Outlander 1×01 — Sassenach

Outlander nos apresenta um ótimo piloto e uma história de amor capaz de atravessar séculos.

“ As pessoas desaparecem toda hora (…) a maioria delas é encontrada, desaparecimentos geralmente têm explicações. Geralmente… — RANDALL, Claire

Antes de mais nada quero deixar claro que eu não li os livros, logo minha opinião será completamente baseada na série. O que de certa forma é mais honesto porque nós sabemos que são raras as exceções de um filme ou série ser melhor que o livro. A quantidade de informação e detalhes é muito mais incrível em livros, a emoção de ir descobrindo os personagens e seus conflitos no tempo certo só a experiência da leitura pode dar.

Isso posto, Outlander é uma história de amor. E quem não gosta de uma? Ainda mais quando os personagens são colocados em um situação fora do comum. Amar alguém de outra época, ter sentimentos conflitantes. A série tem todos os ingredientes para um bom romance.

Em Sassenach conhecemos Claire Randall, uma enfermeira da Segunda Guerra Mundial (1945) que vai com o marido, Frank Randall, passar férias em Inverness na Escócia. O casal passa por um longo tempo longe e precisam aprender a serem marido e mulher novamente. Isso, para mim, já é uma boa história. Os conflitos são infinitos, a química entre os atores é boa mas Diana Gabaldan, a escritora, é tão fantástica que ela resolve inverter tudo e num passo de mágica (literalmente) Claire aparece em 1743. A mulher que acaba de sair de um pesadelo adentra um mundo antigo e frio.

Outlander 1x01

Aqui vale um parágrafo sobre a delicadeza da cena. O ritual de magia e a forma como ela foi construída foi lindo, apesar da tosquice da cena entrar em blackout total, não sei, esperava mais. A trilha sonora junto às paisagens maravilhosas da Escócia merecem um capítulo à parte. Deve ser a única série com background escocês hoje em dia e eles capricham mesmo. Entenderam o potencial de tudo aquilo e criaram algo inédito.

Claire até compreende o que está acontecendo, encontra o marido vestido de farda vermelha e empunhando uma espada. Confesso que ali a série já tinha me conquistado. Jack Black faz é um antepassado de seu marido e é a criatura mais detestável da face da terra. A narração em primeira pessoa de Claire nos contextualiza e nos guia através do pânico e pavor da personagem. Tudo ali é diferente e perigoso. Jack tenta matá-la e estuprá-la e ela se vê correndo pela mata para salvar sua vida.

Aqui também, para mim, já tínhamos uma boa história. Só que ninguém esperava por Jamie Fraser. Amigas, sério, palavras não vão conseguir explicar a existência desse homem na terra. Mas vamos com calma porque essa outra parte é também construída aos pouco junto com a personagem principal.

Claire é salva por um highlander e adentra na maior aventura da sua vida. É importante dizer que Escócia e Inglaterra vivem em estado de guerra. A Escócia quer a independência total do país e essa tensão se agrava exatamente nesse período. Deve ser um tanto frustrante sair de uma Guerra e entrar em outra, mas já percebi que Claire não está para brincadeira. Ela é resgatada por esse grupo escocês e logo se torna útil para eles com seus conhecimentos médicos mais avançados. Claire é esperta o suficiente para entender que ali ela corre todos os tipos de riscos e sem um poder de troca ela não sobreviveria por muito tempo. Uma personagem independente, determinada e destemida. Tenho uma queda para séries com personagens femininos fortes e humanos, confesso.

Agora, o que dizer do casal protagonista? Jamie e Claire devem ser o casal com mais química nos primeiros 15 segundos de episódio da vida! A tensão entre os dois é palpável, o que demonstra uma boa escalação de atores. Até porque sem química entre esses personagens a série corre um sério risco de ser cancelada.

O episódio foi um pouco longo demais, mas acredito ter sido necessário para entendermos todo o contexto histórico da trama. Acredito que eles partem do pressuposto que ninguém leu os livros. A fotografia é maravilhosa e a abertura é uma das coisas mais lindas já vistas.

Outlander começa com o pé direito e eu não vejo a hora de ver os próximos capítulos!

E vocês? Curtiram?

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

A Fazenda voltou e o que esperamos? Memes! Mas será que os novos memes superam estes??? Clique e assista agora.

Será que você sobreviveria em American Horror Story 1984? Assista ao vídeo e prepare-se para a nova temporada.

Curiosidades de Euphoria, a série BAFOOOO da HBO.

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER