Salgadinho” — Lucineide , Explode Coração (1995)

“Vem cá, te conheço?” — Laura, Zorra Total (1999)

“To paganuu” — Lady Kate — Katiuscia Canoro — Zorra Total (1999)

“É Mara!”, Seu Ladir, Toma Lá Dá Cá (2007)

E o salário, ó!” — Professor Raimundo, Escolinha do Professor Raimundo (1990)

MOMENTO EU SOU RICAAAA — As Melhores Frases das Melhores Vilãs de Novelas

Odete Roitman, Vale Tudo (1988)

E eu que pensei que alguma coisa tinha mudado nesse país. É só botar o pé aqui que você começa a sentir esse calor horroroso, uma gente horrível no caminho, gente feia esperando ônibus caquéticos no ponto.

O Brasil é um país de jecas. Ninguém aqui sabe usar talher de peixe.”

Bia Falcão, Belíssima (2005)

“Ela tem o pior defeito que uma mulher pode ter, é comum” — sobre sua neta, Júlia

“Pobreza pega. Pega como sarna”.

Laura Prudente da Costa, Celebridade (2003)

“Vou te contar um segredinho, eu até curto (mulher) sabia? Mais você não faz meu tipo!” — no dia da surra que levou da Maria Clara

“Estou aqui na casa da vagabunda, na piscina da vagabunda.” quando compra a mansão da Maria Clara

Nazaré Tedesco, Senhora do Destino (2004)

“Meu nome é Maria de Nazaré Tedesco, a loirona gostosa!”

“Isso é inveja, sabia, daquela galinha preta da Fausta, da fofoqueira da Shirley, do pé na cova do seu Jaques e do macarrão sem molho do Alberto.”

Flora, A Favorita (2008)

“Você não consegue. Porque você não é uma assassina como eu.”— frase que mostrou ao país quem era a verdadeira assassina

“Que bonitinho, a Chapéuzinho Vermelho veio proteger a vovó do Lobo Mau.” — ironizando a própria filha que saiu em defesa da avó

Branca Letícia de Barros Motta, Por Amor (1997)

Antes uma riquinha sozinha e infeliz, do que uma pobrinha acompanhada, dividindo as despesas de uma kitnet em Niterói.”

“Não perca a classe nem com a cabeça na guilhotina.”

“Muita calma nessa hora”, porque vou ficando por aqui. Você lembra de alguma outra frase que deveria estar nesta lista? Deixe-a nos comentários logo abaixo. Inté mais!

#StopSOPA e #StopPIPA — O Box de Séries é contra as medidas extremistas dos projetos de lei SOPA e PIPA, assim como é contra a pirataria que gera lucro, porém defendemos o direito de todos à informação e ao compartilhamento dela.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER