Save the cheerleader, save the world

heroes

Em 2006 a televisão passava por um momento mágico. Lost estava começando a fazer escola, expandindo seu universo ao levar a história para fora da telinha . E nessa atmosfera que Tim Kring criou sua maior obra de arte: Heroes.

Aproveitando o que ainda era apenas uma marola — os super-heróis — Kring desenvolveu uma nova série, que retratava pessoas comuns descobrindo poderes extraordinários. Ele seguiu o manual de como conseguir sucesso direitinho.

Entendeu que mesmo tendo um projeto com potencial para o mainstream, toda a força da divulgação deveria vir de um nicho bem específico: os nerds. Afinal, são eles que entendem tudo sobre quadrinhos, os diferentes universos criados por cada editora, os fundamentos para cada tipo de poder. Assim, lançou sua série direto no paraíso na Comic Con. O resultado foi maior do que o esperado.

A história de Hiro Nakamura, Peter Petrelli e Sylar atingiu altos índices de audiência desde o primeiro episódio. Os relatórios dos sites de compartilhamento mostravam que Heroes estava sempre nas cabeças da pirataria. Sucesso instantâneo, tanto que se aproveitou da internet para criar conteúdo extra.

De alguma forma, um nerd no Japão descobrindo que podia controlar o tempo/espaço, um enfermeiro de New York que acreditava poder voar e uma cheerleader indestrutível cativaram o público de forma surpreendente.

Eram personagens muito reais, com reações genuínas diante das descobertas de tais poderes. Hiro sabia exatamente o que fazer com eles. Sonhou a vida inteira com a possibilidade de se tornar um herói. Enquanto a stripper Nikki nem fazia ideia de que era uma releitura do médico e o monstro. E o que dizer de Sylar, um dos maiores vilões da TV?

Tudo isso começou há exatos sete anos — e dois dias, por causa dos anos bissextos. Se eu fosse o Hiro voltava no tempo para salvar a série, a cheerleader e o mundo.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER