The Good Wife 7×04 — Taxed

The Good Wife vem com Taxed polêmico e justo, como uma boa série deve ser.

Lembra de mim?”— AGOS, Cary

Sabe qual é a verdadeira sacada de The Good Wife? Ela pega um assunto polêmico e coloca os dois lados para discutir. A série não seleciona um lado certo ou errado, ela simplesmente coloca os fatos na mesa e deixa que o público decida sozinho. Simples e eficaz.

Isso posto, Taxed foi um episódio excelente. Na falta de um caso, foram dois. Ambos atuais e muito polêmicos. Alicia tem a proeza de fazer cada vez mais inimigos. Mas a verdade é que os casos caem na mão dela. Não se pode culpar uma pessoa por fazer o trabalho bem feito.

O caso é sobre Maia Sachs, acusada de roubar um blusa de uma loja. Aqui vale também uma análise do sistema judiciário americano. Essas Cortes de Conciliação são uma hipocrisia sem tamanho e o Senhor Don Schakowsky é uma das pessoas mais nojentas da série. São pessoas como ele que tornam esse mundo a tristeza que é. Ao invés de colaborar com o sistema, ou melhor, colaborar com o ser humano, ele prefere bater o cartão, ganhar o seu mísero salário e voltar para casa.

TGW 7x04

Alicia, como não era de se espantar, acaba se tornando um incômodo para todos. Os outros advogados querem comer ela viva e Don parece não escutar mais nenhuma frase pronunciada por ela. Maia jura ser inocente e com a ajuda de Jason (Meu Deus! Meu Deus!) eles descobrem que foi a mãe que roubou a blusa e não a sua cliente. Triste fim, mas necessário para trazer Jason para a trama!

Podemos falar da incrível química dos dois? A parte mais legal é ver que os escritores estão aproximado o casal devagarinho. Mas não tem como não gostar desse homem. O cara socou um juiz! Ou seja: competente e bad boy. Morremos todas!

Outra trama muito interessante foi com Diane. O caso era sobre o suicídio assistido. Alguns estados estadunidenses autorizam esse procedimento, mas isso não quer dizer que esteja tudo bem. Canning foi o advogado de defesa e Diane foi instruída pelo secretário do Sr. Dipple a fazer a defesa da acusação, no caso, os pais da menina que praticou o ato.

Diane passou por uma prova de fogo. Ela sendo a favor da eutanásia defender quem é contra não é fácil. Definitivamente. O caso acabou beneficiando o médico, mas o mais importante foram os argumentos usados. Série também é cultura e pode educar uma sociedade. Ponto para The Good Wife!

Teve a trama de Eli e as Florricks. Ele bem que tentou, mas Ruth não nasceu ontem e esse joguinho infantil dele precisa cessar imediatamente. Você é melhor que isso querido!

É impressionante como os atores convidados são tão bons quanto os fixos. Sem eles a série não existiria.

The Good Wife cada vez melhor. Que venham os próximos episódios.

Considerações Finais

– Lucca e Alicia sócias! Prevejo muito sucesso.

– Cadê Cary? Roteiristas, favor melhorar e lembrar dele!

E você, curtiu? Então deixe o seu comentário.

[taq_review]

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER