Prison Break: em busca da verdade

Prison Break estreou em agosto de 2005, em meio a uma boa fase para as séries na TV americana. A série disputava atenção de grandes nomes como Lost, Desperate Housewives, Grey’s Anatomy e tantos outros. Mas eis que a Fox garante boa audiência com esse drama que se passava em uma prisão, e logo se tornou um sucesso entre o público. Prison Break começa como uma das séries mais viciantes da história da TV.

Criada por Paul T. Scheuring, a série é ambientada em uma prisão no estado de Illinois. A história começa quando Michael Scofield (Wentworth Miller), um engenheiro (que a propósito, é gênio) é condenado e preso por um assalto a um banco. Michael pede para ser enviando para a penitenciaria estadual Fox River (as referências à emissora e ao estúdio Fox são incontáveis na série). Seu pedido é concedido, e ele vai para a penitenciária em que seu irmão mais velho Lincoln Burrows (Dominic Purcell) está preso.

prison-break_528x297

Lincoln foi condenado por um erro gravíssimo: assassinar à queima-roupa o irmão da vice-presidente dos Estados Unidos. As provas contra Lincoln são politicamente incontestáveis, então ele é condenado à cadeira elétrica. Michael questiona se seu irmão é realmente culpado, mas Lincoln afirma que não. Michael acaba acreditando e coloca em prática um plano de tirar o irmão da cadeia. Mas esse plano não é provar a inocência de Lincoln, e sim fugir com ele. O problema é que Fox River é uma penitenciária de segurança máxima. Mas, felizmente, Michael Scofield é um dos engenheiros responsáveis pelo desenvolvimento da prisão.

Michael passou meses desenvolvendo seu plano, e parte dele foi tatuado na parte superior de seu corpo, junto com a planta da prisão. A super inteligência de Michael foi o elemento crucial para o desenrolar do enredo da série. Já a falta de inteligência de Lincoln, mais todos os problemas de fugir de uma prisão, também foram parte da problemática da série.

Prison Break Thumb

Prison Break é uma mistura de tudo o que há de melhor na TV: mistério, drama, romance, suspense, e principalmente, tensão. Muita tensão. Ao assistir Prison Break, você se deparará com algo grandioso. Algo que é muito raro em uma série de TV. Infelizmente a série teve sua fase ruim, que na verdade não foi tão ruim assim, mas foi inferior ao seu auge.

A série não se limita aos irmãos Scofield e Burrows (um pegou o sobrenome da mãe, outro do pai). Nela é investida grandes personagens como a Dra. Sara Tancredi (Sarah Wayne Callies, a Lori de The Walking Dead), primeiro interesse amoroso de Michael, personagem que acabou gerando grandes reviravoltas dentro e fora dos bastidores da série; Veronica Donovan (Robin Tunney, a Lisbon de The Mentalist), a advogada ex-namorada de Burrows que tenta provar a inocência do cara. Veronica é a representação fora da prisão na série; Theodore ‘T-Bag’ Bagwell (Robert Knepper), um dos mais odiados e amados vilões de todos os tempos; Alexander Mahone (William Fichtner), um antagonista que foi um grande acréscimo à série; e tantos outros.

Com total de quatro temporadas, a primeira estreia como um fenômeno e é mais um marco para a Fox. A segunda foi bastante criticada negativamente, mas essa temporada não será problema para quem não precisa esperar uma semana para o próximo episódio. A terceira foi um caso sério. Não foi ruim, mas aconteceu num ano super difícil para as séries de TV: o ano da greve dos roteiristas. Como quase todas as séries naquele ano, Prison Break teve sua temporada reduzida a apenas 13 episódios.

Prison Break 4x02

Na quarta temporada, a Fox deu mais um exemplo de como ser uma emissora insensata e passou a série para as sextas-feiras. Isso, mais toda a carga de instabilidade que a série carregava, acabou não dando em outra: a série foi cancelada. O anúncio foi feito na semana do episódio 16, mas mesmo assim a emissora encomendou a finalização da temporada, chegando então aos costumeiros 22 episódios.

A série acabou bem (em termos de enredo, mas não de resultados finais), mas a Fox sabia que ainda faltava algo, a história não estava completa. Eis então que a emissora encomendou um telefilme para finalizar. Intitulado de The Final Break (Prison Break: o Resgate Final), a produção encerra a trajetória dos irmãos Scofield e Burrows, e da Dra. Sara Tancredi.

É necessário avisar: Prison Break não teve um final satisfatório, mas ainda assim foi um final. Todas as tramas foram encerradas e quase todas as perguntas foram respondidas. Apesar dos altos e baixos, Prison Break, como foi dito anteriormente, é uma série grandiosa, como poucas antes vistas, portanto merece e deve ser assistida.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER