Smash 1×14 — Previews

“ ’Cause a wanna be a Smash! ” — Canção original, Smash!

Dentre as canções que compõe um musical, sempre existe uma que ganha destaque, seja por contar uma parte da história, um clímax, ou mesmo por ser uma canção já conhecida aplicada a um novo contexto. Vários exemplos eu poderia citar, mas quero destacar Your Song, música de Elton Jonh de um álbum do cantor de 1967 e que ganhou força com um cover em Moulin Rouge e resgatou o cantor a uma nova geração de fãs. Quem não se lembra?

Em Bombshell, essa função de música representativa talvez fique dividida entre Let me be your Star (que ao final de todo episódio eu fico cantarolando até dormir) e Smash!, apresentada neste episódio. Maravilhosa! Uma canção interpretada por Ivy e Karen que (olha eu batendo nessa tecla mais uma vez) sejam as escolhas mais certas para dividirem o papel de protagonista do espetáculo.

Vimos nesse episódio uma Rebecca Duvall muito mais insegura, mas ciente de seu papel de estrela na produção. Ela sabe que não canta bem como as primeiras opções, e sabe que corre um risco tremendo de fazer feio na Broadway. A apresentação em Chicago estava correndo muito bem, até que o final foi decepcionante. Se ela não pode cantar bem, se não está se conectando com o público pela emoção da morte de Marilyn, é melhor deixar mesmo o papel.

Só eu que não engoli a intoxicação forçada? Claro que alguém armou para ela, colocando amendoim no suco. Mas fiquei com uma pulguinha atrás da orelha quando ela disse que sabia que a bebida ia levá-la ao hospital. Pena, a série perde muito com o fim da participação de Uma Thruman, ela foi uma Marilyn perfeita.

Está dada a largada para mais um round entre Ivy e Karen pelo papel da blondie girl. Ivy seria a escolha mais natural, uma vez que o papel era dela, que ela sabe todas as músicas e as falas. Mas Karen era a substituta oficial. E agora Derek? Leva o papel quem dormir com você primeiro? Olha, está para nascer um personagem tão canastrão como Mr. Director. It´s show business, bebê!

O fato de Ivy ter se envolvido com Dev, e sabendo muito bem quem ele era, cria na trama da série uma clara divisão entre quem é a loira má e quem é a mocinha inocente e indefesa.

Espera ai, mas Marilyn não era exatamente assim? Da pobre menina órfã, criada em lares adotivos, tímida, doce, meiga ao furacão loiro que encantou o mundo e enriqueceu a Twentieth Century Fox? Mais uma vez Smash deixa nas entrelinhas a seguinte questão: Ivy e Karen são as essências de Marilyn Monroe. A quem pertence o papel?

Preguiça nº 01 — O climão rolando solto entre Tom e Júlia, Júlia e Michael.

Preguiça nº 02 — A eterna DR entre Dev e Karen.

Como bem lembrou Eileen, Showtime! Como no teatro, a série entrou numa fase de construção final dos personagens, das tramas paralelas e de definições sobre o espetáculo. As prévias foram feitas, mas com a saída da estrela tem-se muito que trabalhar ainda. Que venha a season finale, intitulada Bombshell. Será que descobriremos enfim que será Marilyn?

Eu termino as reviews sempre com “quebrem as pernas” e “merda para todos”, termos de uso comum no teatro, que significam desejar sorte aos atores. Hoje, vou terminar com uma frase dita pela personagem da Anjelica Huston nesse episódio, e provar que estamos em sintonia com Smash: Break the leg. Até.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER