PLL 6×05 — She’s No Angel

Pretty Little Liars e o costume de dar importância a personagens surgidos do nada.

Eu estou apenas cansada de viver num estado permanente de ansiedade.” HASTINGS, Spencer.

Eu não sei por onde começar a falar desse episódio. Ele claramente não nos levou muito adiante na trama principal. Na verdade, só me pegou porque Mona estava de volta, teve o clima mais creepy de todos os episódios desde o Halloween da segunda temporada, e Nate Buzzolic voltou pra ser o par perfeito de Spencer.

Pretty Little Liars tem muitos personagens e disso a gente já sabe. São tantos que muito provavelmente não conseguimos nos lembrar de todos que passaram pela história nos últimos cinco anos. Inclusive alguns que tiveram certo destaque. Vamos ser sinceros, é tanta gente que aparece e some do nada dessa série que eu fico me perguntando quão caro não deve ser o orçamento da série. Será que maior que o de The Royals?

Enfim, o que tá acontecendo é que a série sempre tem medo de entregar demais nos episódios de meio de temporada. Estamos no final da primeira parte da temporada, e obviamente essas tramas paralelas tendo tanto tempo de tela (alô Sara, alô Lorenzo, tô falando de vocês!) e o destaque em personagens brotados do chão para ajudar a confundir ainda mais a mente das pessoas (alô Lesli! Alô fotografo who que eu não decorei o nome!) são apenas para ocupar o espaço do episódio em que poderia ser trabalhada alguma coisa mais importante, mas não foi. Mas eu já cansei de bater nessa tecla em Pretty Little Liars.

pretty little liars 605

Moninha voltou. Coisa mais linda e sonsa da minha vida, chegou como quem não queria nem voltar pra Rosewood e no fim das contas acabou mostrando que uma vez bitch sempre bitch, e que o que acontece no Radley e deveria ficar por lá, nunca fica. Pra mim ela se fez ouvir pra não ter que esconder respostas das garotas que possa ajudar a descobrir quem prendeu elas na Dollhouse, mas quando se trata de Pretty Little Liars a gente nunca pode acreditar 100%.

Pretty Little Liars sempre sabe aproveitar a personagem quando quer. E deveria aproveitar sempre. Todos os episódios seriam melhor com uma dose de Mona em cada um deles. Janel Parrish cada dia mais linda, por sinal.

Tô adorando essa vibe dupla imbatível de Spencer e Hanna, as duas personagens meio que se complementam em diversos estágios e vê-las trabalhando juntas é sempre bom. Até porque elas duas são as únicas que realmente estão fazendo alguma coisa pra descobrir sobre a história de Charles. O que aconteceu com Aria aqui foi apenas pra dar alguma serventia a ela no episódio, já que a personagem anda tão ou mais sem graça do que nas últimas temporadas (saudades Aria das primeiras temporadas).

Emily está com serventia zero. Menos até do que a presença da menina de Chandelier, que só tava ali pra fazer um pouco de balé bizarro num lugar mais bizarro ainda. O plot de Emily só serve pra desenvolver o romance mais forçado da história dos romances forçados. E olha que de todos os romances forçados que a garota já teve na série, Sara é a pior. Por favor. Melhorem roteiristas!

Até porque a gente não quer ver casal sendo formado do nada. Então, por mais que eu goste do Buzzolic e ache que ele e a Troian tenham uma química imensa em cena, se for pra ele ser um tapa-buraco pro babaca insuportável do Toby prefiro que ele nem apareça mais. Mas se for pra ajudá-la a sair das dorgas, pode ficar por aí na vida o resto da série.

Sobre A- possivelmente ser mulher: vai vendo. Acho que isso só serviu para incriminar Lesli que passou o episódio todo sendo uma louca psicótica, mas ainda é a única pessoa que conheceu Bethany Young viva.

Próximo episódio só em duas semanas, e espero que a partir do próximo o ritmo fique mais insano, já que não merecemos mais freadas e perguntas. Queremos velocidade e respostas! Até porque esse deveria ser o “verão das RespostA-s”.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER