Revenge 4×01 — Renaissance (Season Premiere)

Ei, Ems, quer saber o que eles disseram sobre uma garota que desistiu de se vingar? Ela viveu feliz para sempre.” — ROSS, Nolan.

E mesmo com a missão inicial concretizada, Revenge está de volta! E isso que torna as coisas mais interessantes: como alguém que respira vingança consegue sobreviver após seu objetivo ser alcançado? O que resta para uma pessoa como Emily Thorne? À medida que o episódio se desenrola, aprendemos em Renaissance que passamos tanto tempo focados em vencer a guerra, que nos esquecemos de planejar o que fazer depois dela.

Na verdade, se as três primeiras temporadas contaram a trajetória de como Emily procurou por vingança, esta atual parece ser a história de como ela luta para manter a sua vitória. Emily poderia ter saído de cena (por mais irônico que isso seja) e viver uma vida relativamente normal , longe dos Hamptons. E, no entanto, ela não pôde atrever-se a fazer isso, porque ainda segura a esperança de que Charlotte vai perdoá-la.

No entanto, é claro que Charlotte não tem intenção de resolver as coisas com Emily. E eu suponho que é melhor assim, já que ex-Grayson mirim continua a ser o pior personagem secundário da série. Mesmo com colocação das drogas, os produtores insistem na mesma tecla da garota ficar o tempo todo bancando a inútil e equivocada. Tudo bem, termino o meu ódio por aqui.

Revenge-Emily-Thorne-Renaissance-04x01

Daniel está indo lentamente à falência e, mesmo assim, tenta de todas as formas garantir o seu estilo de vida luxuoso. Fora controlar as demandas financeiras dos membros de sua família e conviver diariamente com chantagem de Gideon. Isso deixa Margaux indignada com as intenções criminosas de seu irmão, e Daniel cada vez mais desesperado por dinheiro.

Cada dia que passa, ele descobre o quão pouco o peso do nome Grayson ainda carrega, agora que Conrad está morto, sua mãe aprisionada (para ele Victória está na Europa) e uma irmã drogada. Daniel pode se considerar no fim do poço em todos os sentidos. E como dizem o ditado, tudo o que vai volta, mas nem sempre de um jeito ruim. As coisas começaram a melhorar para a família Grayson de uma forma significativa: Victoria finalmente está livre.

Depois de padecer uma vida inteira trancada na ala psiquiátrica, Victoria finalmente consegue obter sua tão sonhada fuga. E que cena digna de rainha a sua saída do hospital! Então, Vic se aventura sozinha e retorna com triunfo para enfrentar cara a cara Emily Thorne. Por sua vez, Emily não se sente ameaçada pela presença de Victoria nem por suas insinuações de que agora Amanda Clarke é a sua caça. E enquanto Victoria tem sido uma personagem formidável no passado, eu não posso dizer que a reação de Emily foi algo não esperado, no mínimo, uma vez que Victoria não tem exatamente os mesmos recursos para se vingar de que Emily tinha. Pior ainda, a ameaça de Victoria é neutralizada quase que imediatamente, com ela sendo sequestrada de forma instantânea.

Sim, David Clarke está vivo, assim como vimos na season finale da última temporada. E ele está aqui para raptar Victoria, não só no sentido físico, mas provavelmente para perguntar o que realmente aconteceu todos esses anos, e se ela realmente traiu. Madeleine Stowe tem uma grande atuação aqui, usando nada mais do que seus olhos para indicar tamanho horror e choque ao rever o grande amor da sua vida na sua frente, assim como ao mesmo tempo luta contra o pano de clorofórmio pressionado sobre sua boca.

Dito isso, o retorno de David Clarke introduz algumas questões interessantes: será que ele sabe que Emily Thorne é realmente sua filha? Ele se esconde de Emily, fica difícil saber se o mesmo achava que ela fosse um estranho que precisava evitar ou se ele a reconhece como sua Amanda. Qualquer que seja sua razão, seu retorno cria várias possibilidades emocionantes. É muito mais interessante do que qualquer uma das outras histórias paralelas que tivemos durante o episódio.

Não posso deixar de comentar que foi difícil engolir e — o mais ridículo — aceitar que que Jack se tornou um policial nos seis meses antecedentes a última temporada. Quando seu superior, Ben, pega Charlotte com substâncias ilícitas, é Jack que lhe suplica pra não prendê-la, mesmo com o risco de arruinar a sua própria carreira. Eu posso entender a tentativa de pintarem o Jack como o novo “homem da casa”, mas isso me fez sentir como um plot bastante forçado.

Dito isso, o episódio foi capaz de se recuperar bem, ilustrando que mesmo que Emily tenha ganhado o jogo, ela ainda não pode abandonar a sua vingança, ou a de qualquer outra pessoa, sem assim melhor dizer. E isso é um arco bastante convincente para a personagem. Com toda a honestidade, a ideia de que alguém pode continuar a submeter atos de vingança, mesmo após o seu alvo principal ser neutralizado, acho que isso é uma maneira muito próxima de dizer que estou feliz por Revenge estar de volta.

Renaissance não é exatamente um renascimento para a série, uma vez que ainda é muito cedo para desenvolver esse tema. Ele já começou diferente, partindo de sua forma habitual de abrir cada temporada com um flash que sempre é explicado no meio da temporada (primeira temporada a misteriosa morte de Daniel na praia, segunda temporada teve o naufrágio e um corpo entre os destroços e por último, o tão esperado casamento de Emily e o seu vestido ensanguentado). Assim, a série levanta a questão do que mais mudanças podem ser feitas na redefinição dessa nova temporada. No geral, foi um bom começo, mas um pouco longe do que estávamos habituados a ver em Revenge.

Fica aí a promo de Disclosure e até semana que vem, pessoal!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER