Revenge 3×02 — Sin

Eu sempre me perguntei quantas pessoas se viraram contra um homem tão bom quanto o seu pai.” Nolan

Emily aprendeu o significado do perdão no episódio dessa semana de Revenge. Embora ainda não esteja pronta a tomar esse caminho, nossa vingadora acabou confrontada com os seus próprios pecados.

Quando o episódio começou, eu fiquei com medo de que Revenge tomasse o caminho de “alvo da caneta vermelha da semana”. Mas as coisas não são exatamente preto no branco e Sin esteve repleto de parece-mas-não-é. Paul, alvo da vez, um dos tantos responsáveis pela ruína de David Clarke, agora é um padre e, ainda que Emily não acreditasse no arrependimento e redenção de um dos algozes de seu pai, o fato é que o novo Padre Paul é sim um homem transformado, generoso, dedicado às suas ovelhas, que faz a diferença em sua comunidade.

revenge_sin-3x02

Pena que a loirinha descobriu isso tarde demais, depois de não ter mais controle sobre a armação que fez para fazer os superiores areditarem que Padre Paul não respeita os seus votos. Arrependida por ter encontrado a vontade de perdoar fora de hora, Emily ainda acabou tendo um curto, mas interessante diálogo com Conrad. E sentiu até pena do patriarca dos Grayson.

Mas em Revenge, de um jeito ou de outro, são todos pecadores. Claro, começando por Emily e toda a sua ira, que é o cerne do seu desejo de vingança. Conrad é o avarento, que prefere se desfazer dos luxos da esposa antes de começar a se desfazer dos seus. Victoria é a representante da soberba e da vaidade, pois sabe o quão importante é manter as aparências no mundo em que vive. De uma certa forma, Nolan representa a preguiça, com seu comportamento hedonista. E preguiça é também o que tô sentindo do Jack nesse ponto da trama. Aiden é a gula, há uma fome pelo sangue de Emily que o deixa babando — e fazendo um excelente jogo de manipulação com Victoria e com o medo dela de perder de vez a fortuna da família. E Daniel ficou diante das tentações luxuriosas de uma ex-namorada francesa…

E daí quem pecou foi você, caro leitor, que pensou mal do noivo de Emily, achando que ele tinha dormido com Margaux, né? Corre já pra igreja se confessar — e reva uma Ave-Maria a mais se você xingou o moço. Aumenta a penitência se você achou que ele estava certinho de trair a noiva…

Ah, e se chatice fosse pecado, Charlotte ganharia disparado o prêmio de pecadora-mor! Ela estava bem chatinha, né, até, claro, saber a verdade sobre a bomba na Grayson Corp e confrontar Conrad, que perdeu seu último apoio.

Falemos de Patrick. Uma questão importante foi levantada. Ele chegou dizendo que é filho de Victoria e, ok, ela aceitou. Sem comprovação, sem DNA no Ratinho, sem nenhuma correntinha que tenha ficado com ele enquanto bebê, sem marca de nascimento. Esse plot acabou de assumir o status de história mal contada. Sem contar que ele, seja quem for, vem com algum objetivo bem focado para os Hamptons, uma vez que nem se deixou envolver por Emily. Bom, tudo nos leva a crer que os propósitos do rapaz são nobres, já que os Grayson estão quebrados e ele, aparentemente, não lucraria nada em entrar pra família agora. Mas isso é Revenge, colega, e aqui nada é o que parece.

Assista ao promo do próximo episódio, Confession.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER