Revenge 4×09 — Intel

A resposta é Emily Thorne”. — GRAYSON, Victoria

Revenge é o tipo de série que nunca deverá esquecer que o seu propósito é fazer drama. A série sempre chegou no auge quando toda a sua trama era voltada em intrigas, e claro, vingança. Intel não pode ser comparada a grandes episódios que utilizaram essa mesma receita, mas também não deixa de cumprir essa tarefa.

A série fez um monte de malabarismo para unir todas as histórias secundárias e finalmente relacioná-las a David Clarke. De um lado, Emily constrói uma relação com Ben Hunter, a fim de estimular que ele conte todo o passado do chefe Alvarez, a quem Emily suspeita de estar por trás do ataque no hospital. Do outro lado, Nolan não está muito interessado em ajudá-la neste momento, já que parece que sua melhor amiga anda por um caminho de autodestruição. Além disso, ele tem seus próprios problemas, como ele está agora restabelecendo a confiança de David, que lhe revela o que realmente está acontecendo: um traficante de armas chamado Malcolm Black é responsável por tudo. Onde Conrand e a Iniciação entram nessa história mesmo? Aceito explicações.

David revela que Black forçou forçou-lhe a fazer contrabando para o Canadá e, em seguida, o utilizou na lavagem de dinheiro para seus negócios pessoais. Se David recusa-se, Black mataria Amanda. No entanto, David agora sente que deve destruir Macolm Black, e precisa da ajuda de Nolan para começar o seu trabalho. Contudo, Victoria arruma um jeito de estragar os seus planos. Irritada com a decisão de David de ter escondido sua missão, ela revela a verdadeira identidade de Emily para Black através de um mensageiro. Um mensageiro que nos leva a descobrir que Macolm Black possa ser supostamente agente do FBI Kate Taylor. Ou seria ela apenas mais um capanga desse vilão misterioso?

Revenge-Emily-Thorne-Intel-04x09

Todos esses desenvolvimentos de enredo são, certamente, suculentos, e realiza a tarefa de todas as diferentes tramas cruzarem uma com a outra. E mesmo com alguns furos gigantes na sua composição, Intel foi um episódio agradável. Talvez seja porque ele passou muito tempo focado na trama principal. Mas calma, nem tudo foi um mar de rosas. Por exemplo, realmente importa saber que Margaux está grávida? Não sei onde eles querem chegar com esse plot. Seria ideal se Daniel engatasse um romance com Emily novamente e o lance da gravidez acontecesse. Afinal, iria abalar o sentimento dos dois bem naquele estilo novela das nove. E quando ele está tentando o seu melhor para ser sincero (principalmente com Emily), eles jogam esse lance de ser papai no ar, sem sentindo algum.

A única coisa que está valendo a pena a cada semana, são os momentos de que coração enfrenta coração entre Daniel e Emily. É convincente a química que os dois transmitem quando estão juntos. O tipo de química que a sua relação com Margaux nunca chegou perto. Talvez seja por isso que Revenge está nos pedindo para se preocupar com a gravidez de Margaux, da mesma forma como foi desconfortável fazer com que o público se preocupasse com Charlotte. Posso estar enganado com essa teoria, mas é algo que os produtores sempre fizeram desde o começo quando não sabiam o que fazer com tal personagem. E a lista é bem grande: Declan, Patrick, Ashley e por aí vai…

O mesmo vai acontecer com todo esse drama com Louise, que está ofendida com Nolan por ele ter investigado o passado sórdido da sua família. Talvez em nove episódios é um pouco cedo para ficar inquieto, mas sinto que será mais uma das histórias perdidas. E espero que eles tenham um plano em prática para amarrar tudo isso, por que ele simplesmente não está funcionando, na minha opinião. Tudo começa com sua obsessão por Victoria, depois tenta engatar um romance com Daniel e agora estamos em Nolan Ross. O que vem a seguir nesse jogo de ping pong?

Felizmente, há uma abundância de momentos de caráter incisivo para compensar tudo isso. Ben Hunter finalmente conseguiu sair com Emily e a sua percepção de que ela estava usando aquele encontro para obter informações sobre Alvarez foi um grande momento de modelagem para o personagem. Só que também o único. Já era ruim o suficiente aquela mágoa de não ser o escolhido para promoção de detetive, então pelo menos colocaram nosso policial para arrancar um momento de descontração jamais visto com Emily Thorne. Em um bar, bebendo cerveja, com direito a jogo de sinuca e lembranças de um casamento fracassado (olha Daniel aqui novamente!).

Falando de relacionamentos, Revenge também consegue semear mais tensão para o emparelhamento de Victoria e David, mostrando que ambas as partes têm tudo, menos confiança um com o outro. Na tentativa de convencê-lo a confiar nela novamente, Victoria recorda a data em que eles teriam fugido juntos 20 anos antes — uma data tragicamente interrompida por sua prisão. Seu apelo para David a fugir com ela é comovente, mesmo que em última análise, não funciona. Victoria está tentando manter David sob seu feitiço, porque ele é basicamente tudo o que ela tem. Agora que David sabe que Emily é Amanda, Victoria não pode dividir os holofotes tão facilmente. Então, vender a verdadeira identidade de Emily para Black foi particularmente traiçoeiro, e, francamente, triste.

Repetindo, Intel, não entrou para a lista dos melhores episódios, mas conteve tudo o que gostamos em Revenge — um prato cheio de perigos e intrigas. Essa temporada poderia ter muito mais credibilidade, uma vez que não esquecesse completamente o passado da série. Estou ansioso para que ela volte a chegar a esse ponto, mesmo porque esse papo de recomeçar do zero, sem finalizar as tramas anteriores, nunca funcionou pra ninguém.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER