Superstar — A grande final

Chegou o grande dia! A final da primeira temporada do Superstar Brasil!! A decisão ficou entre 4 bandas, Suricato, Malta, Luan e Forró Estilizado e Jamz. A Jamz foi na verdade o azarão da final, a zebra, acredito que todos esperavam a Move Over nesses 4 aí, mas com a decaída da banda da menina do cabelo vermelho a Jamz foi que foi comendo pelas beiradas e conseguiu seu lugarzinho dentre as melhores dessa temporada.

A final foi da seguinte maneira. As 4 bandas se apresentariam, as duas menos votadas seriam eliminadas e só as duas mais votadas pelo público iriam duelar pra decidir quem seria a campeã. Ah e os jurados não teriam peso na votação, ontem eles só assistiram. Hoje, teremos também as opiniões da Marina sobre as apresentações. Vamos ver o que rolou na finalíssima!

Jamz

jamz

Assista aqui

Bruna — A Jamz abriu a primeira eliminatória da final com Wake me up. A Jamz é uma boa banda, mas ainda falta um tempero para os meninos. Não mandaram bem, tudo muito morno, muito calmo, muito insosso. No começo, deu pra sentir de longe o nervosismo, os vocais não estavam tão bons e a Jamz não conseguiu empolgar a plateia. Mas a Jamz tem algo ao seu favor que é a escolha da música, eles escolhem músicas que estão bombando e que todo mundo curte e isso com certeza os ajuda, eles alcançaram uma boa pontuação, 61%.

Marina — Começando com a benção do Pedro Bial, tocando Avicci em uma versão mais soft que a música original, a banda não impressionou. Para uma de final, houve pouca emoção, pouco expressiva, ou seja, mantiveram a linha deles. 61% os moderninhos iniciaram com pouco ponto comparado há semanas anterior.

Suricato

suricato

Assista aqui

Bruna — A Suricato tocou Born to be wild. A Suricato mandou bem demais, mas pecou na escolha da música. Enquanto a Jamz escolheu uma música atual e assim consegue conquistar mais público, a Suricato apostou no clássico e, por isso, eu acredito que não teve uma votação mais maciça. Não há o que falar sobre a qualidade da música desses caras, é uma banda de puro talento e é muito bom saber que a Suricato existe e que bom que o Superstar teve a oportunidade de fazer com que eles ficassem conhecidos. Ta aí uma banda que vou curtir muito! Infelizmente, a Suricato conseguiu somente 50% dos votos.

Marina — E a moral dos Surigatos foi levantada com o elenco bonito e feminino da Globo, os garotos resolveram não se arriscar com músicas autorais e tocaram uma versão de Born to be Wild, que não animou a ninguém. Nem aos jurados, nem a plateia e nem o publico, que resolveu não subir a cortina para eles.

Luan e Forró Estilizado

luan

Assista aqui

Bruna — O Luan tocou um pout-pourri com clássicos do forró. Luan foi bem, ele sempre foi bastante consistente naquilo que se propôs a fazer durante a competição. Não me entendam mal, eu até gosto do forró do Luan, é gostosinho, tem uma música dele que eu viciei! Outro dia me peguei cantando e dançando ela enquanto cozinhava, quem nunca? Mas ele não é o vencedor do programa, pelo menos não o real vencedor. Outras centenas de bandas de forró são capazes de fazer e fazem o mesmo que ele, com a mesma qualidade, no mesmo estilo, sem nada de único ou um diferencial. Por isso, ele não era o grande campeão realmente. Luan conquistou 55%.

Marina — A Suzana Vieira consegue se destacar mais que todas as bandas juntas, e por isso que ela foi a escolhida para fazer comentário non sense sobre a banda de um nome só. Luan foi todo trabalhado no visual Drake Bell, foi abri a boca que subiu 20% das votações. Levantou a plateia e não houve erro algum na apresentação. Continuou o padrão de boa voz, bom instrumental, música famosa e não conseguiu passar Jamz.

Malta

Malta-e-a-primeira-aprovada-no-duelo-do-SuperStar--size-598

Assista aqui

Bruna — A Malta tocou Entre nós dois, outra autoral. Eu nunca vi nesse programa uma porcentagem subir tão rápido!! E merecidamente! A Malta conquistou o público desde o começo e se apresentou nua e crua em praticamente todas as apresentações, sempre com músicas autorais e músicas incríveis! A Malta alcançou 70% dos votos fácil, fácil e mostrou para as outras três como é que se faz.

Marina — O áudio de hoje não ajudou, e foi a única banda a tocar música autoral na final. Com uma composição bela, a Malta não conseguiu ser ofuscada pelos problemas técnicos. Malta é uma banda preparada, é uma banda revelação de verdade, eles tem talento, tem o feeling. 70% limpos se mantiveram em primeiro lugar nessa primeira etapa.

No final do primeiro round a classificação ficou assim:

  • Malta — 70%
  • Jamz — 61%
  • Luan e Forró Estilizado — 55%
  • Suricato — 50%

Então, Luan e Suricato foram eliminados depois das primeiras apresentações e a grande final ficou entre Malta e Jamz.

Antes de votar pra valor, as duas bandas tiveram a oportunidade de subir ao palco pra se apresentar sem pressão. A Malta tocou Against all odds do Phil Collins, mais uma vez deu seu show sem esforço algum e mais uma vez fez uma escolha audaciosa de repertório. A Jamz tocou Love never felt so good do Michael Jackson. Foi melhor que a primeira performance da noite, mas a música muito chatinha e mais uma vez, sem sal, sem açúcar, sem o algo a mais que a Malta tem de sobra.

Chegou a hora, cada banda iria subir novamente ao palco para que o público decidisse quem seria a grande vencedora! A primeira foi a Jamz.

O Duelo Final

jamz

Assista aqui

Bruna — A Jamz resolveu apostar em uma autoral pra encerrar sua participação no Superstar. A música chamada Completa, não conquistou o público e não é pra menos. Foi uma péssima escolha para a última música da trajetória deles. Se alguém te diz que é sua última apresentação, tudo ou nada, você escolhe a sua melhor música, a sua melhor apresentação e dá o sangue, dá tudo que você tem e a Jamz não fez isso. A música tinha uma boa letra, uma baladinha, mas não era, definitivamente, a escolha pra música da vitória. A Jamz conseguiu apenas 47% dos votos.

Marina — A banda de baile, com uma voz soft e uma música autoral de dar sono. Uma apresentação decepcionante. Para uma final foi fraco, praticamente invisível. E isso refletiu nas votações.

malta

Assista aqui

Bruna — A Malta tocou Supernova, outra música autoral, um rock com pegada metal. Pensando em angariar votos, a escolha de música da Malta também foi arriscada, viu? Mas quem disse que a Malta tem medo de se mostrar? Entraram com tudo! Com a cara e a coragem que tiveram durante todo o programa e que faltou pra Jamz até mesmo na final quando eles não tinham mais nada a perder. No começo deu até um medinho dos números não subirem, mas do meio pro fim a música explodiu, se engrandeceu, a porcentagem subiu que foi uma beleza e com mais uma performance impecável da banda e dos vocais a Malta confirmou fácil o seu favoritismo e venceu o Superstar com todo o merecimento.

Marina — Quando começaram a tocar, já senti o deboche. Depois de conquistar o público com suas canções adocicadas investiram na última canção com pegadas de Metal. E foram os vencedores do programa. Existia alguma dúvida que eles ganhariam?

A Malta foi se firmando a grande vencedora durante todo o programa, a cada música autoral que tocavam a banda mostrava ao que veio e que tinha tudo para se firmar no mercado e no coração do público. Além disso, a Malta representava algo novo, bom, comercial e a volta do rock que perdeu muito do seu espaço no cenário nacional. A música brasileira tem tantas bandas incríveis de rock, mas que foram sendo deixadas de lado enquanto no grande cenário popular somos “agraciados” com mais do mesmo todo o santo dia. As bandas clássicas de rock como o próprio Capital Inicial, do padrinho Dinho Ouro Preto, estavam precisando de novas caras que trouxessem de volta o rock nacional para muita gente que tem se prendido às mesmices que nós vemos na televisão e ouvimos nas rádios na maior parte do tempo. A Malta mereceu muito esse título e sem dúvida é uma banda que vai estourar e fazer por merecer o título de Superstar!

Bom, com relação ao programa, podemos esperar sim uma segunda temporada. Apesar dos erros e problemas desastrosos do início do reality, o Superstar conquistou sim um público fiel, tanto é que todo mundo que eu conheço sabia o nome das bandas e torcia pra alguma delas. Como divulgamos aqui no Box, é provável que a próxima temporada seja às terças e não aos domingos e com certeza irá ao ar depois da próxima temporada do The Voice Brasil. Quais mudanças serpa que podemos esperar pra próxima temporada? Mudança de regras? Mudança de jurados? Maior participação dos padrinhos? É, acho que o Superstar pode melhorar bastante. Vamos torcer para que a segunda temporada tenha ainda mais sucesso que a primeira e que nós sejamos presenteados sempre com boa música! Obrigada a todos que acompanharam a cobertura do Superstar aqui pelo Box! Até a segunda temporada, minha gente!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER