Tem muito CW se passando por HBO

Não sei se já comentei com vocês, mas o Box de Séries tem os seus BoxBoys. Não que de fato existam, mas eu os nomeei assim. Os BoxBoys são um grupo de meus colaboradores (bem novinhos, é verdade) com os quais sempre converso em busca de aguçamento da inteligência. Os maiores expoentes são o Alê e o Pedro.

BoxBoys

E lá vem o Xico falando mal da CW de novo? Você não se cansa? E o que os BoxBoys tem a ver com isso, Xico? Por favor, esclareça-nos!

Fiquem calmos, amiguinhos! Eu esclareço todo mundo. Uma vez o Pedro usou um argumento imbatível. De acordo com ele, o tempo que se perde com séries da CW faz com que você deixe de ver coisas muitos mais relevantes, como as produções da AMC e da HBO. E não é que ele estava coberto de razão, meu povo?

Todavia, alguns ainda insistem em ver produções do canal que mais cresce nos Estados Unidos (#RedeTVFeelings)! E o pior não é isso! Tem muita gente aí que é CW se passando por HBO, meu povo! Cuidado! Um canal não tem nada a ver com o outro. E sabe por quê? The facts are these (#PushingDaisiesComeBackPlease).

O primeiro erro de quem assiste CW é com a série mais gay e mais badalada e melhorzinha do canal, Arrow. O problema não é elogiar os dotes físicos do Stephen Amell. Até aí, taí a comunidade gay dos fãs de Arrow que não me deixa mentir: nesse quesito, Amell é talentosíssimo. Mas pimpolhudos, não dá, nunca na vida, para achar de colocar o Amell no mesmo patamar que o Michael C. Hall em Six Feet Under. Tem um erro de lógica aí.

Michael C. Hall Globo de Ouro

Coisas que não entendo em quem assiste a CW: achar a interpretação da Nina Dobrev em The Vampire Diaries fodástica, ainda mais agora que ela vive duas personagens. E é uma grande rasgação de seda para as nuances interpretativas da atriz para diferenciar a Elena da Katherine. Tenho uma vontade absurda de rir! Vocês já ouviram falar de Michelle Fairley? Pois é, essa superlativa atriz da HBO fez, em apenas uma única cena como a Catelyn de Game of Thrones, o que Dobrev não conseguiu em CINCO TEMPORADAS! Da próxima vez que falarem que Dobrev é um escândalo de atriz, vejam o Casamento Vermelho e revejam seus conceitos.

Michele Fairley

E já que o assunto é vampiros, não posso mesmo deixar de continuar expandindo meus comentários sobre The Vampire Diaries. Enquanto você fica aí, sofrendo e se derretendo de amores por Elena, Damon e o outro lá que não sei o nome, os mais espertos ficam excitados com Sookie, Eric e Bill. Sinceramente, se for pra sofrer entre quem escolher, é muito mais interessante se descabelar sexualmente pelos dois vampiros de True Blood que se devastar com a falta de tempero com as coisinhas xexelentas dos dentucinhos da CW.

eric

Se você ainda permanece irredutível e ainda teima em achar que a CW é a nova HBO e, num ato de desespero ensandecido, menciona os efeitos especiais de Supernatural, eu só tenho uma coisa pra falar: manda os técnicos dos efeitos de Supernatural terem uma lição com os técnicos dos efeitos de Game of Thrones. Acho que será uma boa conversa.

E ainda tem o caso de heresia cometido pela CW. Transformar o símbolo máximo do feminismo noventista, Carrie Bradshow, em uma adolescente em busca de si mesma em uma série super meia boca chamada The Carrie Diaries (aliás, o canal ama a palavra diaries). Pra que perder tempo com uma Carrie genérica se você sempre poderá ter a icônica Sarah Jessica Parker em Sex and the city (e de brinde você ganha a revolucionária série que colocou a discussão da mulher e seus anseios e seus prazeres na mesa de um restaurante chique!).

Sarah Jessica Parker Thumb

E a CW tem muitas estrelas! Dobrev, Amell, Ackles, Padalecki. Mas, sinceramente, continuo com as estrelas da HBO: James Gandolfini, Dustin Hoffmann, Laura Dern, Michael C. Hall, John Goodman, Steve Buscemi, Anna Paquin, Daniel Headcliff. Destes poucos que eu citei, temos dois ganhadores de Oscar, alguns ganhadores de Globo de Ouro e outros vencedores do Emmy. Não me recordo de nenhuma grande estrela da CW ter algum desses prêmios no currículo.

Tá bom, né? Se você é daqueles que come mortadela e arrota peru; que se acha HBO, mas é pura CW, recomendo a você o novo álbum da Lei de Gaga, aquela cantora que se acha Madonna ou Britney reloaded. Acho que você vai gostar bastante. Especialmente se o CD for tocado em um camarote com muito champanhe e mulher bonita e seguranças.

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER