Parenthood 4×01 — Family Portrait

E a família Braverman voltou cheia de novidades. Preciso começar falando que não sabia que já estamos na quarta temporada e que a season finale da terceira foi ao ar há tanto tempo: cinco meses! É isso que me deixa bravo com a NBC, ela estréia e termina as temporadas dessa série fora do tempo normal e, por isso, eu encontro vários comentários do tipo “eu não sabia que já tinha começado/terminado”. Deve ser por isso também que eu não tenho sei de amigos que acompanham a série, só mesmo aqueles que eu conheci aqui na internet.

Mas vamos ao episódio em questão. Cinco meses se passaram também no seriado, e Bobby Little foi embora sem deixar notícias. Ainda bem, porque ele era um chato e agora Amber está livre para mais confusões. Foi bacana ver que ela está bem madura e não liga de dormir com um canalha. Mexeu com ela, ela vai e se defende sozinha. Adam nem precisava ter interferido na situação, mas mesmo assim, seu modo protetor entrou em ação.

A permanência dele e de Crosby no comando da Luncheonette foi uma das melhores decisões. É uma maneira de desenvolver as histórias num ambiente fora das casas e também de criar novas situações, assim como foi na temporada passada com o envolvimento de Adam e sua assistente, quando pudemos acompanhar Kristina no modo neurótica. E também é a chance de cantores fazerem participações especiais. A desse episódio serviu só para vermos o amadurecimento de Amber. Até porque se era o Paul McDonald (da 10ª temporada de American Idol), eu já sabia que era encreca, já que eu torcia para ele ser eliminado do reality show.

O enredo deste episódio pode até parecer meio bobinho, mas nessa série mostrou porque gostamos de Parenthood e o que é ser um Braverman. É claro que Camile iria usar como exemplo o filho mais ovelha negra dela. A reação de Mark foi muito bacana, em querer mostrar suas reais intenções, mas eu acho que esse casal não vai pra frente. Não sei, mas eu acho que Sarah está predestinada a ter muitos insucessos na vida amorosa, até que sossegue e, no fim, volte para o ex-marido. Divertido foi Joel, Kristina e Jasmine reclamarem de Mark aparecer na foto como um simples noivo!

Além de regras próprias, essa família ainda possui uma própria religião. Concordo com a avó nessa história, já que os pais de Jabbar não foram o melhor exemplo de paternidade. Toda criança precisa de um adulto por perto, então nada mais normal que ele aprendesse com ela sobre Deus. Acredito que esta temporada irá focar muito nesse ponto, em transformar Crosby e Jabbar em bons pais.

Esse medo constante de ficar na bolha e não saber se vai ou não voltar para o próximo ano tem seu lado positivo e nagativo. É ruim porque as histórias acabam sendo atropeladas, mas é bom porque a série não fica num marasmo só. Parenthood vai se dar ainda melhor quando conseguir achar um meio termo entre isso: plots rápidos, mas que possuam uma conexão entre eles.

A série volta com um episódio satisfatório, mas a gente gosta tanto dessa família que fica na expectativa do próximo. Quanto ao que eu espero dessa temporada? Aparições esporádicas de Haddie (ela tem mais é que se divertir, porque aguentou muito seu irmão e seus pais presentes além da conta), um envolvimento amoroso entre Sarah e o fotógrafo Hank (Ray Romano), muita dor de cabeça para Julia e Joel com seu novo filho Victor (o moleque já roubou o lagarto do primo no primeiro episódio!), e acho que finalmente Drew vai ter um plot decente, com a chegada de uma Amy distante. É esperar para ver.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER