Revenge 4×17 — Loss

Claro, se mexer com a Emily, recebe os espinhos — ROSS, Nolan

Sempre que escrevo sobre Revenge utilizo diversas metáforas, já descrevi a trama como um jogo de xadrez, uma guerra entre rainhas ou até mesmo uma disputa entre times. Loss em tradução livre, significa perda. E dessa vez não há como utilizar nenhum outro exemplo, já que o episódio fez jus ao nome e no final das contas, ninguém saiu ganhando.

Que Revenge não é mais a mesma, isso já sabemos. Desde que David ingressou novamente a trama, criou-se um novo arco em cima da série e a premissa de vingança acabou sendo esquecida em torno da personagem principal. Mas sendo advogado do diabo (mesmo tendo criticado esse fato anteriormente), estou gostando da conduta que as coisas veem tomando. Loss não foi cansativo, pelo contrário, os plots se juntaram e isso acabou envolvendo todos os personagens de uma vez. O que deixa a drama uma verdadeira delicia de ser acompanhada.

Ainda se recuperando da cena em que Jack é preso e afastado do filho de forma humilhante? Garanto que o sentimento é mútuo, e rever essa mesma cena na visão da infância de Amanda Clarke, a situação se tornou ainda mais cruel. Mas temos uma boa notícia: Emily Thorne estava lá para salvar o dia! Agora que Margaux Lemarchal tem mexido com seu primeiro amor (de acordo com as “meias” palavras de Emily), nossa vingadora volta às origens e faz de tudo para que Jack não perca a guarda do filho.

EMILY VANCAMP, NICK WECHSLER

E como primeiro passo, ela contrata uma advogada para salvar Jack da prisão. E não é qualquer advogada: Stevie Grayson! Tenho uma imensa simpatia por essa personagem, desde a sua primeira aparição, Stevie conseguiu transmitir certa empatia, tanto por ter tentado ajudar David Clarke no passado, quanto por ser uma grande mãe que Jack jamais imaginou ter um dia. Isso ficou bem claro na audiência frente ao juiz, sua suplica estava além de uma profissional de direito, e sim, de uma mãe suplicando pela liberdade de um filho.

A relação de pai e filho foi bem tratado durante todo o enredo, começando pelas lembranças de Emily sendo retirada do pai, depois Jack sendo ameaçado por um assistente social de perder a guarda do filho e o momento “vovô e netinho” compartilhado por David e Carl. E não podemos esquecer que Victoria foi uma grande vovó também, mas isso deixamos para falar depois. Voltando para a prisão de Jack, Nolan consegue descobrir que algo foi colocado no suco de Jack, o que faz com que todas as suspeitas se tornem verdadeiras: Margaux estava por trás de tudo e teve coragem de acabar com a imagem de alguém que antes, era o seu amigo.

Nem preciso descrever o que aconteceu, né? Foram as melhores sequencias possíveis, combinando o que há de melhor: chantagens, lutas e muita vingança. Eles descobriram que a juíza estava recebendo suborno da empresa Lemarchal em troca de condenar Jack. Claro que deram a volta por cima e mostraram quem realmente manda nos planos de acabar com alguém. Também não podemos deixar de notar que Margaux atingiu o nível master de maldades que jamais imaginaríamos que ela fosse capaz. Karine Vanasse está saindo melhor do que a encomenda, e a personagem está tão convincente, que até arranjaram uma maneira de que ela manipulasse Victoria.

Percebendo tamanho perigo, Emily resolveu ouvir os conselhos de David e tentou formar uma trégua com Margaux. A sugestão de Emily? Que ambas parassem de tentar acabar com a outra e que juntas limpariam o nome de Daniel Grayson. Como garantia, Emily lhe entregou a certidão de nascimento original, e pela lógica, tudo se resolveria ali. Só que estamos falando de Revenge, e é claro que após Margaux recusar a proposta, um carro a atropelaria. Claro que Emily foi acusada. Tá, isso nem foi tão previsível assim, o previsível mesmo, foi Margaux ter contado a Victoria que ela havia sido empurrada por Emily. E aqui renomeio o prêmio bitch of the bitches para essa francesinha. Quem não quer Margaux morta?

Tudo bem, exagerei um pouco. Ainda mais que ela perdeu o bebê e aqui, nos despedimos de qualquer vestígio que Daniel Grayson tenha deixado. Victoria estava realmente empolgada com a chegada do netinho, e há muito tempo não presenciávamos esse afeto familiar por sua parte. Então, aqui declaro meus pêsames, porque de todos os outros, Vic é a única que não tem mais ninguém. (Sim, estou fingindo que Charlotte e Patrick não existem só para causar mais comoção).

Disse que não usaria metáforas, mas foi abordado tanto os assuntos familiares que esse episódio poderia ter sido chamado facilmente de “Laços de Família” ou qualquer outra novela que Manoel Carlos tenha escrito sobre. Nolan foi um grande marido/amigo ao reconhecer os esforços de Louise, que mesmo perdendo o irmão, ficou do seu lado e fez de tudo para que sua reputação não manchasse. Dessa vez não vou puxar o saco de Louise, porque estão cansados de saber o quanto amo essa personagem. Em Loss tudo foi aproveitado e altamente necessário! Principalmente a participação daquele assistente social (boa pinta), que provavelmente será o novo interesse amoroso de Nolan. Por favor, seja feita a nossa vontade!

Digno de cinco estrelas, Loss começa a interlaçar novos desafios para que Emily possa enfrentar. O que é a natural, já que estamos entrando no ciclo da season finale e as coisas começam a esquentar daquele jeitinho que adoramos assistir. Se preparem, pois Clarity promete derrubar forninhos para nossa querida Amanda.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER